Pages

Thursday, April 27, 2017

BENELUX, MENOS O LUX (+ A CIDADE-LUZ)


  CONSEGUI VIAJAR DE NOVO, EM MENOS DE UM ANO, PQ A TRIP ANTERIOR FOI INTEIRAMENTE BANCADA POR MILHAGENS. E UMA GRANA QUE GANHEI DE UMA CAUSA NA JUSTIÇA. AGORA, UMA PROMOÇÃO DA TAP, E A MERRECA DO FGTS, AJUDARAM EM BOA PARTE. ASSIM, FUI DE NOVO PRA ZOROPA. DESTA VEZ, REPETINDO CIDADES, PQ LEVEI MY SON, COM QUEM NAO VIAJAVA JUNTO HA UMA DECADA (ELE FICAVA TOMANDO CONTA DO CACHORRINHO E TINHA FACUL). ASSIM, POR CONTA DELE, BISEI PARIS (LINDA E CARA), AMSTERDAM (PEQUENA E GENTIL) E CONHECI A BÉLGICA (BRUXELAS, ANTUERPIA E BRUGES), QUE FICA NO MEIO DO CAMINHO, DE TREM (THALYS, QUE É SUPER RÁPIDO) EM HORA E MEIA.


PARIS É SEMPRE BELA. A PRIMEIRA VEZ LÁ, NAO GOSTEI (POVO ERA MUITO RUDE). DEPOIS, FOI MELHORANDO. HJ, VOLTO COM PRAZER. MAS, O CUSTO DE VIDA LÁ É ALTO. OS MENDIGOS/PEDINTES AUMENTARAM. E TEM POLICIA FORTEMENTE ARMADA EM TODA A PARTE, POR MOTIVOS ÓBVIOS. APROVEITEI ESSA QUINTA VOLTA PARA FAZER O QUE NUNCA FIZ LÁ. TIPO, VISITAR VERSAILLES (UM PGM NECESSÁRIO, MAS MEIO ROUBADA: MUITA GENTE, MUITA FILA APERTADO, IMAGINO O HORROR QUE DEVE SER NO VERÃO), DAR UM BOM ROLÉ NO CEMITERIO DE MONTPARNASSE (DO LADO DE MEU HOTEL) E SUBIR NAQUELA TORRE FEIA DO BAIRRO. MAS, QUE TEM MELHOR E MAIS COMPLETA VISAO DA CIDADE. MELHOR DO QUE A DA TORRE EIFFEL. RECOMENDO UMA PASSADA LÁ, PRA SE TER UMA NOÇAO DO TAMANHO E DAS LOCALIZAÇÕES. COMO SE FAZ NO EMPIRE STATE/NYC.



FIZ UM PASSEIO RAPIDO ATE A NORMANDIA (MENOS DE UMA HORA DE TREM), ONDE FICA GIVERNY, E A CASA E OS JARDINS DE MONET. VENDO AQUILO AO VIVO, VC ENTENDE PQ O CARA PINTOU AQUELES QUADROS MARAVILHOSOS. PRIMEIRO, PQ ERA RICO E OCIOSO. DEPOIS, PQ O LUGAR INSPIRA. É LINDO MESMO. CURIOSO NOTAR COMO MONET FOI FORTEMENTE INSPIRADO PELO JAPÃO. SEUS LAGOS LEMBRAM OS JAPONESES E SUA COLEÇÃO DE QUADROS INCLUI MUITA ARTE NIPONICA (TEM UMA SALA SÓ PRA ISSO). QUE, POR SUA VEZ, INSPIRARAM ATE A BANDE DESINEE FRANCESA. ACHEI MAIS BACANA DO QUE VERSAILLES. E, SE VC FOR CEDO, VOLTA NO MEIO DA TARDE. E AINDA APROVEITA MAIS PARIS (QUE, ESTAVA SEM SHOW BOM NO BATACLAN, SÓ TINHA AQUELE SEAN PAUL).


