NA COVA DO LEÃO

Sunday, July 12, 2009

EXPERIENCIA # 1


PEGUE UMA LATA DE SCHWEPPES LIGHT (OU NORMAL, OU CITRUS, WHATEVER) E COLOQUE PARA GELAR. COMO VC ESTÁ COM PRESSA E PRECISA DELA PARA O ALMOÇO DE SÁBADO, COLOQUE-A NO FREEZER. MAS, O DIA PASSOU E VC NÃO LEMBROU DE PEGAR A DITA CUJA DE VOLTA. NA MADRUGADA, LEMBRA DA PARADA E RI SOZINHO, AO DORMIR. ESQUECE DE NOVO. NO DIA SEGUINTE, SOMENTE PERTO DA HORA DO ALMOÇO VAI NO FREEZER E DESCOBRE QUE A LATA PERNOITOU LÁ, CONGELOU E INFLOU. TAL FATO FEZ COM QUE A LATA ABRISSE UM RASGO, COMO SE HOUVESSE SIDO RECORTADA. QUANDO VC A PEGA, NEM NOTA ISSO. MAS, AO DEIXA-LA PARA DEGELAR NA PIA, NOTA QUE UM LIQUIDO ESCORREU DA LATERAL. VOILÁ, O CORTE! ENTÃO, CURIOSAMENTE, RASGA O RESTO DA LATA COM AS MÃOS E, VENDO QUE AINDA HA QUININO GASEIFICADO NELA, PEGA UM COPO MAIS LARGO E RETIRA DE DENTRO DA LATA UMA ESPECIE DE ICEBERG DE AGUA TONICA. E ASSIM, PASSA O DIA BEBENDO AQUILO, QUE TEIMA EM NÃO DESCONGELAR, DADA A TEMPERATURA AMBIENTE DOMINICAL, E IMAGINA: PODERIA LANÇAR ISSO COMO UM SOFT DRINK QUE SERVE-SE AUTO GELADO, DIRETO DA LATA PARA O COPO, SEM PRECISAR DE GELO EXTRA! VOU PATENTEAR! (RSRSRS)

15 comments:

tom said...

sobre cat power, em off (nao posso identificar quem me disse isso):

Ela nem vinha fazer Rio. Depois de muita lábia do Luiz Oscar (promotor do show) ela topou. Era o único lugar com disponibilidade pra data q a agenda dela permitia (Domingo). Todo processo com a Cat Power foi complicado. Nem sempre na hora que precisamos as casas (que, diga-se de passagem, no Rio são poucas) tem vaga e ou topam as exigências pra fechar contrato.

Infelizmente para os agentes o Rio é lindo, mas não vende ingresso, carioca gosta de ser convidado. Isso é uma realidade.

livia said...

tá pra nascer alguém que coloque meu nome na porta, eu não gosto e não deixo.
já passei por um sufoco de sair com uma pessoa conhecida na noite carioca.Qüando a pssoa percebeu que ela não tava com o nome na porta,disse:"não sou ralé,se tiver que pagar vou para outra boate"
Ou seja, o cara é de classe média alta mas não paga.Ou tem contatos, ou é metido,vá saber.Classissismo é o sobrenome dos cariocas, a cidade é partida mesmo, quem se acha conhecido quer sempre nome na porta.É gente que não dá valor porque não pagou nada e vai beber wisky.Eu pago cada ingresso dos lugares que eu vou e não tenho carteira, pago inteira.Isso me dá condições de reclamar caso não goste do local.Quem não paga não tem direito de reclamar,já tá ali de graça enchendo lingüiça...Mas tem que ter promoção pra quem é fã e não puder pagar, aí é legal, mas quem pode e não paga só porque se acha importante...A monarquia vai cair,é muito babaca se achando o rei da noite carioca...

tom said...

issaí, livia. eu ja ouvi de uma querida amiga o seguinte: nao vou a festa em que tenha de pagar (!) ela caiu no meu conceito neste dia. nao quero dar uma de bonzao, nao, mas eu entro na fila dos lugares em que vou, as vzs alguem me ve la e me chama pra furar, nem sempre aceito, morro de vergonha disso, a nao ser qndo é uma parada que ta lotada ou com tumulto na porta (o q acontece muito no 69, p ex) e eu preciso entra tbm por motivos profissionais. do contrario, vou pra fila e pago, sim senhor (mesmo q seja na lista amiga)

tom said...

