Pages

Sunday, October 26, 2008

TIM FEST, NOITE 2


A SEGUNDA NOITE DO TIM FESTIVAL FOI TÃO SUPERIOR À PRIMEIRA QUE A GENTE NEM LEMBRA QUE VIU THE NATIONAL E MGMT. O SHOWZITO DO NEON NEON (ACIMA) FOI DE ARRASAR: SÓBRIO, CÍNICO, BACANA, COM SOM BOM E SURPREENDENTE (NÃO SE ESPERA NADA MENOS DO QUE ISSO VINDO DO MALUQUETE GRUFF RHYS). A BANDA ERA BOA, O SHOW FOI REDONDO, AS MUSICAS CRESCEM AO VIVO (LEMBREM-SE QUE EU NEM TINHA GOSTADO DO CD DO NN) E, PRA FINALIZAR, A PRESENÇA DO BIZARRO HAR MAR SUPERSTAR (QUE NA NOITE ANTERIOR DEU PINTA NO MGMT), UM GORDO MEIO CALVO E AFETADO, DEU O TOQUE FINAL À TRIP DELOREAN DO VIAJANDÃO RHYS (ELE VEIO NUM MODELITO ROCK FAROFA)

PONTE PERFEITA PRO SHOW DO KLAXONS (GOSSIP NAO FEZ A MENOR FALTA NESSA DOBRADINHA) QUE FEZ UM SHOW ENERGETICO (AINDA QUE AS MUSICAS NUM PACE LEVEMENTE MAIS LENTO QUE NO CD) E BEM AMARRADO, COM MAIS ENTREGA DO QUE OS ARCTIC MONKEYS NO ANO PASSADO (E DUAS MÚSICAS NOVAS), COM ABERTURA DE BOUNCE, QUE SÓ EXISTE BOOTLEG. MAS NEON NEON FOI MELHOR NO TODO.

NO FINAL, HAR MAR (FOTO 3) VEIO SÓ DE CUECA PARA MAIS UMA SESSÃO DE REBOLATION TRASH. ENCONTREI-O DEPOIS NA INSANA QUADRILHA HARDCORE DE DEAN DEACON (FOTO 4), QUE FOI A COISA MAIS MALUCA QUE JÁ VI NUM SUPOSTO DJ SET. DEACON ALUCINA GERAL COMO UM MC DOS INFERNOS PROPONDO JOGOS E DANÇAS À PLATÉIA E SUBVERTENDO GERAL O CONCEITO DJ. DEPOIS DELE NÃO HAVIA MAIS O QUE SE FAZER NO LOCAL (E NEM FALEI DO GOGOL BORDELLO, A MELHOR BANDA DE BAR MITZVAH DO PLANETA!) E EU TAVA ACABADO!!!


*VEJAM AGORA UM CLIPE DO HAR MAR:

20 comments:

fabio fernandes said...

eu tbém acho que o klaxons surpreendeu. pqe o mgmt pelo que a gente vê nos vídeos repara que alive é uma banda sofrível. mas não criei tantas expectativas com o klaxons e me diverti bastante: arroz com feijão mas muito saboroso. e ainda, no village, descolei uma foto com o jamie reynolds, bem simpático.

gogol foi ensadencido, ótimo tbém.

e que venha logo o tim festival 2009.

como tô com muito sono, depois comento mais ... rs

DeSade said...

Porra eu tô muito arrependido de não ter ido no Dean Deacon, pelo o que todo mundo tá falando. Fiquei acabado depois da micareta punk do Gogol Bordello (o show mais divertido do ano!!). Eu cheguei a entrar em uma outra tenda, mas era um DJ meio down que tava tocando com luz negra. Aí fiquei meio down também e parti. Aliás essa parada de ter que trocar de tenda foi foda.

Muito bom também Neon Neon e Klaxons. E a gente tinha espaço pra dançar, que era o melhor de tudo. Mó luxo.

tom said...

