Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Junho, 2014

O FANTÁSTICO MR. ANDERSON

DESDE QUE VI UM FILME DO WES ANDERSON PELA PRIMEIRA VEZ, 'THE ROYAL TENEMBAUMS' (QUE NAO ERA O SEU PRIMEIRO, SÓ FUI VER 'RUSHMORE' DEPOIS EM VIDEO, E 'BOTTLE ROCKET', NA TV PAGA), FIQUEI FASCINANDO COM O CARA, QUE, DE CARA, APRESENTAVA UM ESTILO TODO PROPRIO DE FILMAR E DE IMAGINAR AS COISAS. QUE ELE SÓ FOI APERFEIÇOANDO A CADA TRABALHO. ATÉ CHEGAR NO SENSIVELMENTE ROMANTICO 'MOONRISE KINGDOM' (2012).



  RECENTEMENTE, ASSISTI A 'THE GRAND BUDAPEST HOTEL' (EM CARTAZ). E CHAPEI DE NOVO. NESTE, WES PARECE QUE JUNTOU TODAS AS SUAS MANIAS E OBSESSÕES NUM FILME SÓ, COMO SE ESTIVESSE BRINCANDO COM UMA ENORME CASA DE BONECAS (USA MUITAS MAQUETES PARA IMAGINAR SEUS MUNDOS, COMO STORYBOARDS), DISPONDO DOS PERSONAGENS DE MODO CRIATIVO E FASCINANTE, E ENROLANDO O TODO NUM EMBRULHO MUITO BEM FEITO, COMO AQUELES DOS REFINADOS DOCES EUROPEUS.



  OS FILMES DO CAMARADA SÃO DIFÍCEIS DE EXPLICAR, PQ SÃO MAIS PARA SEREM  VISTOS, ABSORVIDOS, SORVIDOS. E NO CINEMA. PO…

B-TREIZE VS B-THIRTEEN

ESTREOU NO BRASIL, O ULTIMO FILME QUE PAUL WALKER DEIXOU COMPLETO (ELE MORREU NO MEIO DAS FILMAGENS DE FAST&FURIOUS 7), 'BRICK MANSION' (13* DISTRITO), VERSÃO AMERICANA DO JÁ CLÁSSICO 'B-13' (BANLIEUE 13, 2004), QUE, COM ROTEIRO DE LUC BESSON, APRESENTOU PARA O MUNDO AS INCRIVEIS ROTINAS DO LE PARKOUR, INVENTADO POR UM DOS ATORES DO FILME ORIGINAL, E TBM DE SEU REMAKE, O STUNTMAN DAVID BELLE. AQUI, B-13 SAIU DIRETO EM VIDEO, BEM COMO SUAS CONTINUAÇÕES, 'ULTIMATUM' E 'B-14' (ESTE, AINDA NÃO LANÇADO). UMA PENA. O PRIMEIRO MERECIA TER FEITO SUCESSO NOS CINEMAS, PQ, ALÉM DE ELETRIZANTE, TRAZ CENAS JAMAIS VISTAS ANTES NA TELA. INCRÍVEIS, PQ FORAM REALMENTE FEITAS PELO BELLE, SEM EDIÇÕES OU TRUQUES. O QUE O LEVOU A FAZER A ABERTURA DE UM JAMES BOND.



  COMO O ROTEIRO DA VERSÃO É O MESMO DO LUC BESSON (QUE, AQUI, NÃO DIRIGE, SÓ ROTEIRIZA, COMO TBM FAZ NOS FILMES DA SERIE 'TRANSPORTER'), ELE APENAS ADAPTOU A TRAMA PARA TERRITÓRIO AMERICANO (SAIU DO…

ADEUS (OU ATÉ BREVE)?

QUEM É DA GERAÇÃO SHOPPING CENTER NEM TEM IDEIA DO QUE VOU CONTAR. MAS, ATE OS ANOS 80, OS CINEMAS ERAM, BASICAMENTE, DE RUA. OCUPAVAM, GERALMENTE, O SEU PRÓPRIO PREDIO E, INVARIAVELMENTE, ERAM IMENSOS. QUANDO COMECEI A IR AO CINEMA SOZINHO FOI A EPOCA EM QUE ELES COMEÇARAM A SUMIR, FECHAR, VIRAR OUTRA COISA. A MAIORIA DELES, NO RIO, FICAVAM NA CINELANDIA (O NOME JA DIZ), TIJUCA (PRAÇA SAENZ-PEÑA E ARREDORES) E COPACABANA (MAS, NO MÉIER, HAVIA O IMENSO IMPERATOR, HOJE, UM CENTRO CULTURAL). NAO CHEGUEI A IR NOS METRO DE COPACABANA E TIJUCA (QUE FORAM OS PRIMEIROS DA CIDADE A TER AR CONDICIONADO, ERAM REPLICAS DE CINES METRO AMERICANOS, HOJE, OS DOIS SÃO LOJAS DA C&A), MAS O METRO PASSEIO (QUE DEPOIS, VIROU METRO BOAVISTA, MUDARAM A FACHADA E O MODERNIZARAM) ERA O MEU FAVORITO. A MAIOR TELA (150 GRAUS DE CURVATURA, MAIOR DO QUE A DO IMAX DO UCI), SALA ESTILO STADIUM, SOM SENSURROUND (O PRIMEIRO A TER, JUNTO COM O ROXY) E UMA PIPOCA AMANTEIGADA ESPETACULAR, FEITA NUMA MAQUINA AMERI…