mas, francamente, nao teria como pagar os quase 400 contos do show da cat power (inda mais pq nao tenho mais como pagar meia). se fosse fa, ia perder. e nem vou pedir ingresso, pq ja vi, a n ser q tenha ir para cobrir. mas dez ou 20 contos numa festa, no prob, mas tem festa aqui de 80 contos a entrada (e vc nem tem direito a nada, nenhuma bebida) ai é dose!

pacheco said...

será que vai ter ALGUÉM nesse show?

Wander said...

eu paguei 160 a inteira, num lugar bom, entao valeu a pena - vamos ver se o show vai ser valer pq teve um que ela mancou feio aqui em sp,

mas me indigna esse negócio da inteira, me sinto um idiota também e distribuir ingresso pra fashionistas de quinta ainda tira toda a vibração do show, pq é gente que nem conhece a musica

no show anterior da cat power (que na verdade fui pra ver o antony and the johnsons)comprei o ingresso nos cambistas pq esgotaram rápido - aí descubro que a maioria foi distribuida pros camaradas dos organizadores, monte de cambista e lugares vazios e na minha frente quem??? Marisa Monte. Meu sangue ferveu e não aguentei quando a organizadora chegou perto para puxar saco da estrela, não resisti em falar pra meu amigo tipo aquela indereta para a cadeira da frente: "olha o happening! muito fã de fora pq nao conseguiram ingresso e aqui cheio de lugar sobrando!"
mas a marisa estava interessada no show mesmo, mas duvido que tenha pago...

esse por sinal foi um dos melhores shows que já assisti - o auditório já é uma obra prima da arquitetura do Niemeyer e a acustica perfeita e um cara brincalhão, parecendo uma matrona sentada ao piano intercalando com piadas e musicas fantasticas, transcendental digamos, - experiencias religiosas para não crentes,rs isso é um bom show, por isso pagamos por esse troço - nem gosto de somar o total: ingresso + táxi + ceva + dog, ufa!

Mas no geral acho que não rola muito esse clima em sp, (já tava pensando em bolar uma camiseta estilizada pro proximo show tipo: "cada um paga seu ingresso e fica mais barato para todos",rs

Minha lista de meio-ano:
1. yyyeahs - claro, por terem arriscado de novo,
2. Antony - pela simplicidade, demorou pra pegar
3. La Roux - acho, mas pode ser q enjoe pela alta rotação
4. Animal Collective - Agora eu ouço e gosto mais, mas não de todas,
5.Fever Ray - altamente recomendável
6. leonard Cohen - Live in london, o tiozão manda muito bem,
7. Phoenix - e ainda tem peaches, franz, mozz, little boots,

na mojo saiu uma nota sobre o coffin joe

PEDRO BAMBAATAA said...

OFF TOPIC:

realmente esse negocio de caronas é foda...

eu queria ver o show da CAT, mas por essa preço não dá...

Sabe TOM, minha ex-namorada, tinha o arquivo da carteira da HELIO ALONSO, então todo inicio de período, ela dava uma desculpa e perguntava se a carteira tinha mudado, daí ela alterava os dados e imprimia e plasticava... um absurdo!!! ela ainda queria fazer uma para mim, e eu falava para ela: "porra, vc tá errada isso é crime".
Sabe TOM, sempre paguei inteira depois de velho, e após dessa "onda de meia entrada, só me dei mal" pois o ingressos, principalmente os do TIM aumentaram muito...
Fazer o que? o negócio é escolher a banda que vc mais gosta e limar as outras...

um abraço!!

livia said...

