NA COVA DO LEÃO

Tuesday, October 20, 2009

E AHORA, LAS FUNCIONES MUSICALES


O CLUBE CIUDAD DE BS AS, ONDE ROLOU O PERSONAL FEST E ONDE SERÁ O PEPSI MUSIC, É COMO UM DESSES CLUBES DA LAGOA, SÓ QUE IMENSO, UMA MISTURA DO PIRAQUE COM O CAIÇARAS, P EX, CHEIO DE QUADRAS DE TENIS E FUTEBOL E COM UMA GIGANTESCA AREA AO AR LIVRE. O CLUBE CONTINUOU FUNCIONANDO NORMALMENTE. QNDO TAVA VENDO OS DJS WARP, ATRAS, AO FUNDO, ROLAVA UM ANIMADO FUTEBOL DE SALAO. E AINDA QUE NO DIA DO DEPECHE MODE ESTIVESSE MUITO MAIS CHEIO DO QUE O PSB (MAIS DE 20 MIL PESSOAS, MOLE), A ENTRADA E A SAIDA DO LOCAL FOI TRANQUILA, PQ AS PESSOAS SABEM O QUE É UMA FILA E NAO FICAM DE BOBEIRA NA PORTA ATRAPALHANDO. SE VAI ENTRAR, ENTRA E NAO FODE. E OS CAMARADAS NAS PORTAS SABEM O Q ESTAO FAZENDO E NAO PERDEM TEMPO. ATE A FILA PROS BANHEIROS ERA EXTREMAMENTE ORDEIRA.


NA SEXTA, COMO TICKET DIZIA 18H (MAS COMEÇOU AS 16H) PERDI PLASTILINA MOSH, QUE PELOS MEUS CALCULOS TOCARIA AS 8, MAS AS 6 JA TAVA NO PALCO (CHEGUEI LA 7), ENTAO SO VI A ABERTURA DO ZERO7 (TOO SLOW) E OS WARP DJS (VI QUASE TODO O SET DO PLAID). NA HORA DO SHOW PRINCIPAL, TODOS OS PALCOS FECHAM. O SHOW DO PSB FOI CONCEITUAL, DIVIDIDO EM TRES PARTES DISTINTAS E USANDO CUBOS COMO TEMA. EXCELENTE EM SUA EXECUÇÃO. SOM CRISTALINO, SE OUVIA TUDO O QUE NEIL CANTAVA. BACANA MESMO. MAIS UMA BANDA COM CARREIRA SÓLIDA QUE CONTINUA TENDO O QUE DIZER (E QUE, AQUI, TOMAM APENAS COMO UMA BANDA GAY, BANDO DE BOÇAIS INCULTOS). ARTE EM FORMA DE MUSICA POP, GENIAL, QUE SOUBE AVANÇAR DENTRO DA ELETRONICA. *QUEM ABRIU PORA ELES FOI O CHIC DE NILE RODGERS, BANDA CLASSICA DISCO, MAS QUE, AO VIVO, SOAVA COMO AQUELAS COISAS DECADENTES DE LAS VEGAS.