MUITA GENTE NAO VIU O NEON POR CAUSA DA HORA. COMO CORTOU GOSSIP, O SHOW PODERIA TER SIDO REMARCADO DE NOVEMEIA PRA DEZEMEIA, SO TEVE MEIA HORA DE ATRASO. UMA PENA. O KLAXONS FOI MELHOR DO QUE EU PENSAVA E, NO FIM DAS CONTAS, O FESTIVAL TEVE UM ÓTIMO SÁBADO. O PROBLEMA FOI QUE, MESMO NAO TAO LOTADO, ERA QUASE IMPOSSIVEL PEGAR UMA BEBIDA NOS BARES, TUDO MUITO MAL ORGANIZADO NESSE SENTIDO,,,

Alessandro said...

The National foi EXCELENTE!
Sou fã de carteirinha da banda!
Soam verdadeiros ao vivo!

Não sou fã de MGMT, por isso devo ter achado muito chato mesmo.

E o gordinho era chato pra caramba! hahahahaha

Queria ter visto o Gogol, mas grana curta dá nisto!

fabio fernandes said...

poxa ... nem fala do neon neon ... foi o melhor "não show" da minha vida :)
pqe eu gostei do cd, me preparei para vê-los, ansiedade total. e, qdo chego lá, bem antes das onze, só vejo a dupla se despedindo ...
e pelo que tô lendo por aí e vendo no youtube, foi um ótimo show.

tom said...

O SHOW DO NATIONAL FOI LEGASL, MAS NAO ME ENVOLVI TANTO PELO LANCE DO SOM RUIM E TAL. E, FESTIVAL A PARTE, INFELIZMENTE NAO DEU 43. VAMOS CONTINUAR NO MAIS DO MESMO,,,

Pedro said...

eu achei o the National demais !!!
praticamente cante Mr November com o vocalista, quando ele c jogou na plateia
rsss
O mgmt nao é mto minha praia e acabei saindo fora na metade.
Quando tava indo embora, acabei dando de cara com o instituto subindo no palco.Que banda ao vivo maravilhosa !!
Tocando musicas da fase racional do Tim Maia.Perfeito !!!
--------
Porra tom, nem me fala.Cheguei la, na maior simplicidade do mundo..bermuda, tenis e camiseta.
Como nunca tinha ido no tim festival, achei que tava na fashion week rsss Todo mundo fazendo pose, falando na porra do iphone novo, conversando no meio da porra do show, andando para um lado e para o outro...tudo mto esquisito.
Ate o Felipe Dylon eu encontrei na parada hahahaa
No final, indo embora, escuto a frase de um casal que definiu boa parte do publico.."ainda bem que nao pagamos pra ver esses shows.."

viva os vips !!!
haha

Sergio Luiz Valle said...

Har Mar Superstar dcom Camisa do Menudo 8*))))

Foi bom que liberaram todas as tendas... O Bordelo tenho que saber o que o cara toma!!

Eu apareço aqui no show do Neon Neon de camisa laranja!! 8-)

www.youtube.com/watch?v=v9X3RlUfLUQ

Fotos que tirei do Tim estou mandando pra aqui:
http://www.flickr.com/selusava

Felipe Passarelli said...

nossa são tantas emoções nesses dias, mesmo que somente 2 equivaleu a uma semana de shows, o tim me surpreendeu em vários momentos que achava que ia ser uma merda e na verdade entraram pra história....

Começar minha história:

Troquei meu ingresso extra do Gossip pelo Kayne West e iria revende-lo.

Não consegui vender pra ninguém, estava ficando desesperado, então chamei um amigo que tem carro e gosta muito de hip-hop que só faltou beijar meus pés quando falei pra ele sobre o ingresso de 250 reais 0800.

Chegamos lá, vimos o show na moral, aliás eu adorei o show, não entendo o pq as pessoas estão reclamando, o cara é um dos kings of pop hoje.

Quem conhece bem o Graduation, sabe da história e do contexto do espetáculo, já sabia o que esperar mais ou menos, foi muito bom, ele passou toda a história baseada no ultimo album e tocou no final Love Lockdown do album que vai lançar no FDA.

Eu adoro espetáculos pop e toda essa parafernália de luzes, fumaças, fogos, lasers etc.

Eu achei do caralho na verdade, pq sou fã faz tempo do trabalho do cara, e essa turnê foi a mesma que percorreu o estados unidos incluindo ser headline do Lollapalooza e do Coachella esse ano.

Daí perdi o show do The National, achei que o festival errou feio essa hora, tem que rolar uma escala que deja pra ver todos os shows mais importantes.