pois é... tem ingresso promocional pra ser sorteado nas rádios, mas eles desviam e distribuem para a "panelinha de amigos".Também não vou na cat power,economia virou algo pessoal,nunca sei o que é pouco ou muito,o que é caro pra mim pode ser barato pra outros...Pra mim é caro...O preço do ingresso tá errado? Tá... Mas um governo que estipula um salário mínimo que não permite a gente de ter acesso ao que é caro...Também está errado...Não foi o pearl jam que chegou a fazer uma campanha para que os ingressos sejam mais baratos?Foda é que o governo atrapalha com esse salário nojento,mais desemprego...a gente podia ter uma vida digna, viajar pra europa duas vezes por ano, ver uma maratona de shows por lá...ninguém tá pedindo muito, mas pra certos artistas lá de fora o brasil é lixo...Chato isso né.

fabio fernandes said...

mas tá rolando umas promoções para a cat power, acho que a organização já está prevendo o desastre que será o show. ou teremos meia dúzia de fãs ou uma centena de vips que não pagaram ...

e o pior é que queima o público do rio. a cantora chega no palco e vê aquela arena imensa e com pouco público. desestimula ela a voltar a cidade, uma pena.

fabio fernandes said...

e quanto aos que não gostam de pagar, segue a frase do flyer do "ronca ronca", by mauval:
"é vip, então paga !" :)

tom said...

E A GENTE JA TOCOU AQUI NESSE ASSUNTO: TEM Q ACABAR COM ESSE LANCE DE MEIA. ISSO SO EXISTE AQUI. LA FORA, SENIORS E ESTUDANTES GANHAM DESCONTO, MEIA OU FREE SO EM DETERM INADOS DIAS EM MUSEUS E TAL. TIPO, SE UM SHOW CUSTA 100 CONTOS, O ESTUDANTE PAGA 70. E TA BOM. PQ, COM ESSA PARADA DE MEIA, O SHOW DE 300 CONTOS NA VERDADE CUSTA 150 E A GENTE Q NAO TEM CARTEIRINHA É Q PAGA O PATO E NAO VAI NA PARADA. UMA AMIGA MINHA CRIOU UMA CARTEIRINHA EM MINUTOS PRA COMPRAR INGRESSOS PRO ULTIMO TIM, SENAO ELA TERIA Q SACRIFICAR SHOWS

RalphB said...

Fiz uma carteira falsa pra pagar meia no Iron e no Radiohead. Já usei em cinema tb(é ridículo pagar 18 pratas pra ver um filme), mas não usei para ir nos shows do Bad Brains, ou no Napalm Death, ou no do Garage Fuzz, ou no Sepultura p ex. O circo voador faz uma coisa bacana. Basta levar um quilo de comida ou um livro q paga meia. Ante de ir pro Bad Brains passei no mercado e comprei um kg de feijão.

Será q estou errado em pagar 100 ao invés de 200 pra ver o Radiohead ou o Iron? Não sei.
Mas estou certo, e faço questão, em pagar o preço inteiro pra ver uma banda menor/independente. Não só prestigio esses shows, como pago sempre inteira.

Sou um criminoso? Não porque, por causa dessa merda de carteira de estudante td show "grande" já vem com o preço duplicado. Acho q isso só vai terminar quando cassarem essa lei.

Listinha meio do ano:
Dinousaur Jr. - Farm
The Pains of Being Pure at heart -idem
Black kids - Partie Traumatic
Yeah yeah yeah - o cd q mais gostei deles
White Lies -
Por causa do retorno deles, escutei direto Faith no More.

E baixei ontem e por isso não posso colocar nessa listinha, mas vai entrar na do final de ano, o novo do Jay Reatard - Watch me Fall, que "vazou" por esse dias.
Mais detalhes em:
ralphbhits.blogspot.com

Abs

livia said...

se alguém souber o link do programa na cova do leão de segunda dia 13 me passa, porque vou ouvir hoje a noite e não acho o site lá...

tom said...

so agora to ouvindo o na cova de ontem. mars volta é muuito bom :-)

o meio mais facil de entra la é:
http://globoradio.globo.com

o portal das radios do sgr, dai é so achar a aba multishow fm, q o pgm da semana ta em destaque no alto, ta facil de acessar dessa vez,,,

livia said...