NO SÁBADO, FUI MAIS CEDO E VI SO TRECHINHO DE SPANISH BOMBS (CLASH EM RITMO DE REGGAE, SKA E CUMBIA, FARIA O MAIOR SUCESSO NO CIRCO) E DE CAFE TACUBA, PQ DM TOCARIA AS 21H30 (OS HORARIOS FORAM TODOS CUMPRIDOS SUIÇAMENTE) E TINHA QUE TENTAR PEGAR BOM LUGAR NA MUVUCA. MAS AINDA PASSEI NA TENDA DJ PRA VER PARTE DO SET DO ANDY BUTLER (QUE FOI MELHOR DO Q QNDO TOCOU AQUI NO 69), ANTES DE PEGAR O FINAL DO JUSTIN ROBERTSON, Q FEZ WARM UP PRO DM. ENTAO, NA HORA CERTA DEPECHE MODE SURGIU DAS SOMBRAS, COM LUZES ROJAS E O TELAO DE LED PROJETANDO AQUELES FILMES BIZARROS DO CORBJN. FORAM DUAS HORAS DE SONGS OF FAITH E DEVOTION, COM TODOS CANTANDO TUDO DA PRIMEIRA A ULTIMA MUSICA, LETRA A LETRA, SUSPIRO A SUSPIRO, IMPRESSIONANTE, REALMENTE CONCENTRADOS NO SHOW (NAO COMO AQUI ONDE GERAL FICA CONVERSANDO, PASSANDO PRA LÁ E PRA CÁ E NO CELULAR, BANDO DE CUZOES). ROLA UMA GRANDE UNIDADE PALCO+PLATEIA. E, DE VEZ EM QUANDO, PASSAVAM UNS BONDES COM UNS MALUCOS GRITANDO ÔÔÔH, AÍ, EU E MA BABE PEGAVAMOS A RABETA E ANDAVAMOS MAIS PARA FRENTE. NO FINAL, JA ESTAVAMOS NA METADE DO CAMPO. E O SET LIST FOI MELHOR DO QUE SHOW DO EXCITER, QUE VI EM SANFRA EM 2001. GERAL APLAUDIU CALOROSAMENTE QNDO MARTIN GORE ACABOU SEU SOLO (O CARA É FODA) E GRITARAM SEU NOME. E, QNDO O SHOW ACABOU APOS UM BIS DE 4 MUSICAS MUITOS AINDA FICARAM LA ESPERANDO MAIS UMA, QUE NAO ROLOU. FORAM 120 MINUTOS HORAS DE CATARSE E EMOÇAO. DEPECHE MODE É UMA BANDA QUE REALMENTE ME TOCA, E, JA POSSO DIZER SEM DUVIDA: A BANDA DE MINHA GERACAO NAO É SMITHS, CURE OU MUITO MENOS U2 (ESSA NUNCA SERIA), É O DEPECHE MODE, QUE ME FAZ IR A OUTROS LUGARES SÓ PARA VE-LA, PQ NAO É UMA BANDA DECADENTE, QUE PAROU NO TEMPO, NAO É REUNION TOUR FOR MONEY (TIPO PIXIES, NAO FUI), É UMA BANDA QUE AINDA LANÇA DISCOS FODAS E FAZ SHOWS MOSTRANDO AS MUSICAS NOVAS (WRONG É SENSACIONAL) E MANTEM UMA CARREIRA FIEL AOS SEUS PRINCIPIOS, SEM ABRIR EXCEÇÕES PARA O POP FÁCIL. AGORA, SEMPRE QUE DER, VOU TENTAR IR VER SHOWS EM BS AS, ATE COMO DESCULPA DE REVER A BELA E SOFTLY COOLER CITY.

6 comments:

tom said...

ACABEI DE SABER QUE O SUPER FURRY ANIMALS VAI SUBSTITUIR O CAKE NO INDIE ROCK FEST DESTE ANO. EU ACHO O CKA LEGAL, MAS ADORO O SFA!!!

brunobbl said...

COMPREI O MEU PS3 DE 160 GB LÁ EM BUENOS AIRES, AS LOJAS DA SONY DE LÁ SÃO BOAS MAS COMO TUDO VEM DOS EUA SAEM MAIS CAROS OS JOGOS.

DOCE DE LEITE E ALFAJONES SÃO AS TENTAÇÕES DE LÁ.

A PICANHA, SHOW !!!!!

VC FALOU NO SAN JUANITO, CONHECI LÁ UM SENHOR DE CABELOS BRANCOS, GENTE FINA, Q ALEGRAVA A TODOS OS BRASILEIROS QD CHEGAVAM LÁ. UMA FIGURA.

E OS CDS LÁ SAEM BEM MAIS EM CONTA DO Q AQUI. TROUXE UM ATAUQE77, SODA STEREO, FITO PAEZ E LOS FABULOSOS CADILLACS A UM PREÇO MUITO BOM.

ABS CARA, Q BOM Q VC GOSTA DE LÁ.

EU ESTAVA PENSANDO EM IR A SANTIAGO CONHECER. VC CONHECE ?

ABS

tom said...

BRUNO, O PS3 LA TA SAINDO POR UNS 900 CONTOS DOS NOSSOS, OTIMO PREÇO. MAS AS EMPRESSA GANHAM NOS JOGOS,S EJA SONY OU NINTENDO, VC COMPRA UM WII POR 200 CONTOS, MAS OS DISCOS CUSTAM DE 50 PRA CIMA. TBM COMPREI CDS, PQ SAO BARATOS, PEGUEI UMAS COMPILAÇÕES DE SUMO, BABASONICOS E FABULOSOSO CADILLACS. ESQUECI DE PEGAR DOS AUTENTICOS DECADENTES. VOU FAZER UM PGM NA MULTISHOW FM SÓ COM ESTES GRUPOS MUY EM BREVE. BRUNOBBL, JA FUI A SANTIAGO, SIM, HA UNS CINCO ANMOS. NAO TEM A MESMA EFERVESCENCIA DE BS AS. LÁ É BOM PRA IR NO FRIO FAZER SNOW BOARD E TAL. E COMPRAS. MEUS MELHORES CASACOS DE FRIO SAO DE LÁ E SAO BARATOS EM COMPARAÇÃO

tom said...