O ideal seria colocar 3 bandas naquela tenda como sempre foi, daí dava pra ver Kanye West e The National, que acabou justamente quando cheguei hehehehe

Achei bem legal MGMT, além das minhas espectativas até, pq o que eu já vi de show deles era péssimo, os caras sempre estavam drogados enfim, esse eles mandaram bem, rolou até Metanoia, b side maravilhoso.

O unico problema foi o som que estava bem aquém de sabado, mas estava la na frente só com fãs e amo esse album, então foi foda tb, uma das bandas que ainda vamos ouvir muito falar e crescer, o segundo album deles vai ser duplo, só pra ter uma idéia.

Sabado também quase perdi o Neon Neon, ainda bem que atrasaram, cheguei 21:40 e ainda não tinha começado. Fui pra gargarejo e de lá não saí mais.

Neon Neon foi uma supresa pelo show, o album já era legal, mas o show é infinitamente melhor, ótimo projeto, alias tudo que o gruff coloca a mão vira ouro. Só achei ele muito emburrado com cara de cu quase o show inteiro, ele só ria nas horas em que o HAR MAR SUPERSTAR aparecia (foi a celebridade do show, o show, meu idolo agora hehehe).

O que eu acho estranho do Gruff é essa cara emburrada, o cara é todo elétrico no Super Fury Animals, no show ele estava blazé demais, talvez faça parte do conceito 80's (eu ele tava travado de pó tb hehehe)

Klaxons foi maravilhoso, que banda energética, todas as musicas conhecidas e só um album, conseguiu ser o primeiro aperto da noite. Quase morri em Magick. Final apoteótico com Gorky do Bonde do Role e HAR MAR SUPERSTAR, eu ria e chorava de emoção.

Logo depois parti pro Marcelo Camelo. Sai apaixonado, ao vivo é 1000x melhor que no album, mais animado. ótimo show.

Depois fui pro Gogol, tava intenso quando cheguei, pulei pra cacete, com certeza um dos melhores shows do festival, nenhuma surpresa pois já tinha visto vários shows deles em webcast, mas na hora é impossível ficar parado, e o eugene é um dos caras mais figuras do rock hoje. Foi incrível, aliás os melhores shows rolaram no festa.

Sai do Gogol fui pro Junior Boys, gostozinho o som, bem light, deu pra dar uma arejada, mas nada de especial, legal só.

Depois veio o Dan Decon (estava indo pra lá quando te encontrei, aliás vc me pareceu estranho essa hora tom, nem me comprimentou direito prontofalei hehe)

Estava vazia a tenda, e o cara tinha que tocar, já estava nervoso como seria aquele set com pouquíssimas pessoas. Não é que o cara fez o melhor show do festival usando somente sua experiencia e lábia?? Caralho que loucura foi aquele show, esses shows anárquicoas sempre são os melhores, como aconteceu com o Girl Talk ano passado. Nossa me diverti horrores, o cara é super simpático, conversei a beça com ele depois, até chamou uma galera pra tomar cerveja no camarim depois, foi maravilhoso.... Ele fez outro formato de show, mesmo mudando esse formato ele conseguiu o inexperado, total fuck yeah.

Já morto pelo Dan Decon, parti pro Yoda, achei bem legal a interação com as imagens mas nada naquela noite seria melhor que o show particular do Dan Decon.

Switch fez um set muito bom, rasggando e picotando electro e outras vertentes bem ao estilo ed banger, ótimo set, dancei a beça.

O festival no final das contas foi muito bom, qubrei a cara, em SP pode ter sido ruim pq eles tem festival toda hora, e foi no meio da semana.

Aqui o Tim Festival já é point de outubro faz tempo, um evento anual mesmo pra quem não conhece nada de quem vai tocar. No final das contas até foi legal a invasão dos playbas no tim, assim ficou mais cheio o local.

Meu balanço tb é positivo, melhores shows foram Klaxons, Neon Neon, Gogol Bordello, Dan Decon, Keyne West e MGMT, impossível citar o melhor, são bandas bem diferentes, todos foram bem no que sabem fazer melhor...

Que bad hoje essa parada do Eduardo Paes, não dá pra acreditar.... Deveria ter outro turno, achei uma sacanagem com o gabeira, e mais de 1 milhão de pessoas não votaram ou foram brancos e nulos.