mars volta lembra tudo, janes joplin, mike patton,led zepellin,jefferson airplaine,patti smith,é a chapação das melhores,viajo sempre com as referências por mais malucas que sejam...Nine inch nails,steve nicks...bando de ciganos loucos...david bowie...janes adiction...rush? ahuahuaha...
e o pior:todo mundo diz que não vicia, mas vicia sim,um tapinha só não vai ser suficiente:(Voce vai longe...mars voce volta).
Vc definiu como progressivo heavy metal e maconha rsrsrs
é isso aê, mars volta é de comer a geladeira.
Foda.
*___*

Dizem que esse menino do eels sofreu um bocado, né?Escutei o primeiro disco, tenho fresh feeling até hoje no meu mp3,simpatizo bastante,a voz dele é beeeem cool.

o resto foi festa roooock e eu fiquei dancing with Mary.Ou Jane.Ou as duas:D

Fangoria Essa Alaska (não conhecia).
Pai google responde tudo:
http://rpiedra.com/images/carta_blanca/cartablanca_alaska_rotaetxe.jpg
RONALDO!

NA CIDADE

JANEIRO TEM DUAS FACES:

CASAS & SHOWS: Circo Voador 19 - Samba Rap Festival: Elza Soares / Karol Conka 20 - Samba Rap Festival: Emicida / Jongo da Serrinha / Bateria da Império Serrano 25 - Phoenix (FRA) 26 - Vanessa da Mata / Fióti / DJ Incidental 27 - Barão Vermelho

Fundição Progresso 19 - BaianaSystem 20 - Tim Music no Samba: Xande de Pilares & Mumuzinho - Participação: Bateria do Salgueiro 26 – Johnny Hooker / Letrux 27 - Nando Reis

Teatro Odisseia 21 - Radnor With Lee (EUA) 28 - Demon Hunter (EUA) / Pantokrator (SUE)

Teatro Riachuelo 16 - Leila Pinheiro: Voz & Piano 23 - Ed Motta: Baile do Flashback 30 - Laila Garin & A Roda

Teatro Rival 20 - João Bosco: Voz & Violão 25 - Angela Ro Ro 26 - Bloco Sargento Pimenta 27 - Geraldo Azevedo: Voz & Violão

Audio Rebel 16 - Adaury Mothé Trio 17 - Rafael Rocha Quinteto 28 - N.D.R. / Triunfe / Dissonância 29 - Ana Baird & Camila Costa: Perigosas

Espaço Sérgio Porto 18 - Sinara 25 - Karine Carvalho: Galega Hits

Sala Baden Powell 19 - Sempre Livre / Sylvinho Blau Blau / Dr. Silvana & Cia. 20 – Nelson Sargento 21 – Banda do Síndico 24 - João Donato - Participação: Carlos Lyra & Roberto Menescal & Marcos Valle 25 - Mario Adnet: Jobim Jazz 26 – Marcos Ariel 27 – Cris Delanno 28 - Azymuth

Beco das Garrafas 17 - André Gonçalves 18 - Lu Oliveira 19 - Georgiana de Moraes & Fernanda Cunha & Camilla Dias: Homenagem a Vinicius de Moraes (20h) 19 - Joyce Cândido: Homenagem a Elis Regina (22h30) 20 - Hélio Delmiro (21h) 20 - Maíra Freitas & Taís Feijão (22h30) 21 - Dóris Monteiro 24 - Rosana Sabença 25 - Conexão Rio: Homenagem a Tom Jobim 26 - Amanda Bravo: Homenagem a Durval Ferreira - Participação: Paulinho Trompete, Mauricio Einhorn, Rosana Sabença, Billy Blanco Jr., Thaís Fraga 27 - Hector Costita & Joseval Paes 31 - Maria Luiza

Casa de Cultura Laura Alvim 16 - Dani Black 21 – Pedro Mann 23 - Davi Moraes 28 – Qinho Canta Marina Lima 30 - Matheus VK

Teatro Café Pequeno 18 – Verônica Sabino 25 – Elisa Queirós

Blue Note Rio 16 - Big Gilson 17 - Roberto Menescal 18 - Gabriel Moura 19 - Daniel Jobim & Daniel Boaventura: Homenagem a Tom Jobim & Frank Sinatra 20 - MPB-4 23 - Escalandrum (ARG) 24 - Mayer Hawthorne (EUA) 25 - Wanda Sá & Gilson Peranzzetta & Mauro Senise: Homenagem a Tom Jobim & Vinicius de Moraes

