Pages

Tuesday, December 06, 2005

O FIM DO CD?

como? mas a parada mal tem 20 anos. pensei nisso quando maibróda calbuque chegou pra mim e disse: 'po, me toquei que nao existe mais tocadores de cd de mesa'. poize, ele tem um antigo, daqueles grandes, que mais parecem um vcr ou dvd player. ja virou reliquia. sim, realmente, se vc olhar nas lojas, os mini system escasseiam e so saem modelos q aceitam cds com mp3 ou q se conectam ao pc. o futuro, pelo menos o proximo, aparentemente será dos minusculos tocadores de mp3, sejam com hd ou memoria flash, ipod e derivados, musicas online e tal. quem quiser ouvir cds que use os dvds players atuais que aceitam tudo e conectados numa boa aparelhagem (ou num home theatre combinado tudo-em-um) fazem um som bacana (alguns aceitam ate dvd audio ou super audio cd). porque, o cd como conhecemos, ta indo pro ralo, logo nao ha pq fabricar caros players de mesa q n terao saida nas lojas. os discman serao os ultimos sobreviventes dessa era. hj em dia tudo toca musica, maquinas fotograficas, telefones celulares, tvs, pen drives. eu mesmo so uso a mdia cd atualmente como cd-r pra copiar mp3 e dados. quase nao uso mais meu tocador/gravador de mesa, pq só ouço musica direto no ipod ou no discman mp3. sinistro...

33 comments:

bnatal said...

Fiquei sabendo esses dias que 1/3 das vendas (não tenho certeza do número, mas era alto) do último disco do Eros Ramazotti lançado na Itália foram numa mídia nova.

Trata-se de cartões de memória para serem inseridos direto no celular!

Abs,

Bruno Natal
www.urbe.blogspot.com

tom said...

e tem esse novo formato que a sony vai tentar popularizar atraves do psp, os discos umd, que trazem os jogos, filmes e discos pra serem vistos/tocados/ouvidos no psp. e com o barateamento dos cartoes sd, p ex, da pra se armazenar coisa a beça num troço do tamanho de uma unha (uso um de um giga para fotos e clipes baixados da rede, ja ta custando menos de 50 dólares!)

Lismar Santos said...

... e aguarde a chegada da TV Digital.

Felipe Passarelli said...

Do the Revolution do Pearl Jam trata muito bem desse tema, o clipe então é perfeito, crianças clonadas sendo carimbadas com marca digital.

No meu caso, eu uso o Napster desde quando lançou, a partir daí não comprei quase CD nenhum, ouvia no headphone do CD.

Pouco depois, audiogalaxy pegou uma fase muito boa, foi o auge do formato reduzido de musica.

Aí acaba o Audigalaxy tb (R.I.P).

Depois veio o Soulseek, que é o melhor buscador de musicas e deve completar 3 anos, acha-se o possível e o impossível.

Baixava albuns inteiros, coisa até nesse momento inédita e parecia que isso era tudo. Tenho Mixer 2 cds e um som muito bom, estronda aqui em casa.

Aí pra esculachar de vez, criaram o Bit Torrent, Bitcomet, que é uma pirataria descarada, tem tudo filmes, softwz, seriados, jogos PSP etc com uma velocidade absurda.

Acho que não tem controle, a parada é seguir a maré nao adianta proibir, e sim se adaptar aos novos tempos e no futuro.

As bandas tao ganhando muito dinheiro em ringtones (1 dolar cada!), shows, shoppings virtuais etc. quem nao fizer isso no minimo é de outra geração.

Olha qwue eu tenho quase 1000 CDS, estao todos empoeirados na estante, não ouço nunca, antigamente era no que eu mais gastava dinheiro.

O Próprio CD emk sí ja esta obsoleto, um gravador de dvd vc pode comprar por 150 reais hoje em dia, e cabem 4 GB cada lado, e tem essa parada de double face!!!