Realmente triste com isso tudo e desconfiando de como essa eleição foi feita, pq pelo meu boca a boca o gabeira ganhava de 90%, dificil achar alguém que votou no cara.

Muito apertada essa eleição pro cara se considerar o maioral, 1% a mais, que absurdo, olha que eu tava com boas esperanças... Enfim, mais quatro anos do mais do mesmo...

E tom leão, seja mais educados com os coveiros da próxima vez que vc encontrar tá? hahaha Blazé na cova não deve rolar rsrsrs

Abraços

tom said...

entendo essa parada do rap, mas é que no imenso palco do kanye so tinha ele e mais ninguem, nenhum dj sequer, o que deu a impressao de que ele tava fazendo um playback super produzido, o que, nos dias de hoje, parece que vai ser a regra, infelizmente.

achei um absurdo o volume de nulos e abstenções na eleição, sem contar o feriado repentino dos servidores, tudo para minar as chances do gabeira. mas é do jogo politico. vamos ver se o almofadinha faz pelo menos um terço do que prometeu, vamos cobrar, fazer a nossa parte...

pacheco said...

"Depois veio o Dan Decon (estava indo pra lá quando te encontrei, aliás vc me pareceu estranho essa hora tom, nem me comprimentou direito prontofalei hehe"


HAHAHAHAHAHAHAA!

=D

henrique kurtz said...

rsrsrsrs, mas o tom fala com as pessoas tão direitinho...

fabio fernandes said...

só rindo mesmo ...

tom said...

off: um minuto de silencio (ou com as palmitas de la mano quietas :-)para gerard damiano, o diretor de graganta profunda, que moreu hoje, aos 79 anos. ele foi um dos principais influencias na criação do personagem de burt reynolds em boogie nights, ja que filmava em pelicula e seus filmes (como o otimo sci-fi satisfiers of alpha blue e the devil in miss jones) tinham uma trama logica e eram produzidos com algum capricho

tom said...

outro off:> a dupla belga the glimmers que vem pro haagen dazs music em sp, vai dar uma esticada sexta na festa combo do 69. pena que nao deu pra catar a uffie.

as proximas atracoes por aqui agora são o duram duran (no vivo), judas priest (acho que no claro) e a trinca na arena (offspring, rem e maroon 5). kylie só em sp.

fabio fernandes said...

total reverência a gerard, sempre !

tom said...

por outro lado, uma das provaveis inspiradoras do papel de julianne moore em boogie nights, veronica hart, fez 52 anos hoje. ela fez alguns dos principais filmes da epoca aurea do porno (70, começo dos 80), e depois virou diretora de filmes ativistas pro-mulher, muitos deles premiados, porque enfocam o sexo sem ser uma coisa suja ou proibida (alguns ja passaram naqueles pgms que rolam na madruga no multishow)

Felipe Passarelli said...

hahahahahaha só rindo de você(s) mesmo, tá certo o Tim Festival é o local ideal pra fazer carão no Rio (rs), aliás um dos únicos que temos pra mostrar as roupas chiquérrimas, os Iphones da vida e ao mesmo tempo a ignorância musical da maioria dos "Vips".

Até já falei, é até legal que seja desse modo, assim vimos shows cheios, o que foi a vantagem, sendo de bonus, trocas, vips não importa.

O que eu acho besteira é a folha ficar sacaneando a Monique, conheço a bastante tempo o trabalho da moça e vc comenta a beça aqui dela, e tenho certeza que foram os artistas que deram trabalho por não virem, o público de SP esnobou legal e não ela em SP.

Se eu fosse a Monique e pudesse não faria mais em SP, lá as pessoas são bem mais chatas mesmo e reclamam demais, além de terem shows toda hora, já nós não temos esse luxo de boicotar eventos, pq acho que esse é um dos unicos que é a cara da cova no Rio, e sempre foi o mais esperado.

Me falaram que a monique fez uma entrevista pro multishow, por tras da fama, vou catar no youtube depois.

E VHS or Beta e Feedz, nada tom??? Ninguém mais da Ed Banger vem esse ano??

abs

PEDRO BAMBAATAA said...

TOM, agora só espero o show do BLOC PARTY, se bem que o DURAN DURAN e o REM valem uma conferida...

Sabes se vai ter playback tb?