DEPOIS, COM A FACILIDADE DO THALYS, ME DESLOQUEI PARA A INEDITA BELGICA. POR CONTA DOS ATENTADOS LÁ, O TURISMO CAIU 30% E, COM ISSO, O PREÇO DOS HOTEIS FORAM PRO CHÃO (MUITOS, FECHARAM). POR ISSO, FIQUEI NUM HOTEL TOP MARBARATO DO QUE UMA VAGA NA LAPA. DAQUELES QUE TEM FRUTAS, ROUPÕES, CHINELINHOS, CHOCOLATES E OUTROS MIMOS PROS HOSPEDES. PELA METADE DO PREÇO DA ESPELUNCA QUE FICARIA EM AMSTERDAM (QUE TEM DEFICIT DE VAGAS EM HOTEIS, JA QUE É PEQUENINA). BRUXELAS, A CAPITAL, É UMA CIDADE CINZA, FEIA (MESMO TENDO SIDO BERÇO DO ART NOUVEAU), SUJA, CHEIA DE GENTE QUE DORME NAS RUAS E ESTAÇÕES DE TREM (REFUGIADOS DO CONGO, QUE JA FOI BELGA, E AGORA PAGA A CONTA ATRASADA). E QUE FEDE A URINA EM ALGUMAS PARTES, PQ TODOS OS WCS SAO PAGOS. ATE OS DE ALGUNS RESTAURANTES! DAI QUE ENTENDI PQ O EBM/BEAT BELGA, NASCEU LÁ É UM LUGAR DARK PACAS. TALVEZ, EU TIVESSE CURTIDO MAIS ESSA VIBE, NO FIM DOS ANOS 80.


MAS, BRUXELAS TEM SEUS ATRATIVOS. COMO O PARQUE ONDE ESTA O ATOMIUM, ESCULTURA FUTURISTA FEITA PARA A FEIRA MUNDIAL DE 1958 (E USADA NO CLIP DE 'HEADHUNTER', DO FRONT 242). ELA É TAO GRANDE, QUE PERMITE SER VISITADA POR DENTRO. VOLTAMOS A SPACE AGE, PARECE CENARIO DE FILME SCI-FI. NA CIDADE, ESTA TBM O MUSEE DE LA BANDE DESINEE (MUSEU DAS HQS), QUE CONTA A HISTORIA DESTA ARTE, COM DESTAQUE PARA OS ARTISTAS LOCAIS. COMO HERGE (CRIADOR DO TINTIM, QUE TEM UM MUSEU A PARTE, FORA DA CIDADE) E PEYO (DOS SMURFS). HA 50MINS DE TREM, ESTA A ANTUERPIA, UM POUCO MAIS CLARA E MENOS DEPRÊ. O MUSEU DE ARTE MODERNA DELES FOI INAUGURADO HA POUCO, E FICA NUM PREDIO ESPETACULAR, NUMA ZONA DE PORTO QUE ESTA SENDO REVITALIZADA. É UMA CIDADE MAIS JOVEM E ANIMADA (E, SEU NOME, BIZARRAMENTE, VEM DO FATO DE ARRANCAREM A MÃO DE PESCADORES QUE PASSAVAM POR LÁ SEM PAGAR TAXA; O SIMBOLO DA CIDADE É UMA MÃO DECEPADA!). JA BRUGES, UMA HORA DE TREM, É MEIO COMO GIVERNY: PARECE SAIDA DE UM QUADRO PINTADO A ÓLEO. MAS, EM SEU MIOLO, É MAIS TURISTICA, COM LOJAS CARAS E MUITA GENTE (DEPOIS DAQUELE FILME, 'IN BRUGES', SOBRETUDO, ELA ENTROU NA ROTA DO TURISMO MUNDIAL). O PASSEIO DE BARCO POR SEUS CANAIS, VALE A PENA (MAIS ATE DO QUE OS DE AMSTERDAM). ORIGINALMENTE, ELA ERA PARTE DO REINO DA HOLANDA. POR ISSO, LA SE FALA O FLEMING DUTCH. ALIÁS, SE EM BRUXELAS, O FRANCES PREDOMINA (E TODOS ENTENDEM INGLES), NA ANTUERPIA E EM BRUGES FIQUE ESPERTO> QUASE TUDO ESTA ESCRITO OU SINALIZADO EM FLEMISH (FLAMENGO), QUE ACHO MAIS DIFICIL DO QUE O ALEMÃO. SE DER UM MOLE, PERDE O TREM. E COME A PARADA ERRADA.