Meu Ipod mesmo, um ano atras ele era enorme, um trambolho de 60gb. Agora ele cabe na mão e é mais fino que um lápis muito sinistro, to apaixonado pelo meu bichinho, o Ipod Video 60 preto é lindo, to com fllmes e clipes pra cacete nele, fora as trocentas musicas baixadas.

Gente to afim de comprar um Playstation 2, gostaria de saber quem tem, e se vale a pena ainda comprar ou esperar o 3.

Voce tem né tom? Ele aceita tudo tb, to querendo comprar o PSP 2 Slim, acho que esse é o melhor né?

E a parada de desbloquear é caro? desbloqueando ele aceita tudo é isso?

ME AJUDEM POR FAVOR VAI SER MEU PRESENTE DO PAPAI NOEL, TO AMARRADÃO NO PLAYSTATION 2!

Obs: Achei os links Rapidshare pro show do Pearl Jam no Rio, ficou também faltando a capa oficial:

link parte 1 : http://rapidshare.de/files/8690905/Rio_de_Janeiro__12-4-2005parte1.zip.html
link parte 2 : http://rapidshare.de/files/8679667/Rio_de_Janeiro__12-4-2005parte2.zip.html
link parte 3: http://rapidshare.de/files/8684511/Rio_de_Janeiro__12-4-2005parte3.zip.html
link capa oficial :
http://www.megaupload.com/?d=0VKWKS94

Fotos oficiais:

wwww.pearljamonline.it

Pearl Jam tá entrando nessa geração, que bom, eles tem uma loja virtual on line que vende todos os shows da turne com capinha e tudo e som perfeito por 10 dolares cada. esses links são de pessoas que pagaram e tão compartilhando, isso que é foda!

o site oficial é esse:

http://bootlegs.pearljam.com/

Muito boa ideia né? dão uma olhada, poxa, se todos os shows que fosse forem assim ia ser foda, capa especializada, fotos exclusivas e som de CD. Eles mandaram muito bem!

Valeu Abraços

Felipe Passarelli said...

News:

Dia 23 de Novembro, Fiona Apple fez seu primeiro show da tour do Extraordinary Machine.

Em dezembro, ela irá fazer uma turne com o COLDPLAY nos EUA!

Foda!

O Set List foi esse:

Get Him Back (Fiona at piano)
Better Version of Me (piano)
Shadowboxer (piano)
To Your Love (piano)
I Know (Fiona standing at microphone)
Sleep to Dream (standing)
Limp (standing)
Paper Bag (standing)
Tymps (standing)
Oh Well (piano)
On The Bound (piano)
Red, Red, Red (standing)
Not About Love (piano)
O'Sailor (piano)
Get Gone (piano)
Fast As You Can (standing)

Encores:
Extraordinary Machine (standing)
Criminal (standing)
Parting Gift (at piano, alone on stage)

Abraços

tom said...

felipe, ja uso o ps2 ha cinco anos e ele sempre funcionou maravilha. acho mehor do q jogar em pc, tendo q gstar os tubos com placa de video, memoria e tal, sai mais caro do q comprar um ps2 e este tem todos os jogos legais. mas compre um desbloquedao pra poder rodar os jogos piratoes, rerere. o slim é melhor pq ja vem com modem embutido.
a sony informou q n vai lancar a fiona no brasil, so importar algumas copias. isso ate q o disco estoure, ne? :-)

bruno lima said...

qd vc compra o psp, já vem com o ha2 na integra para se ver.

qd estive na última vez nos eua, o q eu mais via era o dual disc e o umd até com lugares a mais q os cds em si.

naum sei como será nosso futuro até lá. alguma coisa tipo "o dia depois de amanhã" ou uma mistura de "blade runner" com gattaca" ? é só uma coisa q queria compartilhar com os coveiros amigos.

abs.

bruno lima said...

só espero q lançem aqui no brasil o cd/dvd ao vivo do qotsa.

bruno lima said...

felipe, se quiser esperar mais um pouquinho, vai ser lançado no meio do ano q vem o ps3 q vem com tudo. é o console de terceira geração até esperado por muita gente ao invés do xbox 360 da microsoft.

abs.

