Pages

Sunday, July 05, 2009

ONDE VC ESTAVA QUANDO...

A MORTE DE MICKO JACKO LEVARÁ NO FUTURO PESSOAS QUE TESTEMUNHARAM ESTE MOMENTO A SE LEMBRAREM DO QUE ESTAVAM FAZENDO NO DIA/HORA EM QUE ELA ACONTECEU (BOM, EU TAVA INDO PRA CASA, TRANQUILAO, LEMBRO QUE CHUVISCAVA). QNDO MENINO, LEMBRO DO CHOQUE DE MINHA MAE AO OUVIR NA TV QUE ELVIS TINHA MORRIDO, E, ALGUNS ANOS DEPOIS, JA MAIS LIGADO EM MÚSICA, TOMAVA BANHO AO SABER QUE LENNON HAVIA SIDO ASSASSINADO, PELA NOTICIA DE ULTIMA HORA NO RADINHO. MAS NAO ME LEMBRO DO QUE FAZIA NO MOMENTO EM QUE SOUBE QUE O CORPO DE KURT COBAIN FOI ACHADO, PQ, PRA MIM, EU SABIA QUE MAIS DIA, MENOS DIA, O CARA IA METER UMA BALA NA BOCA *(QUASE CHEGUEI A ESCREVER ISSO NO RF). CONTUDO, LEMBRO VIVIDAMENTE DO MOMENTO EM QUE A CHALLENGER EXPLODIU, EM 1986. EU ESTAGIAVA NA TV E ESTAVA SÓ, NUMA HORA VADIA, NA SALA DO MEU CHEFE, VENDO A CNN (QUE, ENTÃO, NAO PEGAVA EM TODA PARTE), FÃ QUE SOU DE VIAGENS ESPACIAIS, ATENTO AO LANÇAMENTO. AI, DE REPENTE, KA-BUM! ESSE MOMENTO ME MARCOU MUITO MAIS DO Q A MORTE DE QQ POPSTAR. EU QUE ACHAVA QUE EM 2010 JA ESTARIAMOS VIVENDO EM MARTE. E HJ NAO TEMOS NEM MAIS O CONCORD! E VC, QUAL MOMENTO HISTÓRICO, MUSICAL OU NÃO, TE MARCOU, OU Q VC SE LEMBRA DELE DE ALGUMA FORMA ESPECIAL?

31 comments:

pacheco said...

Mamonas assassinas.. acho que várias pessoas de minha geração vão falar isso! Eu tava brincando de Lego...

Bruno said...

Eu lembro muito bem da morte do Michael Hutchence . Lembro que ainda tava na febre be here now do Oasis e acordo um dia com um aviso na mtv : má noticia, foi encontrado morto o vocalista do Inxs michael hutchence etc etc etc " eu nunca fui grande fan do INXS mas senti demais a morte dele. Lembro que passava um dia depois fui a aula e passando pela avenida 9 de julho aqui em SP, tocou never tear us apart e percebi que comecei a chorar no onibus :/

tom said...

DA TRAGEDIA DOS MAMONAS TBM ME LEMBRO BEM. TENHO HABITO DE OUVIR RADIO AO DEITAR, DE ORELHA, TAVA OUVINDO A CBN QNDO DERAM A NOTICIA, ERA TIPO ENTRE UMA E DUAS DA MANHA, E PENSEI: FODEU, AMANHA (DOMINGO) TO DE PLANTAO NO JORNAL. TIVE QUE FAZER UM INTENSIVO DE MAMONAS QUE, CONFESSO, MAL CONHECIA DE OUVIR NA RADIO O VIRA E NAO DAVA BOLA, MAS MEU FILHINHO SE AMARRAVA NELES. DAI EM DIANTE, VIREI MEIO FA AO CONHECER A HISTORIA...

iga_rio said...

Fala Tom,

O do Michael eu tava chegando em casa e a noticia tava passando na Tv... segundo depois já tava em todos os canais.

Mas a do Cobain foi a que me marcou mais... eu tava escutando In Utero em casa, assim que parei de escutar o cd liguei a Mtv e veio a noticia na hora. foi muita coincidência !!

Ahhh teve também o 11 de setembro, tava no trabalho quando um amigo meu leu a noticia no site... em questão de segundos todos estavam em frnte a uma tv ou computador para acompanhar.

Abraços,

Alessandro said...

Bom... Lembro de algumas notpicias destas!
- Lembro da morte do poeta Carlos Drummond, que me marcou pois estava ouvindo a turma da Maré Mansa em meu quarto e no fim do programa a Radio Globo noticiou sua morte. Não sei pq fiquei gelado quando ouvi. Humor e morte, sei lá!