O SET DO ANDY BUTLER FOI TODO EM VINIL (QUE MARAVILHA); OS DJS WARP MIXARAM LAPTOP COM UMA MESA DE EFEITOS; JUSTIN ROBERTSON USOU SO CDS; DEPECHE MODE ABRIU A NOITE COM IN CHAINS, DO DISCO NOVO, E LOGO EMENDOU COM WRONG, Q É FODA DEMAIS. A UNICA FODA DEPOIS DO SHOW FOI SAIR DA AREA, JA Q NAO HAVIA TAXIS PARA TODOS E O METRO JA TINHA FECHADO, AI ANDEI, PEGUEI UM BUZUM QUE IA NA MINHA DIREÇÃO E DEPOIS UM TAXI, FOI TIPO SAIDA DO MARACANA

ORBE said...

Uma pena voce não ter visto o Plastilina Mosh....eles são espetaculares... Eu os descobri há muito anos atrás e me encantei...mas não fui ao festival na sexta...As bandas do México são muito modernas em se tratando de absorver tendências.
Uma pena também voce não ter visto o Volador G que tocou as 18.30 no palco do Depeche.
Eu vi alguns brasileiros na arena...havia um povo la no meio agitando a bandeira do Brasil...isso mostrou no telão...

tom said...

claro q ver uma cidade como turista é diferente de viver lá. eu, p ex, adoro nyc, mas jamais moraria lá, o tempo muito frio, a guerra selvagem por grana e emprego, lá é dog eat dog total. londres tbm nao seria uma boa, é cara, apertada, fria e algo suja (muitos imigrantes tbm), paris um pouquinho melhor, mas ate eu conhecer bs as barcelona seria a minha escolhida, ahora no mas, ba tem tudo o q necessito, e sem ter q tirar visto ou coisas do tipo

NA CIDADE

JANEIRO TEM DUAS FACES:

CASAS & SHOWS: Circo Voador 19 - Samba Rap Festival: Elza Soares / Karol Conka 20 - Samba Rap Festival: Emicida / Jongo da Serrinha / Bateria da Império Serrano 25 - Phoenix (FRA) 26 - Vanessa da Mata / Fióti / DJ Incidental 27 - Barão Vermelho

Fundição Progresso 19 - BaianaSystem 20 - Tim Music no Samba: Xande de Pilares & Mumuzinho - Participação: Bateria do Salgueiro 26 – Johnny Hooker / Letrux 27 - Nando Reis

Teatro Odisseia 21 - Radnor With Lee (EUA) 28 - Demon Hunter (EUA) / Pantokrator (SUE)

Teatro Riachuelo 16 - Leila Pinheiro: Voz & Piano 23 - Ed Motta: Baile do Flashback 30 - Laila Garin & A Roda

Teatro Rival 20 - João Bosco: Voz & Violão 25 - Angela Ro Ro 26 - Bloco Sargento Pimenta 27 - Geraldo Azevedo: Voz & Violão

Audio Rebel 16 - Adaury Mothé Trio 17 - Rafael Rocha Quinteto 28 - N.D.R. / Triunfe / Dissonância 29 - Ana Baird & Camila Costa: Perigosas

Espaço Sérgio Porto 18 - Sinara 25 - Karine Carvalho: Galega Hits

Sala Baden Powell 19 - Sempre Livre / Sylvinho Blau Blau / Dr. Silvana & Cia. 20 – Nelson Sargento 21 – Banda do Síndico 24 - João Donato - Participação: Carlos Lyra & Roberto Menescal & Marcos Valle 25 - Mario Adnet: Jobim Jazz 26 – Marcos Ariel 27 – Cris Delanno 28 - Azymuth

Beco das Garrafas 17 - André Gonçalves 18 - Lu Oliveira 19 - Georgiana de Moraes & Fernanda Cunha & Camilla Dias: Homenagem a Vinicius de Moraes (20h) 19 - Joyce Cândido: Homenagem a Elis Regina (22h30) 20 - Hélio Delmiro (21h) 20 - Maíra Freitas & Taís Feijão (22h30) 21 - Dóris Monteiro 24 - Rosana Sabença 25 - Conexão Rio: Homenagem a Tom Jobim 26 - Amanda Bravo: Homenagem a Durval Ferreira - Participação: Paulinho Trompete, Mauricio Einhorn, Rosana Sabença, Billy Blanco Jr., Thaís Fraga 27 - Hector Costita & Joseval Paes 31 - Maria Luiza