Tom e por falar em pornô, por anda a TRACY LORDS?

abraços!!

fabio fernandes said...

pedro,
a traci vai bem ... rs.
continua fazendo muita tv (seriados) e cinema (geralmente filmes b, lançados diretos prá dvd). inclusive, ela está no elenco do novo do kevin smith, "zack and miri make a porno".


só acho que ela poderia lançar outro cd. sério, eu tenho aquele cd que ela lançou na década de 90 e o acho sensacional.

NA CIDADE

JUNEBUG: Shows - Junho / 2017 Circo Voador 24 - Lamb of God (EUA) / Carcass (ING) / Heaven Shall Burn (ALE)

Teatro Rival 22 – Picassos Falsos 23 – Vinicius Cantuária

Vivo Rio 24 - Beto Guedes & 14 Bis - Participação: Sérgio Hinds 30 – Celebrare

Audio Rebel 22 - Manu Maltez - Participação: Juçara Marçal  25 - Vital & Os Bacharéis / Homobono 29 - Anganga: Juçara Marçal & Emygdio Costa & Cadu Tenório

Sérgio Porto (Humaitá) 22 - Sarah Abdala / Raquel Dimantas / Ana Frango Elétrico 29 - CEP 20.000

Sala Baden Powell (Copacabana) 24 - Cordão do Boitatá: De Gonzagão a Dominguinhos - Participação: Pedro Miranda 25 - Mulheres de Chico 28 - Marcelo Nogueira

Theatro Net Rio (Copacabana) 26 - Sarau da Leda Nagle: Amelinha & Ednardo 27 - Vanessa Jackson: Uma Saudação a Whitney Houston 28 – Dudu Nobre

Teatro Café Pequeno (Leblon) 22 - Verônica Sabino 29 - Jullie

Jeunesse Arena (Barra da Tijuca) 29 – Ariana Grande / Sabrina Carpenter

Subúrbio Alternativo (Brás de Pina) 24 - Toxic Fest:  Korja / Old Kitchen / Genomades / Nove Zero Nove

Imperator 22 – Marcos Valle 25 – Moonspell (POR) 28 - Tunai & Wagner Tiso: Saudade da Elis 29 – Samba do Imperator: Grupo Arruda, Bom Gosto, Lucas de Moraes

Centro de Referência da Música Carioca (Tijuca) 23 - Moacyr Luz 24 - Danilo Caymmi 28 - Duda Brack & Daíra Sabóia 29 - Quarteto Leandro Braga 30 - Cláudio Jorge Teatro Ziembinski (Tijuca) 2xNelson: a falecida/a serpente 23 - Lica Tito

Shell Open Air (abaixo, apenas a programação de shows) Marina da Glória 23 - Sexteto Sobrenatural / Dream Team do Passinho Canta e Dança Jackson 5 24 - 3 Na Bossa

FM Hall 22 - Ludmilla 28 – Anavitória (grátis)

MIXX: 21 - Laura Finocchiaro – Bottle´s Bar / Copacabana 22 - Dream Team do Passinho Canta e Dança Jackson 5 – Theatro Bangu 23 - Montezuma / Santos / Geração Perdida (Vitor Brauer & Jonathan Tadeu) – Motim / Centro 24 - Arraial do Monobloco: Rodrigo Lampreia - Participação: Bianca Chami – Jockey Club 25 - Tay Galega – Saloon 79 / Botafogo

Festival Varilux de Cinema Francês 2017 De 7 a 21 de junho em mais de 55 cidades brasileira: Águas Claras (DF), Aracaju (SE), Barretos (SP), Barueri (SP), Belém (PA), Belo Horizonte (MG),Blumenau (SC), Buzios (RJ), Brasilia (DF), Campinas (SP), Caxambu (MG), Campo Grande (MS), Caxias do Sul (RS),Caxambu(MG), Cotia (SP), Cuiabá (MT), Curitiba (PR), Florianópolis (SC), Fortaleza (CE),Foz do Iguaçu (PR), Goiânia (GO), João Pessoa (PB), Juiz de Fora (MG), Jundiaí (SP), Londrina (PR), Macaé (RJ), Maceió (AL), Manaus (AM), Maringá (PR), Mossoró (RN), Natal (RN), Niterói (RJ), Nova Friburgo (RJ), Pelotas (RS), Petrópolis (RJ), Porto Alegre (RS), Recife (PE), Ribeirão Preto (SP), Rio de Janeiro (RJ), Rio Verde (GO),Salvador (BA), Santa Maria (RS), Santos (SP), São Carlos (SP), São José dos Campos (SP), São José do Rio Preto (SP), São Luiz (MA), São Paulo (SP), Theresina (PI), Vitória (ES), Volta Redonda (RJ)