- 11 de Setembro: Estávamos eu e meu irmão conversando numa boa e quando ligo na CBN ouço o Heródoto ou Sidney Resende falando: "Nossa, neste momento desaba a segunda torre. Impressionante..." Até entender o que estava acontecendo demorou um pouco... rssssss

- A morte do Tancredo: estava na sala e meu pai esperando a coletiva que começaria depois do Fantástico. Ai vem a notícia da morte do Tancredo e de que eu não teria aula na segunda-feira! rssss

Tem mais mais no momento não lembro!

PEDRO BAMBAATAA said...

o momento que me marcou, foi a morte de john lenon, pois estava no colégio fazendo recuperação quando um amigo chegou com a noticia... ninguem acreditou...

Anos mais tarde outro acontecimento que me deixou balançado foi a morte de renato russo, pois estava no trabalho fazendo um projeto, debruçado na prancheta quando ouvi noticia...
senti algo muito estranho no peito, uma pressão, um apertão...
foi foda!!

tom said...

A MORTE DO COBAIN ME MARCOU MAIS DO QUE A DE JACKO, PQ ELE ME DIZIA E ME REPRESENTAVA MAIS. JACKO PRA MIM É SÓ A SINTESE DE UM POPSTAR, JUSTAMENTE TUDO CONTRA O QUAL COBAIN ERA CONTRA. EU ACORDEI NO 11DE SETEMBRO COM UMA LIGAÇÃO DE MA BABE PEDINDO PRA BOTAR NA CNN. EU NAO ENTENDI NADA, ACHEI QUE TAVA VENDO UM BIS DO PRIMEIRO ATAQUE, MAS ERA O SEGUNDO, AO VIVO!

tom said...

MAS EU SENTI MAIS A MORTE DO PAULO FRANCIS, ALGUEM O QUAL EU LIA AS COLUNAS NA FOLHA DESDE OS ANOS 80. E FOI NO DIA DE MEU ANIVERSÁRIO! BEM COMO O ACIDENTE COM HERBERT VIANNA, TBM NA MESMA DATA! DAI, NESTE DIA, EU SEMPRE LEMBRO DE AMBOS. EU TAVA EM BOTAFOGO NO DIA DO ENTERRO DO FRANCIS, NA EMI, DO LADO DO CEMITERIO, ENTAO PASSEI LA PARA A MINHA DESPEDIDA FINAL...

PEDRO BAMBAATAA said...

outro que balancei, foi o TIM MAIA, meu artista nacional favorito!!

tom said...

OFF QUE TEM A VER:

Quando Farrah Fawcett chegou ao Céu, Deus era um fã tão ardoroso dela que decidiu conceder-lhe um desejo, apenas um. Então ela pediu:

— Ó Senhor, desejo que todas as crianças do mundo estejam a salvo.

Assim, em resposta, Deus matou Michael Jackson.

pacheco said...

eu ouvi essa piada sem a conclusão (
Assim, em resposta, Deus matou Michael Jackson.), fica ainda mais engraçada!

tom said...

POR POUCO NAO VI O TIM MAIA MORRER NO PALCO. NAQUELA NOITE, ELE IA GRAVAR UM ESPECIAL PRO CANAL MULTISHOW NO TEATRO MUNICIPAL DE NITERÓI E FUI CONVIDADO PRA IR LÁ. MAS ERA TIPO UMA QUARTA FEIRA, DIA DE MEU FECHAMENTO, E NAO ROLAVA DE IR PRO OUTRO LADO DA POÇA. O CARA JA TAVA MALZÃO, MAS, COMO JACKO, NAO TEVE TEMPO DE FAZER A SUA DESPEDIDA (OU GRANDE VOLTA)

VictorRib said...

Mamonas Assassinas: eu tava na padaria. Era moleque, tinha 12 anos. Fã dos caras. Eu não acreditava no que o Plantão da Globo informava.

Morte do Ayrton Senna: foi tão inacreditável quanto os Mamonas. Era um ritual: domingo sim, domingo não, a família se reunia em frente à TV pra assistir ao GP. Após o acidente, um tio médico ligou e disse que o AS estava morto e que a equipe médica estava ganhando tempo e preparando uma forma menos traumática de dar a notícia.

Cássia Eller: fui a um show dela umas quatro ou cinco semanas antes. A ficha demorou a cair.

Explosão do Columbia: acho que senti o mesmo que você, Tom. Na segunda série, em 92, ganhei um concurso de redação na escola, escrevendo sobre o universo e fazendo minhas previsões para a conquista da Lua. hehehe De certa forma me identificava com aquilo.

Ataques de 11/9/2001: foi o fato mais marcante. Estava dentro do busão, voltando do colégio pra casa, em Cabo Frio. Antes de sair do ponto, a TV deu um plantão e começou a transmitir ao vivo. O aparelho estava em um quiosque bem no ponto de ônibus. Não lembro a emissora. Liguei na CBN e fui ouvindo até em casa, tentando criar a imagem na minha cabeça. O que criei em cima da descrição da CBN foi exatamente o que vi ao chegar em casa mais cedo e encontrar minha mãe - meu pai é militar e ela acabou gostando dessa coisa bélica - sem palavras. Cheguei: "Oi, mãe!" e ela: "Acho que a gente vai ver a 3ª Guerra começar ao vivo!". Felizmente a previsão estava errada.

tom said...