Casa de Cultura Laura Alvim 16 - Dani Black 21 – Pedro Mann 23 - Davi Moraes 28 – Qinho Canta Marina Lima 30 - Matheus VK

Teatro Café Pequeno 18 – Verônica Sabino 25 – Elisa Queirós

Blue Note Rio 16 - Big Gilson 17 - Roberto Menescal 18 - Gabriel Moura 19 - Daniel Jobim & Daniel Boaventura: Homenagem a Tom Jobim & Frank Sinatra 20 - MPB-4 23 - Escalandrum (ARG) 24 - Mayer Hawthorne (EUA) 25 - Wanda Sá & Gilson Peranzzetta & Mauro Senise: Homenagem a Tom Jobim & Vinicius de Moraes

KM de Vantagens Hall 19 – Molejo & É O Tchan – Participação: Ludmilla 20 - Ney Matogrosso: Atento aos Sinais

Imperator 23 - Jazz Pras Sete: Chico Costa & Quarteto Artilheiro 24 - Quartas Brasileiras: Cordão da Bola Preta 27 - Forró Lánalaje: Marcelo Mimoso Trio / DJ Edna Carvalho 28 - Bloco Pipoca & Guaraná 31 - Toquinho: Voz & Violão - Participação: Camilla Faustino

Centro de Referência da Música (Tijuca) 17 - Ellen de Lima & Reginaldo Bessa: Homenagem a Lamartine Babo 18 - Rosa Marya Colin - Participação: Jefferson Gonçalves 19 - André Gabeh 17 - Eduardo Dussek 24 - Quinteto em Tom Maior 25 - Rosane Corrêa: Homenagem a Ella Fitzgerald 26 - Daíra: Homenagem a Belchior 31 - Ana Egito

Baile do Digitaldubs - HUB (Santo Cristo) 21 - Cedric "The Congos" Myton (JAM) 28 - Mad Professor & Aisha

Música no Deck - Barraca do Pepê (Barra da Tijuca) 20 – Filipe Ret 21 – Kell Smith 27 – Um 44k 28 – Luiza Possi Barra Blues Festival 26 - Sergio Diab Stratoman / Projeto Soul Jazz / Ana Egito / Alamo Leal Blues Groover’s / Corcel Mágico 27 - RJ Café / UniJazz Brasil / The Blue Fever / Sergio Rocha / Serra Blues Trio 28 - André Barroso / WestSide Blues / State of Blues / Victor Biglione Festival Downtown Sunset - Shopping Downtown (Barra da Tijuca) 20 – Gabriel O Pensador 27 – Biquini Cavadão

Rio Rock & Blues - Rock Experience (Lapa) 19 - Titanossauros / Conexão Japeri 20 - Love & The Lovers / The Loreleis 26 - The Smiths Cover 27 - Pedro Santana Trio / Elemento Surpresa / A Bolha Revisited

Circuito SESI 24 - Centro: Fhernanda Fernandes - Participação: Nana Kozak, Sandra Duailibe, Clarisse Grova, Ninah Joh, Andréa França

MIXXX: 17 – Matheus VK – Teto Solar / Botafogo 19 - Maratona Black - Baile Charme – Gafieira Elite / Centro 19 - O Rappa: Tour de Despedida – Quadra da Mocidade / Padre Miguel 20 - Festival Rock in Brisa 4: 90 Contos / Cosmobox – Espaço Tequila´s / Guaratiba 20 - Playmobille / Tem Amor – La Esquina / Lapa 20 - Indivíduo K / Cândido / Banheiro Azul – O Pecado Mora ao Lado / Praça da Bandeira 21 - Aniversário de 57 Anos do Cacique de Ramos 21 - Festival Lona Rock Sunday: Memora / The Outs / Corcel Mágico – Lona Terra / Guadalupe 21 - Lu Oliveira – Praia de Conceição de Jacareí / Mangaratiba 26 - Laurent Garnier (FRA) 26 - Bloco do S Convida KL Jay – Fosfobox / Copacabana 27 - Slide / Sollarium / Fresno / Glória / Strike - Clube Tamoio / São Gonçalo 27 – Matanza – Arena Fernando Torres / Parque de Madureira 27 - Visibilidade Transvestigenere - Beco Encantado: Mulher Pepita & MC Xuxu – Beco do Rato / Lapa 28 - Festa Divina Circus: IZA – Clube 4 Linhas / Bento Ribeiro 28 - Bloco Eficiente: Inclusão Se Faz Com Várias Mãos – Praça Paris / Glória 28 - Facing Fear / Stuff / Cidade Nua – Rock´N Beer Pub / São Gonçalo

exposição de fotografias de Raymond Depardon, “Un moment si doux”. Depois de passar por Paris e Buenos Aires, o CCBB Rio recebe as 170 fotografias de diferentes cores e formatos tiradas na Europa, África e América Latina, incluindo o Brasil. Ate 22 de janeiro. qua-seg 9am-21pm. Grátis.