FALANDO EM FLAMENGO, FOI UM PRAZER RETORNAR A AMSTERDAM, A CIDADE MAIS BONITINHA E COM A VIBE MAIS LEGAL DE TODAS. ESTAVA (ESTÁ, ATÉ JUNHO) NO AUGE DA ESTAÇÃO DAS TULIPAS. ENTAO, TUDO ESTAVA MUITO COLORIDO. POR ISSO, APROVEITEI PARA IR ATE KEUKENHOF (UNS 40MINS DE BUS), ONDE FICA O LINDO PARQUE DAS TULIPAS. SAO TANTAS E COM TANTAS CORES, QUE PARECE QUE VC ESTA VENDO UM TAPETE. EMBORA JA FOSSE PRIMAVERA, O CLIMA DE FIM DE INVERNO PREDOMINOU. CHEGUEI A PEGAR 4/6C EM AMSTERDAM. O QUE PEGA, É O VENTO QUE VEM DOS CANAIS. OS COFFEESHOPS AINDA SAO UMA ATRAÇÃO. MAS, COM A CANABIS SENDO CADA VEZ MAIS LIBERADA PELO MUNDO, JA NAO ATRAEM MAIS TANTA GENTE. BEM COMO O RED LIGHT DISTRICT, CADA VEZ MAIS TRISTE E DECADENTE. SO VALE A OLHADA PRA QUEM NUNCA FOI. O MELHOR É EXPLORAR OUTRAS PARTES DA CIDADE (SE PERDER EM SUAS RUAZINHAS TORTAS). E SE FAZ TUDO DE BICICLETA OU TRAM (OU ANDANDO MESMO, SUA AREA CENTRAL É MENOR DO QUE O BAIRRO DE BOTAFOGO/RJ). TAI UMA CIDADE NA QUAL MORARIA. A PARANOIA DO TERROR, QUE ROLA EM LONDRES E PARIS, NAO CHEGOU LÁ. MAS, NO AEROPORTO, A REVISTA ESTÁ MAIS RADICAL DO QUE FOI NO PASSADO.


NO ULTIMO DIA CHEIO EM AMSTERDAM, REALIZEI UM SONHO. E FIZ UM PROGRAMA LOCAL. ASSISTIR A UM CONCERTO DIURNO NO CONCERTGEBAUW, A SALA DE CONCERTOS COM A ACUSTICA MAIS PERFEITA DO MUNDO. DEI SORTE PQ, NO DIA, ESTAVA SENDO LANÇADA UMA NOVA PEÇA, COM A PRESENÇA DO PROPRIO AUTOR, MACMILLAN (ROLOU TBM BARTOK E DVORAK). O LEGAL É QUE, SEJA QUAL FOR O VALOR DE SEU INGRESSO (COMPREI O MARBA, $27, ATE PQ JA TAVA LOTADO), ANTES DO CONCERTO VC TEM CAFE E BISCOITINHOS FREE NA SALA DE ESPERA E, NO INTERVALO, LIBERAM UM SALAO REPLETO DE BEBIDAS FOR FREE (VINHOS, CHÁS, CERVEJA, SUCOS, REFRIS ETC). FIQUEI ALTINHO EM PLENA TRES DA TARDE. DAI, VC SAI PRA RUA MAIS LEVE. AMSTERDAM AINDA ME TERÁ MAIS VZS. SEM CONTAR, QUE AS HOLANDESAS SAO MUITO BONITAS ;)

*E, UMA DICA: A TAP AGORA PERMITE STOPOVERS (PARADAS) DE ATE TRES DIAS, SEM ALTERRA O PREÇO DA PASSAGEM. DA OUTRA VEZ, FIQUEI UM DIA EM LISBOA NA IDA. DESTA VEZ, O FIZ NA VOLTA (DEU PRA CONHECER A NOVA AREA DA CIDADE, O PARQUE DAS NAÇÕES). É BOM, PQ EM VEZ DE FAZER UM VOO LONGO DE 12HRS, VC RELAXA E VOLTA PRA CASA JA NO CLIMA (E, ENTRAR OU SAIR DA EUROPA POR PORTUGAL, É BEM MENOS ESTRESSANTE)