NUNCA DEI BOLA PRA FORMULA 1, MAS O SENNA ERA UMA COISA A PARTE, UM ASTRO DA PARADA, CARISMATICO, MESMO QUE FOSSE JOGADOR DE BOCHA. VI UM GP Q ELE GANHOU NO JAPAO Q FOI FODA. TAVA NUMA FESTA E NA MADRUGA BOTARAM NA TV, NAO TEVE COMO NAO VER E TORCER PELO CARA. ACORDEI NO DOMINGAO, LIGUEI A TV NO DEFAULT E LA ESTAVA A CENA EM REPLAY. ME TOCOU. O MESMO ROLOU COM A CENA DO CARRO BATIDO DA PRINCESA DIANA, FIQUEI COM PENA. DA CASSIA ELLER SENTI POR SER UM TALENTO AINDA DESABROCHANDO, MAS NAO ERA FA, ACHAVA ELA MUITO CLICHE DE ROCKNROLL. MAS, PELO MENOS, NAO FAZIA MUSICA BAIANA. O HUTCHENCE ME CAUSOU ESPANTO, MAIS AINDA PELA MULHER DELE, PAULA YATES, TE MORRIDO PARECIDO, TIPO SE MATOU, DEIXARAM UMA FILHA. QNDO O HUTCHENCE VEIO AO RIO COM INXS FUI NO HOTEL COM UM AMIGO DA GRAVADORA. SABE O Q O CARA ME PERGUNTOU, ANTES DE BOM DIA, COMO VAI? "ONDE TEM PÓ DO BOM?" (!)

piranhacamuflada said...

o primeiro ídolo q eu perdi foi o Dimebag Darrell do Pantera e como foi no dia de formatura dos meus alunos da escola, passei o dia isolada, sem contato com o mundo...qdo chego em casa fico sabendo da pior forma pelo Jornal da Globo com a sequência da notícia o comentário do Arnaldo Jabor, além do choque, tive q aturar tamanha estupidez dita em tão pouco tempo na TV, não sabia se chorava ou se xingava a mãe dele, sei q não dormi aquele dia, qdo vi meu celular tinham várias msgs da galera triste e eu nem tinha visto...como vários fãs do Pantera fui mais uma de tantos q entupiram a caixa de e-mails daquele burguês maldito.(sei q tem mta gente q adora ele...sorry!)Até hj foi a perda q eu senti no mundo da música, q doeu e dói até hj!

livia said...

qüando os smiths acabaram eu chorei amargamente, porque era nova demais qüando descobri a banda e sonhava ver um show deles no brasil.Conferi o jhonny marr com os pretenders aqui no hollywood rock, mas...a inimizade dos dois mais o orgulho do morrissey nunca vai fazer a banda se reunir de novo...isso que me dá angústia, até hoje :-(
E, claro, a morte do renato russo, que até hoje me dói de pensar, eu era muito fã da legião e...vamos ver aí se a galera se reune mesmo,se a família deixa.Escutei o programa,mas ainda to no arcade fire (no começo),tive altos problemas pra acessar o multishow dessa vez.Que pena, deveriam arquivar por mais tempo ou deixar a gente transferir o link pra algum lugar.Abraços.

tom said...

DEMOREI PRA PERCEBER Q O RENATO RUSSO TINHA REALMENTE MORRIDO. JA SABIA Q ELE TAVA DOENTE HA TEMPOS, MAS FOI ESTRANHO PQ EU ERA AMIGO DO CARA, DO TIPO Q SE LIGAVA OU SE ENCONTRAVA PRA TROCAR CONVERSA FIADA NA LAPA, COM A GALERA PUNK E TAL. NA MISSA DE SETIMO DIA FOI Q A FICHA CAIU PRA MIM. JÁ A MORTE DO DIMEBAG FOI ESTUPIDA, UM FA IDIOTA FOI LA E MATOU O CARA PQ O PANTERA ACABOU E ACHAVA Q A CULPA ERA DELE, QUE ESCROTO. E QUE RAIVA!

livia said...

block party remixado foi bom pra cacete, foi bem alto astral e intensa.Achei do c***.
south central remix - prodigy é sem comentários mesmo,pra mim não estão no ostrascismo como me disseram,continuo achando incrível.Ok,eles não estão num nível de genialidade como o quemichal brothers, é claro, mas eles conseguem detonar, e muito.
vince clark mandou bem no groove-hanging-garden- gótico do FF,o peso combinou.Viagem boa essa.
a última foi cool pra c*** também,fico com vergonha de comentar aqui, ficar falando o que eu sinto de músicas,afinal não sou crítica... Mas adorei o clima da última música,achei coisa finíssima mesmo,(as mesmas palavras que diz a paris hilton pra qualquer coisa que perguntem pra ela):"It's hot" rsrsrs :P
um abraço à todos aeh.

iga_rio said...