Dia da Música 24/06 – grátis 10h: Força & Garra Jazzman Company Colégio Stephania de Carvalho (São Gonçalo) 10h: Original Black Sound System / Projeto do Nada Espaço Cultural Viaduto de Realengo 12h: Rock na Biblioteca: Átila La TrupEvoé / Corcel Mágico / LaVille / Traqitana / Caos Banal / Taturana de Aço / Senhor Kalota  Biblioteca Leonel Brizola (Duque de Caxias) 13h: Grupo Chorando de Rir / Bico Doce & Samba da Siriguela Cultural Bar (Nova Iguaçu) 13h: Mon-Ra / Nomades Rap Arena Dicró (Penha) 14h: Hugo Ardilha / Menezes / Kali (SP) / Pedro Gama Espaço Multifoco (Lapa) 14h: Molho Negro / Ana Muller / Chicas / Esdras Nogueira / Do Amor / Som Peba e Bobby DJoy + Jeza da Pedra / Linn da Quebrada Praça Luís de Camões (Glória) 15h30: Dub Club Band / Saudades de Cumbia / Melodica Vibezz / Ratel Largo das Neves (Santa Teresa) 16h: Rodrigo Miguez / Luciane Dom Praça Sandro Moreira (Flamengo) 16h: Yassine Lagraf / TMRP MM (Praia de Boa Viagem / Niterói) 17h: Hollywood Mantra / João Azevedo / Banda Gente / Gente Estranha no Jardim / DJ Feminoise / DJ Gisa Morena Palco Coelhão - Praça de Coelho da Rocha (São João de Meriti) 17h: Aura / Monstro Amigo / Anjo Gabriel (PE) Teatro Odisseia (Lapa) 17h: Edson Júnior / O Velho Se Foi La Carmelita (Lapa) 17h: McGee & The Lost Hope / Blind Horse / Hammerhead Blues La Esquina (Lapa) 17h: Monica Avila / Amalá Maracatu Brasil (Laranjeiras) 17h: Mon-Ra / Lado A / Aika Cortez / Selvagens da Noite HF (Alameda São Boa Ventura / Niterói) 17h: Senhor Kalota / Roterdan Centro Cultural Joaquim Lavoura (São Gonçalo) 18h: Jota / Rataria Nuclear Praça das Juras (Bangu) 18h: Floppy Flipper / Alambradas Motim (Centro) 18h: Coronel Soares / McGee & The Lost Hope / MOS / Giallos (SP) Escritório (Centro) 19h: The Zacatto / Hero-Beat Jack Praça Jorge Pinheiro (Parque Veneza / Belford Roxo) 19h: Karla da Silva / Pietá Praça Guilherme da Silveira (Bangu) 19h: Zé Bigode / João Azevedo / Samba de Dois Casa Aberta (Rocha) 19h: Dulcineia Enferrujada / Eddu Grau Largo do Boi Tolo (Praça XV) 19h: Caroline Alves / Hugo Ardilha / Menezes / Raul de Barros Jr. Il Piccolo Caffè Biergarten (Lapa) 19h: Zanzibar / Luciane Dom Sobrado Boemia (Praça São Salvador / Laranjeiras) 19h: Luiza Sales / Malundu Galpão Ladeira das Artes (Cosme Velho) 19h: Labibe / Hollywood Mantra / Projeto do Nada / Gente Estranha no Jardim Bar do Nanam (Praça Tiradentes) 20h: Dois Infinitos / Bruno Perez Pub Panq´s (Tijuca) 20h: Mihay / Marcelo Vig / Raquel Coutinho Bar Semente (Lapa) 20h: Thiago Nassif / Avec Silenzi Audio Rebel (Botafogo) 20h: Caroline Alves / Labibe Quintal do Miguelito (Recreio dos Bandeirantes) 21h: Qu4rto Teto / Reduto Sunday Rock (Cosmorama / Mesquita) 21h: Canto Cego Praça Jackson do Pandeiro (Santa Cruz) 22h: TopVox / Fuzzcas Saloon 79 (Botafogo) 23h: Dub Ataque / Aika Cortez Praça Marechal Âncora (Centro) 23h: Blind Horse / Pantanum (PR) / The Mountain Season / Son Of A Witch (RN) Coletivo Machina (Lapa