Master Minder said...

Discordo completamente. Umas coisas não eliminam as outras e eu gosto de ter música a tocar num leitor de CDs normal, enquanto faço outra coisa qualquer, sei lá, tomar um duche! Como eu haverá muitos. O MP3 não selecciona. E há quem goste de ter álbums. MP3 ou micro-qualquer coisa? Não acho. É bom para garotos (que hão-de crescer). Além do mais, estão a tentar eliminar todos os programas de troca gratuita de ficheiros e só mesmo um otário (sem ofensa para ninguém) é que vai andar a pagar para fazer downloads de música (eu diria até, seja do que for) da net. Quando a net não é gratuita, deixa de ser net, cheira pessimamente e não interessa a ninguém. De resto, acho muito bem que vão fazendo experiências. É interessante. O que eu não acho é que brincadeirinhas do género ouvir música no telemóvel (celular)possam ter muito futuro. A música não é nem nunca será um fruto de plástico.

Carlos Guarany said...

Uma comentei num post da Cova que eu achava os CDs trombolhos do século passado. Agora estou sofrendo na pele pois estou de mudança e não posso levar muita coisa. O Foda é que não digitalizei quase nada e estou no maior dilema. Tenho muita coisa pré-napster que vou perder pois tenho que selecionar muito bem o que vai comigo.

Vander said...

sinistro nada,

eu ja to esperando qdo n se vai precisar de nada, apenas um fone de ouvido conectado a alguma transmissao via satelite onde ficara um banco de dados seu gigantesco, com todas as musicas, filmes, videos, livros e o diabo a 4 - de 2000 para ca as coisas mudaram tanto q ja n me surpreendem mais, o ultimo foi o ipod,

(eu ja me sinto usando aqueles primeiros celulares, quase um tijolao, pq tenho aquele primeiro modelo q nao pretendo trocar)

pra mim a grande revolucao foi baixar mp3, adeus dependencia dos criticos, adeus comprar cd da mesma banda com medo de jogar dinheiro fora no desconhecido, adeus aos dinossauros - se o arcade fire lançar um lixo no proximo cd, blz, o funeral cumpriu sua funcao no seu tempo e deu, assim como se foi o libertines, e outras q surgem e somem, está tudo descartável ou vivemos o presente como prega o budismo? I´don

Vander said...

acabo de ler q o franz começa a gravar o terceiro disco em janeiro!!!

realmente é a melhor banda a surgir nos ultimos anos, mesmo na votacao q teve por aq, foi a unica unanimidade

um cd q abre com the fallen e o fecha com outsiders n é pra qq um, e no meio recheado de delicias, como youre the reason I´m living, qdo ele canta and here I´m fighting,fighting, fighting not to cry é um tesão

Onaicram said...

Já vi q tenho q me preocupar. Afinal, o meu cd de mesa eh um JVC q já tem mais de 10 anos!!. E funciona q eh uma beleza até hj.

toni said...

... quando surgiu o cd, falaram em sumir com os discos de vinil, bom, eu ainda tenho os meus, conheco uma galera que ainda tem e, mesmo nao ouvindo direto, tenho coisas em vinil que nao tenho em cd, por isso, eu os guardo com o maior carinho. por outro lado, me vejo hoje como um colecionador, acho bacana comprar o cd original, jah me taxaram de otario por causa disso, mas, colecionador eh colecionador, tem gente que coleciona as coisas mais bizarras, eu coleciono cds, uso mp3 pra sondar o que tem de novo e realmente nao atiro mais no escuro como fiz minha vida inteira (e vale ressaltar que acabei tendo surpresas maravilhosas por conta disso, nao me arrependo), mas, isso soh me ajuda a adquirir aquilo que eu realmente acho que vale a pena ter... e quando chega um cd novo, eu fico que nem crianca, eh uma sensacao maravilhosa que lembra minha infancia, pareco moleque abrindo brinquedo novo!!!! isso nao tem preco nem tecnologia nova que substitua...

tom said...

claro q o cd, assim como o vinil e ate mesmo a fita cassete, n vai sumir do mapa, mas deixara de ser a midia dominante a curto prazo. outra midia muito boa, e q uso desde o inicio e nao deixei de usar, é o mini disc (md), pq é simplesmente excelente, mil vzs melhor q cd ou cassete (alem de ser digital, é editavel), so que nao colou, por ser exclusivo da sony. mas ainda uso md pra varias coisas e ele vai continuar rolando na paralela...