A do Dimebag eu soube pela internet.. também entupi a caixa do Jabor.. depois daquele comentario dele eu nunca mais li sua coluna.. perdeu totalmente a credibilidade que tinha... criticou sem conhecer.. mostranto que não sabe nada !!!

Abraços,

tom said...

NAO FIQUEI SABENDO DESSA PARADA DO JABOR, NAO. DESISTI DO CARA JA FAZ TEMPO JUSTAMENTE POR CONTA DE ALGUNS COMENTARIOS EQUIVOCADOS QNDO SE TRATA DE CULTURA POP. SERA Q TEM NO YOUTUBE? FIQUEI CURIOSO PRA SABER O Q ELE FALOU. MAL DO ROCK, DO PANTERA?

fabio fernandes said...

vamos lá:

- eu lembro, mui vagamente, da morte do elvis, apesar de estar com uns 6,7 anos na época, lembro que (comparado um pouco com michael hj em dia), todos só falavam da morte do rei do rock.

- johnn lennon estranhamente passou em branco. lembro da notícia e até de manchete de jornal e tudo mas não registrei nada do dia.

- elis regina. manchete imensa no última hora. todas as (poucas, na época) emissoras de tv falando do assunto. e eu super triste por ela e por um filhote de tartaruga que criava. é sério ... rs

- morte do tancredo. essa marcou demais, todo mundo na frente da tv esperando o pronunciamento daquele assessor de imprensa (que depois virou político) que esqueci o nome. além da profunda tristeza, afinal, tancredo estava sendo vendido como o salvador da pátria (depois de 20 anos de ditadura), o que mais se ouvia nas esquinas era a tal teoria conspiratória que dizia tancredo ter sido alvejado por um tiro, que glória maria sabia e tinha sido posta na geladeira da globo etc. etc.

- mamonas assassinas, ayrton senna (que não suportava) e princesa diana. os três morreram em finais de semana. da princesa eu lembro bem, tava rolando uma luta de boxe na globo qdo começaram os flashes.

- kurt cobain, a pior de todas. uma ex me deu a notícia, foi um choque. e logo depois ouvi a confirmação no "college radio", na ex-flu fm.

- renato russo. cheguei em casa na madrugada, vindo do circo voador, logo após os memoráveis shows de chico science & nação zumbi (lançando afrociberdelia) e pato fu (lançando tv de cachorro). acordei super cedo para ir trabalhar, botei o walkman e todas as rádios tocando legião. entro em uma deplá para revelar as fotos do show e todas as vendedoras chorando. aí caiu a ficha ...

- chico science em pleno carnaval !!!

- cássia eller. eu nunca gostei dela. então, em 2001, ano de sua morte, fui em dois shows marcantes: no começo do ano, rock in rio 3 (o melhor show da carreira dela) e no final do ano, o show do acústico, pouco antes dela morrer, em dezembro.

- 11/09: estava no trabalho, de repente, alguém liga a tv e está tudo lá, ao vivo, e inacreditável. todos comentando, "lá vem a terceira guerra". e a noite, fui ao cinema, em copa, com uma amiga, ver "nove rainhas", o bairro parecia um cemitério, as ruas desertas, todo mundo dentro de casa vendo as notícias. eu comentei: o mundo vai acabar e a gente tá dentro do cinema :)

- mj. eu estava na internet. foi a morte mais instântanea que eu me lembro. pula uma notícia em algum site, vou conferir no tmz e minha cunhada diz que já está aparecendo na globonews.

tem outras, mas agora só lembro dessas mesmo ... post sinistro e triste esse ...

tom said...

a do chico science foi outra morte estupida, um acidente de carro qndo ia pro ensaio no pavilhao em olinda onde seria o novo abril pro rock. uns dois anos antes tinha conhecido o cara em recife, no apr de 2005, andei com ele e o paulo andre nesse mesmo fusca que bateu. (alias, o rock brasil perdeu todos os seus genios em poucos anos e um ficou paraplegico) outra coisa do 9/11 q me marcou: era o final de temporada de buffy, qndo ela morre para salvar o mundo. ai, so qndo acabou o festival, me bateu a depre geral pelos fatos do dia e comecei a chorar no escuro ate a hora de dormir junto com ma babe, nao tanto pelo "fim do mundo", mas pela estupidez da raça humana,,,

RalphB said...

Pois é, também fiquei curioso pra saber q o Jabor falou. Mas é normal esses comentaritas de Jornal da Globo falarem merda. Já ví o Renato Machado falando que Thrash Metal era mesmo um lixo!