FESTIVAL DE CULTURA DIGITAL: De 18 a 20 de janeiro, quinta a sábado, acontece no CCBB RJ DIGI – Festival de cultura digital, uma mega programação que inclui imersão, reflexão e diversão. Tem até shows geek. quinta, 19 de janeiro, às 21h, apresentação da orquestra Ritornello de Jedi, com repertório de trilhas musicais de videogames, séries e desenhos, com cordas e vozes, e arranjos exclusivos. O objetivo é dar acesso à formação clássica com temas musicais do cotidiano. sexta, 20 janeiro, às 21h, é a vez de The Screeners, banda que faz releituras rock ’n’ roll de trilhas sonoras clássicas do cinema, de videogames, séries de TV, desenhos animados. É tudo grátis, das 9 às 21h.

MOSTRA NA CAIXA CULTURAL RIO DE JANEIRO EXIBE O CINEMA DE HAL HARTLEY Programação reúne todos os 14 longas do diretor americano, além de debate, sessões comentadas e um curso de roteiro cinematográfico de 23 de janeiro a 4 de fevereiro de 2018 (terça a domingo)

O Ministério da Cultura, o Centro Cultural Banco do Brasil e a Associação de Críticos de Cinema do Rio de Janeiro apresentam a 14ª Mostra Melhores Filmes do Ano Além das exibições dos filmes, a mostra traz homenagens e catálogo especial com textos sobre os filmes e as iniciativas cinematográficas que fizeram a diferença em 2017 De 24 de janeiro a 1 de fevereiro
PROG IN BRASIL: Carl Palmer, Premiata Forneria Marconi, estarão no Brasil em 2018, se apresentando nas cidades de Belo Horizonte, Porto Alegre, Rio de Janeiro e São Paulo, como parte da Top Cat Concert Series 2018. Os italianos do Premiata Forneria Marconi CHEGAM EM ABRIL. O grupo de rock progressivo, formado em 1971, vem lançar seu novo álbum 'Emotional tattoos', e também vai tocar seus clássicos. Maio vai trazer o baterista do Emerson, Lake & Palmer e também do Asia, Carl Palmer, com seu tributo ao ELP.Show promete surpresas com algumas participações especiais de peso.

No dia 24/jan, começa no CCBB SP a mostra Sonora: Ennio Morricone, que homanageia o maestro no ano que completa 90 anos. Ao todo, serão exibidos 22 filmes que têm a marca musical do maestro.

A PRIMEIRA NOITE DE UM HOMEM': 50 ANOS O FILME QUE LANÇOU DUSTIN HOFFMAN, COMO UM FORMANDO, QUE É SEDUZIDO PELA MÃE DE SUA NAMORADA, A FAMOSA SENHORA ROBINSON, DAQUELA MUSICA DE SUCESSO DA DUPLA SIMON & GARFUNKEL (FEITA PELA FALECIDA ANN BANCROFT), ESTÁ DE VOLTA. O RELANÇAMENTO, EM COPIA DIGITAL REMASTERIZADA, COMEMORA OS 50 ANOS DO FILME. QUE CONTINUA MUITO BOM. E AINDA TEM 'THE SOUND OF SILENCE', COMO MUSICA DE ABERTURA.

RU PAUL´S DRAG RACE TOUR: Em 2018, as drag queens de RuPaul's Drag Race vão levar a turnê oficial do reality-show, WERQ THE WORLD TOUR, para a terra do “Come to Brazil”! Michelle Visage vai comandar a apresentação no Brasil e todos os shows contarão com performances ao vivo de algumas das drag queens mais inesquecíveis de RuPaul's Drag Race, entre elas, as recém-divulgadas participantes da terceira temporada de All Stars, Shangela e Kennedy Davenport. Outras fan favorites devem marcar presença, como Detox, Kim Chi, Violet Chachki, Valentina e Peppermint. Ainda haverá um pré-show com DJ set e performance de Lady Bunny, a drag queen que é uma lenda da cena noturna de Nova York. 23/FEV TEATRO BRADESCO/RJ

(colaborou @DonnieDarko73);

Blog Archive

Buscar

About Me

tom leão
Vanuatu
amigo dos amigos, amante de música, cinema, boa comida, de pedaladas e caminhadas
View my complete profile
Powered by Blogger.

Popular Posts

Translate

Followers