Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Outubro, 2013

GIG-TXL-AMS-GAT-GIG

GERALMENTE, MARCO VIAGENS E ALTERO PASSAGENS POR LUGARES ONDE ESTARÁ ACONTECENDO ALGUM SHOW DE MEU INTERESSE. JA FOI ASSIM, DUAS VZS, P EX, PARA VER O DEPECHE MODE, OU UMA VEZ, PRO PORTISHEAD. ESSE ANO, NAO TINHA NADA TAO QUENTE NO CAMINHO (O NOVATO JAKE BUGG APARECERIA DIAS DEPOIS, POR TRES NOITES NA BRIXTON ACADEMY, QUERIA TER VISTO). MAS, CONSEGUI VER O SHOW SOLO DE JOHNNY MARR, NO ROUNDHOUSE, EM CAMDEN TOWN (LONDRES). SEMPRE QUIS CONHECER O LUGAR (QUE TEM ESTE NOME, POR SER UM PREDIO ARREDONDADO), UM ANTIGO ARMAZEM DO SÉCULO 18, QUE DEPOIS FOI CASA DE ÓPERA, POINT DE SHOW NOS ANOS 70,  ENTAO FICOU FECHADO UM TEMPÃO, EM RUÍNAS, ATE QUE UM GRUPO PEGOU O LUGAR, DEU UM TRATO E AINDA CRIOU UM PREDIO ANEXO COM GALERIA, SALA EXTRA PARA SHOWS MENORES, CINEMA DE ARTE E RESTAURANTE. FICOU DEZ. E ACEITA SÓCIOS PARA AJUDAR A MANTE-LO.


 A GIG DE MARR FOI NA SEXTA, 18 DE OUTUBRO. E DAQUELE JEITO QUE AMO: COMEÇA NA HORA MARCADA. 9PM. CHEGUEI DA RUA AS 7PM, TOMEI BANHO, JANTEI, PEGUEI O TUBE AS OI…

EUROTRIP, PT.3: LONDRES

LONDRES É A MINHA CIDADE PREFERIDA, MUSICALMENTE FALANDO, DESDE SEMPRE. A MECA DO BRIT PUNK ROCK, DO GOTH, DO NEW ROMANTIC, DOS BLITZ KIDS, DA ACID HOUSE,  DA RAVE GENERATION, DO BRIT POP, DA NOVA ELECTRONICA, DE MALCOLM MCLAREN E DA VIVIENNE WESTWOOD, ENFIM, DE TUDO O QUE EU AMO. DO ESTILO VISUAL, DO HUMOR RASCANTE, DOS MELHORES LUGARES PARA SHOWS, COM O SOM MAIS PERFEITO, SEJA NUMA BIBOCA OU NUM GRANDE VENUE, DO LUCOZADE, DOS PARQUES MAIS LINDOS (ATE PQ, SAO CUIDADOS POR HOBBITS)), DO METRO MAIS FACIL E QUE TE LEVA PRA TODA PARTE, DAS LOJAS DE DISCOS, DA BERWICK STREET, DE CAMDEN TOWN, DE FESTA TODO DIA...



MAS ISSO VEM MUDANDO MUITO NOS ULTIMOS 20 ANOS. A CIDADE É PEQUENA E ANTIGA (MODERNIZOU-SE MAIS NO CENTRO, NA CITY, POR CONTA DAS OLIMPIADAS), MAS A CENA CLUB MINGUOU, MAS NAO ACABOU; AS GRANDES LOJAS DE DISCOS FECHARAM (DAS MEGA, RESTA A HMV, JA MEIO DECADENTE; A VIRGIN DA OXFORD VIROU UMA LOJA POVAO CHAMADA PRIMARK), A BERWICK STREET E OS ARREDORES DE TOTTENHAM COURT RD ESTAO EM …

EUROTRIP,. PT.2: AMSTERDAM

AMSTERDAM SEMPRE FOI UMA CIDADE QUE ME ESCAPOU, APESAR DE ESTAR ALI, PERTINHO DE TODAS AS OUTRAS (45MINS DE VOO DE LONDRES, P EX), EU SEMPRE A DESCARTAVA, PQ ACHAVA QUE NAO TINHA O MEU PERFIL. PRA MIM, ERA UMA CITY MAIS PARA HIPPIES E LARGADOS, E MEU PERFIL NUNCA FOI ESSE. LONDRES ERA A MINHA MECA. NAO IRIA ATE DAM SO PARA FUMAR UM BECK NA RUA OU TRANSAR COM UMA LINDA PUTA RUSSA NO RED LIGHT DISTRICT POR 50 DINHEIROS (AINDA QUE ISSO SEJA TENTADOR ATE HJ). TINHA DE ROLAR ALGO MAIS. ATE O SOM ELETRONICO HOLANDES É LAMA (VIDE TIESTO, ARMIN VAN BUUREN, E AGORA TEM UM TAL DE HARDWAY, OU ALGO ASSIM). NADA REALMENTE ME ATRAIA LÁ.