A morte do Kurt foi foda. tava tomando café da manhã quando mia mãe pergunta: não é o moço da banda q vc gosta? Aí me mostra a capa do globo com uma notinha: vocalista do Nirvana se suicida.... Por mais
que era esperado e que ele tenha escrito uma música chamada "I hate myself and i want to die" vc não espera q o cara se mate no auge. Ainda mais com uma menininha linda daquelas em casa ( a Francis, não a Copurtney..rs)

O Paulo Francis foi foda tb. Adoro o cara. tenho livros, guardava as melhores notinhas. Tava saindo do banho quando a voz veio da tv anunciando a morte.

1997 foi um ano trágico: morreu o Francis o Chico Science (esse sim, morreu no auge, num acidente de trânsito! Perda irreparável) e o Max saiu do Sepultura.

Lembro da chalenger tb, era moleque. Só se falava nesse lançamento porque pela primeira vez tava indo junto um civíl. E lembro q era uma mulher. O mundo inteiro vendo o lançamento e a porra da nave explode. O q eu mais lembro é de ver numa revista manchete na casa da minha vó uma sequência de fotos: o lançamento a explosão e os pais da tal professora olhando pra cima. Aquilo nunca saiu da minha cabeça.

Já o jacko eu tava saindo de casa pro tradicional chopp com amigos no Céu da Guanabara, na rua das laranjeiras, quando ví no jornal da band q ele estava no hospital e q uns sites já noticiavam a morte dele mas q não tava confirmado. Quando cheguei no bar já era "verdade". Nunca gostei da música dele, nunca gostei de R&b ou soul music, não iría num show nem de graça. Sei da importância artística dele, mas havia 20 anos q o cara não lançava nada relevante. E ainda era um pedófilo. mas lembro muito bem de ver o laçamento do Thiller no fantástico. Eu tinha 6 anos e chegeui a ficar com medo dos zumbis, da narração macabra no meio da música (não era o Vincent Price?)e daquela risada no fim.

Mas a única morte, que não de parente, que me arrancou uma lágrima foi a do Joey Ramone. tava no trabalho quando meu amigo ligou com a voz meio embargada: "Cara, o joey morreu". Falou assim, como se o vocalista da banda mais foda da história fosse um amigo íntimo. Fiquei mal. Sabia q o cara tinha câncer há anos, mas vc nunca espera né? Juro q fiquei emocionado. Cheguei em casa e botei o It's Alive pra rolar. Escutei Ramones por horas.

tom said...

O PIOR DOS RAMONES É QUE A BANDA FOI TODA PRO SACO EM CERCA DE CINCO ANOS! O JOEY JA TAVA DOENTE HA TEMPOS, MAS É SEMPRE UM BAQUE. JÁ O JOHNNY TEVE CANCER DE PROSTATA E DEE DEE ERA JUNKIE. O PIOR É QUE A BANDA SO FICOU REALMENTE FAMOSA PARA ALEM DO PUNK E INDIE ROCK QNDO ACABOU! HJ ELES VENDEM MAIS DISCOS E SAO MAIS CONHECIDOS DO QUE QNDO VIVOS! MAS, COMO JA DISSE AQUI, FIQUEI REALMENTE TRISTE COM A MORTE DO LUX INTERIOR, DOS CRAMPS, PQ IGUAL A ELE NAO EXISTE MAIS!

RalphB said...

Foi quase todo mundo junto no Ramones. 2001 o Joey, 2002 o Dee Dee e 2005 o Johnny.

Mas Tom, finalmente consegui pegar nesse fim de semana a única fita do Hell radio q restou das várias que gravei. Escutei ontem e foi uma viagem no tempo. Lembrei da minha antiga casa em Nova Iguaçú, onde morava ná época, das bandas que escutava e de outros programas que infelizmente se perderam nas mudanças da vida.

Era um tempo bom. Estava na escola, não tinha compromisso com porra nenhuma, não tinha filho nem conta pra pagar. Era só andar de skate, fazer barulho com minha banda e tentar comer alguém. E tantar correr atrás de novas músicas e bandas, o q era foda na época. Juntava grana durante meses pra vir ao Rio (na Spyder, ou na Rock it, ou na Headbanger, ou na Hard'n Heavy) comprar vinis / CD's gringos.

Fico puto porque eu não gravava o q vc e o André falavam, dava um pause quando acabava a música. Nunca poderia imaginar que hj em dia acharia mais interesante os comentários sobre os artistas do que a música. Até porque com a internet é mole conseguir as músicas, mas é impossível gravar de novo as histórias que vcs contavam, as piadas, as promoções, as sacanagens com o atendente do telefone (era o guto Jimenez né?)enfim....se eu soubesse.

Como tinha falado foi o programa onde escutei Seaweed pela 1º vez. A música era "One out Four", que virou um hino pessoal, e transformou a banda numa das minha preferidas. Foi apenas uma das dezenas de bandas q conheci ali.