Felipe Passarelli said...

Se for pra ser saudosista, prefiro mil vezes ter o vinil, pelo menos é o original e não tem como copiar para outro vinil facilmente, além de ter a arte da capa.

Mas de CD basta ter um CD bom e gravar, tem tudo na internet, CD (fique bem claro na minha opnião na minha vida) virou storage de arquivos, e guarda-dados pq tenho dois CDJs e amo ficar mixando.

Voce Soube do caso Maria Rita, do Ipod Shuttle (oui vulgo ipobre hahaha)? Vc aceitaria? na boa eu pegava na hora! rsrsrsrs

Mas pra mim, Cd só pra gurdadr e gravar, CDs virgens de 1 real na Uruguaiana mesmo.

falow abs

bobeda said...

Sei não, mas acho que tudo isso ainda leva um tempo... pelo menos aqui na nossa roça tropical. Eu uso meu iPod, mas ainda acho que às vezes tem sons que requerem um system potente pra vc poder ouvir legal os efx e noises e tal. Coisa que um Ipod, por mais que eu goste muito e o considere super-bacana, não terá - a não ser que esteja conectado num mini-system.

Felipe Passarelli said...

Baixei de sacanagem o album da Tati Quebra Barraco, po ta bem produzido a beça.

O pessoal do Apavoramento fez um excelente trabalho, os caras são fodas. Varios samples de musicas clássicas. Muito mais electro do que funk, tem até papa dont preach.

Quem quiser se divertir depois passo o link do album hahahahaha

abs

tom said...

o principal foco desse post aqui é comprovar, ou nao, o fim do cd nao como formato, mas como a midia dominante. pq o vinil reinou decadas e o cd mal passou dos 20 anos e virou coadjuvante. tipo, hj vc pega o cd so pra ripar pro mp3, mal ouve no som caseiro. e os players estao acabando justamente por isso. vc agora vai ouvir no seu dvd/home theater e nos toca mp3. eu n uso cd nem como dj, sou mais o som do vinil. um dia vamos todos usar um chip neural com todas as infos :-)

Felipe Passarelli said...

e a expressão hoje utilizada não é mais "comprei o CD de tal pessoa" e sim "baixei o album tal".

Lógico que pro pessoal mais coroa, como meu pai, CD será ainda a midia utilizada pois é médico e nem sabe mexer em computador.

Agora a geração internet é outra história, esta mais entre os jovens.

Também quem quiser adiquirir CDs é só trombar com o camelo mais próximo.

Tem todos os albuns que voce quer e tem capinhas, o mesmo de programas de computadores, DVDs e Jogos. Aqui na praça sans peña são 3 CDs por 5 reais!! Tira o valor da parada, mas é aquela coisa, o povo quer ouvir, e ninguem paga mais 40 reais por um CD, tava comprando DVD a beça daqui a pouco nem vai precisar mais também....

Esse assunto é muito viagem. E olha que eu peguei todas as fases do disco e da fita cassete ao mp3 Ipod.

Só o futuro dirá....

fabio fernandes said...

pô nem me sinto tão coroa assim (apesar dos 32 anos ...), mas ainda tenho muito prazer em ir a uma loja, comprar o cd, chegar em casa, abrir a embalagem, apreciar o encarte. mesmo baixando música da internet, utilizando cd-r direto, tem artistas que faço questão de comprar o original (se for um artista independente nacional, melhor ainda).
assim como acho que tem gente (até mais nova do que eu) que não dispensaria um vinil por nada. acho que por muito tempo, ainda vou curtir bastante o cd original.

a propósito, um viva para a fábrica de vinis da baixada, se não me engano, a polysom !