DESTA VEZ RESOLVI INCLUI-LA NA MINHA ROTA ENTRE BERLIM E LONDRES, JA QUE ELA FICA NO MEIO DAS DUAS E NA DISTANCIA DE UMA PONTE AEREA RIO-SP; A PRINCIPIO, NAO CURTI DE CARA, PQ, COMPARADA COM BERLIM, PERDE LOGO. MAS ELA É PEQUENA, DELICADA, BONITINHA, JOVEM, VIBRANTE. E TEM MAIS BIKES DO QUE HABITANTES. TBM É VERDE E SILENCIOSA COMO BERLIM. UM POUCO MAIS CAOTICA PQ, P…

EUROTRIP, PT 1: BERLIN

VOLTEI A BERLIM DEPOIS DE MUITOS ANOS. A PRIMEIRA VEZ EM QUE ESTIVE LA, NUMA VIAGEM MOCHILÃO, O MURO AINDA ESTAVA DE PÉ, CAIRIA POUCOS MESES DEPOIS. LOGO, SÓ CONHECI METADE DA CIDADE. A OUTRA, VI DE RELANCE, DE CIMA DE UMA
PLATAFORMA. LOGO, NAO CONHECIA MAIS A CIDADE, REALMENTE. NA EPOCA, LEMBRO QUE O LADO OCIDENTAL JA ERA BASTANTE MODERNO (EM COMPARAÇÃO COM O BR, VIVIAMOS NAS CAVERNAS). JA HAVIA PROGRAMA DE RECICLAGEM E USAVA-SE BICICLETA ALEM DO LAZER. EM 1988! NA MESMA VIAGEM, TBM FUI A LONDRES PELA PRIMEIRA VEZ. E BERLIM JÁ SOAVA MAIS PROGRESSISTA.



E CONTINUA. ELA EVOLUIU DE FORMA BEM ORGANIZADA. EM VEZ DE VIRAR UMA DAQUELAS METROPOLES CAOTICAS, SUJAS, SUPER POPULADAS, DE FILME SCI-FI (QUE, PARECE, É O DESTINO DE LONDRES, E VISIVELMENTE O DO RIO E SÃO PAULO, INFELIZMENTE), VIROU UMA DAS MAIS AGRADAVEIS, LIMPAS E VERDES CIDADES DO MUNDO. APESAR DE SER UMA DAS PRINCIPAIS CAPITAIS DO PLANETA. É SILENCIOSA, PQ NAO HA TANTOS CARROS, E QUASE NAO HA ONIBUS. HA MUITOS TRAMS (BONDES ELETRICO…

PERDIDA NO ESPAÇO

UM DOS FILMES QUE MAIS AGUARDAVA VER ESTE ANO ERA 'GRAVITY' (GRAVIDADE), DE ALFONSO CUARÓN. A EXPECTATIVA ERA TANTA, QUE FIQUEI COM MEDO DE NÃO GOSTAR. MAS, O MEDO PASSOU. GRAVITY É UM DOS MELHORES FILMES DE ESPAÇO JÁ FEITOS. DEU VONTADE DE VER DE NOVO, IMEDIATAMENTE. É DE TIRAR O FOLEGO! MAS NAO DÁ PARA COMPARARA COM '2001', P EX. É OUTRA ONDA.

ACOMPANHAMOS UMA EQUIPE DA NASA QUE VAI AO ESPAÇO FAZER CONSERTOS NO TELESCÓPIO HUBBLE (GEORGE CLOONEY É UM DOS ASTRONAUTAS, ED HARRIS FAZ A VOZ QUE VEM DO CONTROLE EM HOUSTON), QUANDO É SURPREENDIDA POR UMA CHUVA DE LIXO ESPACIAL, DETRITOS PROVENIENTES DA EXPLOSÃO DE VELHOS SATÉLITES SOVIÉTICOS. POR CONTA DISSO, UMA CIENTISTA (SANDRA BULLOCK) FICA, LITERALMENTE, PERDIDA NO ESPAÇO, COMPLETAMENTE SÓ, VAGANDO PELO NADA. ELA GRAVITA POR ENTRE UMA ESTAÇÃO SOVIÉTICA ABANDONADA (SOYUZ) ENQNTO TENTA CHEGAR NUMA ESTAÇÃO CHINESA, QUE PODE SER A SUA UNICA CHANCE DE SOBREVIVENCIA E VOLTA A TERRA. É BASICAMENTE ISSO, POR 90 MINUTOS!


O FILME …