Rolou nesse HR: Bad Brains / Celtic Frost / Slayer ao vivo / Ministry ( Thieves rolava toda semana..rsrs) / Revolting Coks/ Mudhoney / Seaweed e mais umas coisas q não sei o nome.

Se ainda estiver interessado te dou a fita com prazer. Até como retribuição por tanto som bom q vc e o André X me apresentaram.
Abs.

Felipe Proença said...

marcou. Esse acidente com a Challenger foi horrível realmente. Comoveu o mundo inteiro.

Felipe Proença said...

A morte dos Mamonas Assassinas tmb foi muito triste e chocante pra todos. Eu tava voltando de uma festa com um amigo, da antiga BANG! - saudosa casa noturna alternativa do Rio de Janeiro- no dia exato do acidente. Como disse, a gente ficou bastante chocado. Como o Brasil inteiro, na época, ficou. Uma pena que até em momentos como esse aparecem os oportunistas sem caráter e sentimento de plantão. O que deu de "mãe de nada" e outros charlatões do gênero querendo fama e notoriedade em cima desse acontecimento horrível não tava no gibi.

Felipe Proença said...

marcou. Esse acidente com a Challenger foi horrível realmente. Comoveu o mundo inteiro.

Felipe Proença said...

....Sem falar na morte do Renato Russo, que mexeu comigo tanto qnto a do Michael Jackson. Já que o Renato e o Legião Urbana tmb marcaram muito a minha vida, desde a infância, quando já era fã número zero de bandas como Legião, Plebe, Ira! etc..desde a época em que elas surgiram, em plenos anos 80, já era muito fã deles e colecionava os bolachões dessa grandes bandas brazucas.

Felipe Proença said...

...A do Chico Science tmb foi um baque e tanto.

Selma Boiron said...

Ai, todo mundo falando do acidente do Challenger....e minha maior memória espacial foi a chegada do homem à Lua, a Apollo 11 em 1969.Estava na escola, no meio da aula arrastaram a gente até a frente de uma TV, puseram-nos todos sentadinhos no chão e anunciaram q íamos ver o homem pisando na Lua. Fiquei beige! Nem piscava! Cheguei em casa e contei toda feliz ptro meu pai- que morreu duvidando. rsrs

NA CIDADE

JUNEBUG: Shows - Junho / 2017 Circo Voador 24 - Lamb of God (EUA) / Carcass (ING) / Heaven Shall Burn (ALE)

Teatro Rival 22 – Picassos Falsos 23 – Vinicius Cantuária

Vivo Rio 24 - Beto Guedes & 14 Bis - Participação: Sérgio Hinds 30 – Celebrare

Audio Rebel 22 - Manu Maltez - Participação: Juçara Marçal  25 - Vital & Os Bacharéis / Homobono 29 - Anganga: Juçara Marçal & Emygdio Costa & Cadu Tenório

Sérgio Porto (Humaitá) 22 - Sarah Abdala / Raquel Dimantas / Ana Frango Elétrico 29 - CEP 20.000

Sala Baden Powell (Copacabana) 24 - Cordão do Boitatá: De Gonzagão a Dominguinhos - Participação: Pedro Miranda 25 - Mulheres de Chico 28 - Marcelo Nogueira

Theatro Net Rio (Copacabana) 26 - Sarau da Leda Nagle: Amelinha & Ednardo 27 - Vanessa Jackson: Uma Saudação a Whitney Houston 28 – Dudu Nobre

Teatro Café Pequeno (Leblon) 22 - Verônica Sabino 29 - Jullie

Jeunesse Arena (Barra da Tijuca) 29 – Ariana Grande / Sabrina Carpenter

Subúrbio Alternativo (Brás de Pina) 24 - Toxic Fest:  Korja / Old Kitchen / Genomades / Nove Zero Nove

Imperator 22 – Marcos Valle 25 – Moonspell (POR) 28 - Tunai & Wagner Tiso: Saudade da Elis 29 – Samba do Imperator: Grupo Arruda, Bom Gosto, Lucas de Moraes

Centro de Referência da Música Carioca (Tijuca) 23 - Moacyr Luz 24 - Danilo Caymmi 28 - Duda Brack & Daíra Sabóia 29 - Quarteto Leandro Braga 30 - Cláudio Jorge Teatro Ziembinski (Tijuca) 2xNelson: a falecida/a serpente 23 - Lica Tito

Shell Open Air (abaixo, apenas a programação de shows) Marina da Glória 23 - Sexteto Sobrenatural / Dream Team do Passinho Canta e Dança Jackson 5 24 - 3 Na Bossa

FM Hall 22 - Ludmilla 28 – Anavitória (grátis)