ULTRA BRASIL ANUNCIA A PHASE 1 DE SEU LINEUP PARA A EDIÇÃO 2017: ADAM BEYER, ALESSO, ARMIN VAN BUUREN, DAVID GUETTA, JAMIE JONES, JOSEPH CAPRIATI, SASHA & JOHN DIGWEED e THE MARTINEZ BROTHERS SERÃO HEADLINERS FESTIVAL ACONTECE NOS DIAS 12, 13 E 14 DE OUTUBRO NO SAMBÓDROMO DO RIO

_______________________________________________________ Caixa Cultural 19h - R$ 20 29 - Encontro das Gerações do Folk e Rock Rural: Tuia, Tavito, Guarabyra, Ricardo Vignin

Zé Bigode apresenta Fluxo ao vivo em show gratuito no Parque das Ruínas (1/7) a partir de 17h

Circuito Estação NET de Cinema e Cinemateca do MAM apresentam: Exposição CINEMA EM CASA: Equipamentos do acervo da Cinemateca do MAM. A partir de 23 de fevereiro, no Estação NET Botafogo de 23 de fevereiro a 23 de agosto 2017 Horário de visitação: 14h às 22h Entrada franca

MOSTRA DE CINEMA COLOMBIANO TRAZ A CALIWOOD DE LUIS OSPINA PARA A CAIXA CULTURAL RIO DE JANEIRO A programação reúne 34 filmes, sendo 29 realizados pelo cineasta, que participa da mostra em uma masterclass no dia 1º de julho Caliwood de Luis Ospina: Cinema colombiano de vanguarda, em cartaz na CAIXA Cultural Rio de Janeiro de 27 de junho a 9 de julho de 2017. Com curadoria de Lúcia Ramos Monteiro, a mostra traz uma retrospectiva completa do realizador colombiano fundador do Grupo de Cali e expoente do cinema independente da Colômbia.

SHELL OPEN AIR: O Shell Open Air, maior cinema ao ar livre do mundo, volta ao Rio de Janeiro de 7 a 25 de Junho na Marina da Glória. Com uma tela de cinema gigante de 325m², o público poderá assistir clássicos, blockbusters, além de assistir a shows.    a programação de cinema contará com filmes como Velozes e Furiosos 8, La La Land, Deadpool, Fragmentado, Animais Fantásticos e Onde Habitam,  A Bela e a Fera, Moana,Sing – Quem canta seus males espanta, Rush – No Limite da Emoção, Rogue One – Uma história Star Wars; Os clássicos Moulin Rouge, Footloose, O Iluminado, Alien – O Oitavo Passageiro, Dias de Trovão e Elis e Minha Mãe é uma peça 2.

HANSON CHEGA AO BRASIL COM A MIDDLE OF EVERYWHERE 25th ANNIVERSARY WORLD TOUR   24 de Agosto no Km de Vantagens Hall RJ (antigo Metropolitan), no Rio de Janeiro; 25 de Agosto no Km de Vantagens Hall BH (antigo BH Hall), em Belo Horizonte; e 26 de Agosto no Citibank Hall, em São Paulo


1ª Mostra de Cinema Egípcio Contemporâneo Especial Mohamed Khan Homenagem a um dos mais aclamados cineastas do país Exibição de 13 longas-metragens e realização de um debate com a presença de Wessam Soliman, viúva de Mohamed Khan e roteirista de A menina da fábrica, Meninas do Centro e No apartamento de Heliópolis CCBB Rio de Janeiro – 14 a 26 de junho



(colaborou @DonnieDarko73);

Blog Archive

Buscar

About Me

tom leão
Vanuatu
amigo dos amigos, amante de música, cinema, boa comida, de pedaladas e caminhadas
View my complete profile
Powered by Blogger.

Popular Posts

Translate

Followers