NA CIDADE

NOVEMBERINAS:

Teatro Odisseia 26 - Vanguart / Ariella

Teatro Rival 22 – Rival Rebolado 23 – Nelson Sargento 25 – Festa Batmakumba: Abayomy 30 - Festival Norueguês: Sondre Lerche / Greni

Teatro Riachuelo 22 – Golden Boys

Coordenadas Bar (Botafogo) 05, 12, 19 e 26 – Pedro Baby & Convidados 21 - Sérgio Rocha Blues Band: Homenagem a Celso Blues Boy Estúdio Fórum (Botafogo) 24 - Sexta Infame: PxExNxE (COL) / Blaspherion / Lástima / Baga

Solar de Botafogo 24 - Kosmus / Aura / Psilocibina 29 – Gabriel Calisman

Theatro Net Rio 27 -  Alessandra Verney  29 – Silva Canta Marisa Monte 

Blue Note 22 - Lina Nyberg (SUE) – Participação: Ilessi (22h30) 23 – Quarteto do Rio & Roberto Menescal – Participação: Joyce & Wanda Sá & Pedro Miranda (20h) 23 – Insula (22h30) 24 e 25 - Kenny Garret Quartet  29 e 30 - Ed Motta: Baile do Flashback

Sala Baden Powell 22 – Doralyce & Maracutaia 25 - Augusto Martins & Paulo Malaguti 26 - João Carlos Assis Brasil & Carlos Navas

Teatro da UFF (Niterói) 24 a 26 – MPB – a Era dos Festivais: Soraya Ravenle & Edu Krieger & Marcelo Caldi & Fabiano Salek & PC Castilho

Planet Music (Cascadura) 25 - For Annie / Ollie / Colorado / Visceral Fear

Imperator 23 – Humberto Gessinger: “A Revolta dos Dândis – 30 Anos” 24 – Cidade Negra Canta Gilberto Gil 25 – Terraço do Imperator: Forró Lánalaje: Trio Ventura / DJ Edna Carvalho 25 – Paulinho Moska 26 - Fafá de Belém (com Manoel & Felipe Cordeiro): Guitarradas do Pará 28 – Coral Imperator

Centro de Referência da Música (Tijuca) 23 – Felipe Adetokunbo 24 – Nina Rosa & Thiago Kobe 25 – Rodrigo Maranhão & Pretinho da Serrinha 29 – Joyce Cândido Canta Elis Regina  30 – Michel Taski

Aparelho (Centro) 18 - Second Come 24 - Felipe Zenicola / Marcos Campello / Lucas Pires  Motim (Centro) 24 - Gragoatá / Vitor Milagres / Daniel Villares

Quintas no BNDES 19h - grátis 23 - CDR Style 30 - Sergio Santos

Teatro Glauce Rocha (Centro) 23 - Alice Passos & Maurício Carrilho  30 - Olivia & Francis Hime Museu de Arte do Rio 24 - Sarau do Alemão / Rincon Sapiência

BRASIL EM TRANSE: Com curadoria de Ismail Xavier e coordenação da Sociedade Amigos da Cinemateca, em parceria com a Cinemateca Brasileira e o Cinusp, esta Mostra reúne mesas de debate e exibição de filmes que acontece de 16 de novembro a 1º de dezembro, em São Paulo. CINEMATECA BRASILEIRA

Circuito SESC 24 - Niterói: De Leve (19h - R$ 20) 25 - Madureira: De Leve (17h - R$ 20) 25 - Ramos: Cassiano & Trio Beija Flor (17h - grátis) 25 - São Gonçalo: Bebeto (17h - R$ 20) 26 - Madureira: Dorina (17h - grátis) 26 - São Gonçalo: De Leve (19h - R$ 20) 29 - Tijuca: Marcelo D2 & SambaDrive (19h30 - R$ 20) 30 - Tijuca: De Leve (20h - R$ 20) ______________________________

MIXX: 25 – Qinho - Ahlma.CC / Leblon 25 - AcaraJazZ: Bondesom / Juliana Linhares / Doralyce – Rio City Lab / Santo Cristo 26 - Alaska (SP) / Hover / Whipallas – La Esquina / Lapa 26 - Cervical / Mari & The GoodFellas / Facing Fear – Calabouço / Vila Isabel 29 - Baculeju da Sandra de Sá – Teatro Glaucio Gill / Copacabana

as dinamarquesas do grupo WE LIKE WE, são o destaque internacional na abertura da 5º edição do Festival Música Estranha em São Paulo.