Gustavo Ramos said...

como funciona esse Bit Torrent? Eu tenho q instalar um programa para baixar as musicas?

Wallace Barros said...

Tom, resumindo isso tudo, vc acha que a globalização tecnológica está sufocando a indústria? Penso que não, pois as empresas sempre tem que inovar e acompanhar as inovações do cenário high-tech.

tom said...

e vcs acham q eu faco o quando viajo? compro os cds das bandas que baixei e mais gostei (na ultima eu trouxe arcade, felix housecat, bloc party...) pq nada supera aquelas capinhas bacanas em digipack, com encartes e tudo mais. por isso acho q o p2p nao é uma ameaca a industria, mas uma ferramenta de ajuda. mas, qndo chega aqui, os cds sao devidamente ripados e nunca mais tocados!

tom said...

gustavo, o bit torrent é um modo de vc achar os arquivos pelo mundo online. va em qq site de busca (piratebay.org, isohunt.com) e la eles oferecem links para os programas (gratuitos) para baixar as torrentes. eu uso o bitcomet, mas existem mil outros. instala em segundos, super facil de usar. ele funciona como uma ponte entre vc e a fonte original da torrent...

Felipe Passarelli said...

Acho que existem pessoas e pessoas.

Na real, falo pelo conceito mundial, é isso mesmo, quem tem banda larga e gosta de musica, todos que conheço, baixam musicas e ouvem no PC ou Ipod.

Alem de voce poder fazer a capa que quiser em casa, um exemplo recente foi a loja online do Pearl Jam. Voce paga 10 dólares e baixa o show de sua cidade e outros. Assim eles estão ganhando os royalites deles, mesmo sabenddo que pode vazar muita gente vai pagar os 10 dólares, no conjunto a capa em pdf, o link esta acima, eu pagaria se só existice loja virtual, e pagaria mensalidades de sites, como já paguei 10 dolares varias vezes no Soulseek até no Fotolog.

Falo do meu mundo, não vou ser falso, os benefícios são infinitamente melhor pra mim, quanto menos peça, menos coisa pra levar melhor. Comprei já muita coisa na internet, meu ipod por exemplo rs

60 GB de Ipod dá 25 mil musicas, conecto num som e pronto a festa pode começar rs

abs

nelson soares said...

No meu caso, baixo pra conhecer o som. Se gostar compro o cd, mesmo porquê, intuitivamente acho a qualidade do áudio superior à do mp3. Isto acontece em 30% dos casos.

Quanto as bandas preferidas é certo de comprar o original. Baixo antes de ser lançado só por ansiedade...

Agora, se existisse o soulseek há 20 anos atrás eu teria economizado um carro...;-)

iga_rio said...

Felipe,

Quanto ao PS2 que vc perguntou cara eu tenho um ha 3 anos e ainda to no maior vicio... assim como o Tom já comentou aqui eu também prefiro ter um PS2 do que instalar games no meu PC...
Pode comprar tranquilo, só se prepara pro vicio, já teve vezes de eu chegar em casa da balada na madruga e dar uma "jogadinha rapida" que acaba durando umas 2 horas... hehehe

Abraços,

tom said...

e com um ps2 desbloqueado vc vai no camelodromo e compra seis jogos por cem contos, menos da metade do preco de um jogo original import!

Felipe Passarelli said...

comprei um "kit" no mercado rs, vem o PSP 2 slim + 2 controles + 20 jogos destravado por 850 contos.

acho que valeu a pena não sei, depois vcs me falam, novo na caixa.

Eu sempre AMEI video games, tive Atari, Master System (o que era akela pistola e o ócuilos 3d!), sega genesis e super nintendo depois parei.

Gosto muito de jogos de porrada, esportes, corrida e de animação.

Fikei sabendo tb que aceita jogos do PSP 1, maneiro minha irmã tem o 1.