KM de Vantagens Hall 19 – Molejo & É O Tchan – Participação: Ludmilla 20 - Ney Matogrosso: Atento aos Sinais

Imperator 23 - Jazz Pras Sete: Chico Costa & Quarteto Artilheiro 24 - Quartas Brasileiras: Cordão da Bola Preta 27 - Forró Lánalaje: Marcelo Mimoso Trio / DJ Edna Carvalho 28 - Bloco Pipoca & Guaraná 31 - Toquinho: Voz & Violão - Participação: Camilla Faustino

Centro de Referência da Música (Tijuca) 17 - Ellen de Lima & Reginaldo Bessa: Homenagem a Lamartine Babo 18 - Rosa Marya Colin - Participação: Jefferson Gonçalves 19 - André Gabeh 17 - Eduardo Dussek 24 - Quinteto em Tom Maior 25 - Rosane Corrêa: Homenagem a Ella Fitzgerald 26 - Daíra: Homenagem a Belchior 31 - Ana Egito

Baile do Digitaldubs - HUB (Santo Cristo) 21 - Cedric "The Congos" Myton (JAM) 28 - Mad Professor & Aisha

Música no Deck - Barraca do Pepê (Barra da Tijuca) 20 – Filipe Ret 21 – Kell Smith 27 – Um 44k 28 – Luiza Possi Barra Blues Festival 26 - Sergio Diab Stratoman / Projeto Soul Jazz / Ana Egito / Alamo Leal Blues Groover’s / Corcel Mágico 27 - RJ Café / UniJazz Brasil / The Blue Fever / Sergio Rocha / Serra Blues Trio 28 - André Barroso / WestSide Blues / State of Blues / Victor Biglione Festival Downtown Sunset - Shopping Downtown (Barra da Tijuca) 20 – Gabriel O Pensador 27 – Biquini Cavadão

Rio Rock & Blues - Rock Experience (Lapa) 19 - Titanossauros / Conexão Japeri 20 - Love & The Lovers / The Loreleis 26 - The Smiths Cover 27 - Pedro Santana Trio / Elemento Surpresa / A Bolha Revisited

Circuito SESI 24 - Centro: Fhernanda Fernandes - Participação: Nana Kozak, Sandra Duailibe, Clarisse Grova, Ninah Joh, Andréa França

MIXXX: 17 – Matheus VK – Teto Solar / Botafogo 19 - Maratona Black - Baile Charme – Gafieira Elite / Centro 19 - O Rappa: Tour de Despedida – Quadra da Mocidade / Padre Miguel 20 - Festival Rock in Brisa 4: 90 Contos / Cosmobox – Espaço Tequila´s / Guaratiba 20 - Playmobille / Tem Amor – La Esquina / Lapa 20 - Indivíduo K / Cândido / Banheiro Azul – O Pecado Mora ao Lado / Praça da Bandeira 21 - Aniversário de 57 Anos do Cacique de Ramos 21 - Festival Lona Rock Sunday: Memora / The Outs / Corcel Mágico – Lona Terra / Guadalupe 21 - Lu Oliveira – Praia de Conceição de Jacareí / Mangaratiba 26 - Laurent Garnier (FRA) 26 - Bloco do S Convida KL Jay – Fosfobox / Copacabana 27 - Slide / Sollarium / Fresno / Glória / Strike - Clube Tamoio / São Gonçalo 27 – Matanza – Arena Fernando Torres / Parque de Madureira 27 - Visibilidade Transvestigenere - Beco Encantado: Mulher Pepita & MC Xuxu – Beco do Rato / Lapa 28 - Festa Divina Circus: IZA – Clube 4 Linhas / Bento Ribeiro 28 - Bloco Eficiente: Inclusão Se Faz Com Várias Mãos – Praça Paris / Glória 28 - Facing Fear / Stuff / Cidade Nua – Rock´N Beer Pub / São Gonçalo

exposição de fotografias de Raymond Depardon, “Un moment si doux”. Depois de passar por Paris e Buenos Aires, o CCBB Rio recebe as 170 fotografias de diferentes cores e formatos tiradas na Europa, África e América Latina, incluindo o Brasil. Ate 22 de janeiro. qua-seg 9am-21pm. Grátis.