Abertura da exposição de fotografias de Raymond Depardon, “Un moment si doux”, no dia 1º de novembro. Depois de passar por Paris e Buenos Aires, o CCBB Rio recebe as 170 fotografias de diferentes cores e formatos tiradas na Europa, África e América Latina, incluindo o Brasil. Ate 22 de janeiro. qua-seg 9am-21pm. Grátis.

Alexandra Jackson no Blue Note dia 28/11 (terca).   Alexandra é uma cantora americana que esta lançando EP, “Legacy & Alchemy”, dedicado à canção brasileira com standards da MPB .  O show tem participação de Pretinho da Serrinha.

#BLAZEYOURSELF @ Rooftop 5 Data: 25 de novembro, sábado – a partir das 17 horas até meia noite Local: Rooftop 5 – Rua Coropé, 88 - Pinheiros, São Paulo - SP, 05426-100 Atrações: Selvagem, Jaloo e Tropkillaz Entrada gratuita mediante cadastro e confirmação no site, limitada a 500 pessoas

Tropicália ganha exposição tech com livre reinterpretação conceitual Nos 50 anos do movimento, na Galeria BNDES   Os artistas Barbara Castro e Luiz Ludwig, do estúdio Ambos&&, apresentam uma livre reinterpretação dos conceitos do movimento tropicalista à luz da arte e da tecnologia. Com a exposição Vamos Comer, estimulam o público a “devorar” experiências sensoriais e orgânicas, incluindo quatro instalações de arte computacional. Ela está aberta a visitações na Galeria BNDES, no Rio, entre os dias 18 de outubro e 1º de dezembro, de segunda a sexta, das 10h às 19h

“Piano, Voz e Jobim” Augusto Martins e Paulo Malaguti Pauleira   _ Homenagem aos 90 do maestro brasileiro _ Sala Baden Powell, sábado 25.nov (sáb), às 21h

FICI 2017 O Festival Internacional de Cinema Infantil, que acontece no Rio de 24 a 3 de dezembro, exibirá, na edição deste ano, 120 filmes de 25 países, entre animações, curtas, médias e longas-metragens. confira a programação.

O espetáculo “Kid Morengueira – Olha o breque!” homenageia Moreira da Silva (1902 – 2000), o cantor que popularizou o samba de breque, tornando-se um ícone da música brasileira. O samba permitiu a ele criticar, sempre com muito bom humor, os poderosos com seus desmandos, os malandros que conheceu na noite, e os compositores que ajudou a tornar conhecidos. A peça estreia para uma curta temporada no Teatro I do Sesc Tijuca - de 03 de novembro a 03 de dezembro, de sexta a domingo, sempre às 20:00.

Após o sucesso da temporada nos meses de abril e maio desse ano, que passou por sete cidades brasileiras e esgotou em todas as praças, o espetáculo “STOMDUP” de Tom Cavalcante volta para novas apresentações no Rio de Janeiro (dia 01 de novembro, no Teatro Bradesco Rio); Natal (dia 30 de novembro, no Teatro Riachuelo); Fortaleza (dia 01 de dezembro, no Teatro RioMar Fortaleza).

SOLID ROCK: a participação da banda Lynyrd Skynyrd no Solid Rock (Curitiba, Pedreira Paulo Leminski, dia 12/12; São Paulo, Allianz Parque, dia 13/13; e Rio de Janeiro, Jeunesse Arena, dia 15/12) acaba de ser CANCELADA por motivos pessoais da banda. No lugar, Cheap Trick será a banda que fará parte do lineup, junto do Deep Purple e Tesla. Mais informações sobre devolução de ingressos serão divulgadas em breve.

(colaborou @DonnieDarko73);

Blog Archive

Buscar

About Me

tom leão
Vanuatu
amigo dos amigos, amante de música, cinema, boa comida, de pedaladas e caminhadas
View my complete profile
Powered by Blogger.

Popular Posts

Translate

Followers