MIXX: 21 - Laura Finocchiaro – Bottle´s Bar / Copacabana 22 - Dream Team do Passinho Canta e Dança Jackson 5 – Theatro Bangu 23 - Montezuma / Santos / Geração Perdida (Vitor Brauer & Jonathan Tadeu) – Motim / Centro 24 - Arraial do Monobloco: Rodrigo Lampreia - Participação: Bianca Chami – Jockey Club 25 - Tay Galega – Saloon 79 / Botafogo

Festival Varilux de Cinema Francês 2017 De 7 a 21 de junho em mais de 55 cidades brasileira: Águas Claras (DF), Aracaju (SE), Barretos (SP), Barueri (SP), Belém (PA), Belo Horizonte (MG),Blumenau (SC), Buzios (RJ), Brasilia (DF), Campinas (SP), Caxambu (MG), Campo Grande (MS), Caxias do Sul (RS),Caxambu(MG), Cotia (SP), Cuiabá (MT), Curitiba (PR), Florianópolis (SC), Fortaleza (CE),Foz do Iguaçu (PR), Goiânia (GO), João Pessoa (PB), Juiz de Fora (MG), Jundiaí (SP), Londrina (PR), Macaé (RJ), Maceió (AL), Manaus (AM), Maringá (PR), Mossoró (RN), Natal (RN), Niterói (RJ), Nova Friburgo (RJ), Pelotas (RS), Petrópolis (RJ), Porto Alegre (RS), Recife (PE), Ribeirão Preto (SP), Rio de Janeiro (RJ), Rio Verde (GO),Salvador (BA), Santa Maria (RS), Santos (SP), São Carlos (SP), São José dos Campos (SP), São José do Rio Preto (SP), São Luiz (MA), São Paulo (SP), Theresina (PI), Vitória (ES), Volta Redonda (RJ)

Dia da Música 24/06 – grátis 10h: Força & Garra Jazzman Company Colégio Stephania de Carvalho (São Gonçalo) 10h: Original Black Sound System / Projeto do Nada Espaço Cultural Viaduto de Realengo 12h: Rock na Biblioteca: Átila La TrupEvoé / Corcel Mágico / LaVille / Traqitana / Caos Banal / Taturana de Aço / Senhor Kalota  Biblioteca Leonel Brizola (Duque de Caxias) 13h: Grupo Chorando de Rir / Bico Doce & Samba da Siriguela Cultural Bar (Nova Iguaçu) 13h: Mon-Ra / Nomades Rap Arena Dicró (Penha) 14h: Hugo Ardilha / Menezes / Kali (SP) / Pedro Gama Espaço Multifoco (Lapa) 14h: Molho Negro / Ana Muller / Chicas / Esdras Nogueira / Do Amor / Som Peba e Bobby DJoy + Jeza da Pedra / Linn da Quebrada Praça Luís de Camões (Glória) 15h30: Dub Club Band / Saudades de Cumbia / Melodica Vibezz / Ratel Largo das Neves (Santa Teresa) 16h: Rodrigo Miguez / Luciane Dom Praça Sandro Moreira (Flamengo) 16h: Yassine Lagraf / TMRP MM (Praia de Boa Viagem / Niterói) 17h: Hollywood Mantra / João Azevedo / Banda Gente / Gente Estranha no Jardim / DJ Feminoise / DJ Gisa Morena Palco Coelhão - Praça de Coelho da Rocha (São João de Meriti) 17h: Aura / Monstro Amigo / Anjo Gabriel (PE) Teatro Odisseia (Lapa) 17h: Edson Júnior / O Velho Se Foi La Carmelita (Lapa) 17h: McGee & The Lost Hope / Blind Horse / Hammerhead Blues La Esquina (Lapa) 17h: Monica Avila / Amalá Maracatu Brasil (Laranjeiras) 17h: Mon-Ra / Lado A / Aika Cortez / Selvagens da Noite HF (Alameda São Boa Ventura / Niterói) 17h: Senhor Kalota / Roterdan Centro Cultural Joaquim Lavoura (São Gonçalo) 18h: Jota / Rataria Nuclear Praça das Juras (Bangu) 18h: Floppy Flipper / Alambradas Motim (Centro) 18h: Coronel Soares / McGee & The Lost Hope / MOS / Giallos (SP) Escritório (Centro) 19h: The Zacatto / Hero-Beat Jack Praça Jorge Pinheiro (Parque Veneza / Belford Roxo) 19h: Karla da Silva / Pietá Praça Guilherme da Silveira (Bangu) 19h: Zé Bigode / João Azevedo / Samba de Dois Casa Aberta (Rocha) 19h: Dulcineia Enferrujada / Eddu Grau Largo do Boi Tolo (Praça XV) 19h: Caroline Alves / Hugo Ardilha / Menezes / Raul de Barros Jr. Il Piccolo Caffè Biergarten (Lapa) 19h: Zanzibar / Luciane Dom Sobrado Boemia (Praça São Salvador / Laranjeiras) 19h: Luiza Sales / Malundu Galpão Ladeira das Artes (Cosme Velho) 19h: Labibe / Hollywood Mantra / Projeto do Nada / Gente Estranha no Jardim Bar do Nanam (Praça Tiradentes) 20h: Dois Infinitos / Bruno Perez Pub Panq´s (Tijuca) 20h: Mihay / Marcelo Vig / Raquel Coutinho Bar Semente (Lapa) 20h: Thiago Nassif / Avec Silenzi Audio Rebel (Botafogo) 20h: Caroline Alves / Labibe Quintal do Miguelito (Recreio dos Bandeirantes) 21h: Qu4rto Teto / Reduto Sunday Rock (Cosmorama / Mesquita) 21h: Canto Cego Praça Jackson do Pandeiro (Santa Cruz) 22h: TopVox / Fuzzcas Saloon 79 (Botafogo) 23h: Dub Ataque / Aika Cortez Praça Marechal Âncora (Centro) 23h: Blind Horse / Pantanum (PR) / The Mountain Season / Son Of A Witch (RN) Coletivo Machina (Lapa