FESTIVAL DE CULTURA DIGITAL: De 18 a 20 de janeiro, quinta a sábado, acontece no CCBB RJ DIGI – Festival de cultura digital, uma mega programação que inclui imersão, reflexão e diversão. Tem até shows geek. quinta, 19 de janeiro, às 21h, apresentação da orquestra Ritornello de Jedi, com repertório de trilhas musicais de videogames, séries e desenhos, com cordas e vozes, e arranjos exclusivos. O objetivo é dar acesso à formação clássica com temas musicais do cotidiano. sexta, 20 janeiro, às 21h, é a vez de The Screeners, banda que faz releituras rock ’n’ roll de trilhas sonoras clássicas do cinema, de videogames, séries de TV, desenhos animados. É tudo grátis, das 9 às 21h.

MOSTRA NA CAIXA CULTURAL RIO DE JANEIRO EXIBE O CINEMA DE HAL HARTLEY Programação reúne todos os 14 longas do diretor americano, além de debate, sessões comentadas e um curso de roteiro cinematográfico de 23 de janeiro a 4 de fevereiro de 2018 (terça a domingo)

O Ministério da Cultura, o Centro Cultural Banco do Brasil e a Associação de Críticos de Cinema do Rio de Janeiro apresentam a 14ª Mostra Melhores Filmes do Ano Além das exibições dos filmes, a mostra traz homenagens e catálogo especial com textos sobre os filmes e as iniciativas cinematográficas que fizeram a diferença em 2017 De 24 de janeiro a 1 de fevereiro
PROG IN BRASIL: Carl Palmer, Premiata Forneria Marconi, estarão no Brasil em 2018, se apresentando nas cidades de Belo Horizonte, Porto Alegre, Rio de Janeiro e São Paulo, como parte da Top Cat Concert Series 2018. Os italianos do Premiata Forneria Marconi CHEGAM EM ABRIL. O grupo de rock progressivo, formado em 1971, vem lançar seu novo álbum 'Emotional tattoos', e também vai tocar seus clássicos. Maio vai trazer o baterista do Emerson, Lake & Palmer e também do Asia, Carl Palmer, com seu tributo ao ELP.Show promete surpresas com algumas participações especiais de peso.

No dia 24/jan, começa no CCBB SP a mostra Sonora: Ennio Morricone, que homanageia o maestro no ano que completa 90 anos. Ao todo, serão exibidos 22 filmes que têm a marca musical do maestro.

Nico Rezende fará show em homenagem a Chet Baker dia 26/01 no Blue Note. Aliás, esse ano completa 30 anos da morte do Chet!!! 2018 marca o trigésimo aniversário da morte de Chet Baker. Nico Rezende presta homenagem ao trompetista no palco do Blue Note Rio, no dia 26 de janeiro (sexta), para apresentar alguns clássicos imortalizados por Baker. Estão no programa canções como ‘Time after time’, My funny valentine’ e ‘There will never be another you’.

RU PAUL´S DRAG RACE TOUR: Em 2018, as drag queens de RuPaul's Drag Race vão levar a turnê oficial do reality-show, WERQ THE WORLD TOUR, para a terra do “Come to Brazil”! Michelle Visage vai comandar a apresentação no Brasil e todos os shows contarão com performances ao vivo de algumas das drag queens mais inesquecíveis de RuPaul's Drag Race, entre elas, as recém-divulgadas participantes da terceira temporada de All Stars, Shangela e Kennedy Davenport. Outras fan favorites devem marcar presença, como Detox, Kim Chi, Violet Chachki, Valentina e Peppermint. Ainda haverá um pré-show com DJ set e performance de Lady Bunny, a drag queen que é uma lenda da cena noturna de Nova York. 23/FEV TEATRO BRADESCO/RJ

(colaborou @DonnieDarko73);

Blog Archive

Buscar

About Me

tom leão
Vanuatu
amigo dos amigos, amante de música, cinema, boa comida, de pedaladas e caminhadas
View my complete profile
Powered by Blogger.

Popular Posts

Translate

Followers