ULTRA BRASIL ANUNCIA A PHASE 1 DE SEU LINEUP PARA A EDIÇÃO 2017: ADAM BEYER, ALESSO, ARMIN VAN BUUREN, DAVID GUETTA, JAMIE JONES, JOSEPH CAPRIATI, SASHA & JOHN DIGWEED e THE MARTINEZ BROTHERS SERÃO HEADLINERS FESTIVAL ACONTECE NOS DIAS 12, 13 E 14 DE OUTUBRO NO SAMBÓDROMO DO RIO

_______________________________________________________ Caixa Cultural 19h - R$ 20 29 - Encontro das Gerações do Folk e Rock Rural: Tuia, Tavito, Guarabyra, Ricardo Vignin

Zé Bigode apresenta Fluxo ao vivo em show gratuito no Parque das Ruínas (1/7) a partir de 17h

Circuito Estação NET de Cinema e Cinemateca do MAM apresentam: Exposição CINEMA EM CASA: Equipamentos do acervo da Cinemateca do MAM. A partir de 23 de fevereiro, no Estação NET Botafogo de 23 de fevereiro a 23 de agosto 2017 Horário de visitação: 14h às 22h Entrada franca

MOSTRA DE CINEMA COLOMBIANO TRAZ A CALIWOOD DE LUIS OSPINA PARA A CAIXA CULTURAL RIO DE JANEIRO A programação reúne 34 filmes, sendo 29 realizados pelo cineasta, que participa da mostra em uma masterclass no dia 1º de julho Caliwood de Luis Ospina: Cinema colombiano de vanguarda, em cartaz na CAIXA Cultural Rio de Janeiro de 27 de junho a 9 de julho de 2017. Com curadoria de Lúcia Ramos Monteiro, a mostra traz uma retrospectiva completa do realizador colombiano fundador do Grupo de Cali e expoente do cinema independente da Colômbia.

SHELL OPEN AIR: O Shell Open Air, maior cinema ao ar livre do mundo, volta ao Rio de Janeiro de 7 a 25 de Junho na Marina da Glória. Com uma tela de cinema gigante de 325m², o público poderá assistir clássicos, blockbusters, além de assistir a shows.    a programação de cinema contará com filmes como Velozes e Furiosos 8, La La Land, Deadpool, Fragmentado, Animais Fantásticos e Onde Habitam,  A Bela e a Fera, Moana,Sing – Quem canta seus males espanta, Rush – No Limite da Emoção, Rogue One – Uma história Star Wars; Os clássicos Moulin Rouge, Footloose, O Iluminado, Alien – O Oitavo Passageiro, Dias de Trovão e Elis e Minha Mãe é uma peça 2.

HANSON CHEGA AO BRASIL COM A MIDDLE OF EVERYWHERE 25th ANNIVERSARY WORLD TOUR   24 de Agosto no Km de Vantagens Hall RJ (antigo Metropolitan), no Rio de Janeiro; 25 de Agosto no Km de Vantagens Hall BH (antigo BH Hall), em Belo Horizonte; e 26 de Agosto no Citibank Hall, em São Paulo


1ª Mostra de Cinema Egípcio Contemporâneo Especial Mohamed Khan Homenagem a um dos mais aclamados cineastas do país Exibição de 13 longas-metragens e realização de um debate com a presença de Wessam Soliman, viúva de Mohamed Khan e roteirista de A menina da fábrica, Meninas do Centro e No apartamento de Heliópolis CCBB Rio de Janeiro – 14 a 26 de junho



(colaborou @DonnieDarko73);

Blog Archive

Buscar

About Me

tom leão
Vanuatu
amigo dos amigos, amante de música, cinema, boa comida, de pedaladas e caminhadas
View my complete profile
Powered by Blogger.

Popular Posts

Translate

Followers