O Modem que vem nele vc conecta no cabo da virtua/velox é isso? que nem no PC? Se for é irado heim....

To ficando velho mais com teen spirit rs sexta 26 anos oh god :) Devo ir no Buzz da Fosfoboz com Schild.

Abs (obrigado iga e tom)

Gabriel said...

Eu ainda uso cd(r) porque levo 1 hora pra chegar no trabalho e vou ouvindo música, o som do meu carro é um cd player normal. Tô esperando pra ver o que vai sair de novidade com preço acessível pra som de carro. Tipo carregar direto do ipod pro aparelho do carro, passando as músicas, sem precisar ficar ligado no mp3 player. Acho que a grande mudança é que em breve não vai ter mais mídia que "toca" música, só aparelhos que "carregam". A mídia some, o que toca não ocupa espaço, é menos material. Sinistro!

Lord Vader said...

O Vinil passou , a Cd passou , o cassete passou , Mp3 e todos os formatos compactados vão passar , e por aí vai , cada vez mais efêmeros , até chegarmos aos implantes corticais com pistolas lasers , mas a musica nunca vai acabar .
Ouvir Vinil , cassete , ou cd hoje em dia tá mais pra fetiche , mas ainda acredito que interessa o que se escuta , e não onde .
Além disso , existe o cara audiófilo , pentelho , aquele que escuta há 20 anos Iron Maiden sempre no ultimo formato disponível , mas ele tem que acreditar que está tudo ultra equalizado , graves e agudos metodicamente estabilizados , cada timbre no seu lugar , com a poltrona no lugar estratégico , mas NUNCA muda o disco , e existe também o musicófilo , o cara que tem fome de conhecimento musical e vaiedade , mas não se importa com formato , e nem é tão paranóico assim com a fidelidade , desde que tenha qualidade .

NA CIDADE

JULIANAS:

casas & shows: Circo Voador 18 – Metá Metá / Rakta 19 – Roberta Sá  20 – Testament (EUA) 25 – Johnny Hooker 26 – O Baú do Raul – 25 Anos: Marcelo Nova / Mauricio Baia / B.Negão / Chico Chico / Karina Buhr / Rick Ferreira / Vivi Seixas

Fundição Progresso 18 e 19 – Novos Baianos 25 - Mitchell Brunnings (HOL) / Orquestra Brasileira de Música Jamaicana 26 – Festival RapRJ 7: Cone Crew Diretoria / Luccas Carlos / Froid / 1Kilo / ADL – Participação: Ducon / Modestiaparte – Participação: Liink & Buddy Poke

Teatro Rival 18 – Festa La Cumbia 19 - Afrojazz - Participação: Larissa Luz & Jesuton 23 - Michael Sweet (Stryper) & John Schlitt (Petra) 24 - Júlia Bosco & Emerson Leal & Gustavo Macacko – Participação: Mart´nália & Simone Mazzer 25 – Alma Thomas 26 – Jay Vaquer 50 meia Setor A, 40 meia Setor B, 30 meia Lounge 30 – Cabaré Diferentão

Teatro Riachuelo 29 – Paulo Ricardo Teatro Odisseia 18 – Ordinária - Baile do Lindote: Molejo 24 - The World is a Beautiful Place & I am No Longer Afraid to Die / gorduratrans / E A Terra Nunca Me Pareceu Tão Distante  26 - Esteban Tavares / Sheffield 

Vivo Rio 18 - Postmodern Jukebox (EUA)  19 – Barão Vermelho 20 – Roy Hargrove & Roberta Gambarini 25 - Jacob Collier (ING) 

Baratos da Ribeiro (Botafogo) 19 – Vespeiro: Marcelo Perdido / Real Sociedade / O Branco e o Índio 26 - Vespeiro: Tacy de Campos / Jonnata Doll & Os Garotos Solventes

Estúdio Hanói (Botafogo) 18 - Nativity in Black Fest: Justabeli (SP) / Dark Tower / Profane Art  19 - Festival Nativity in Black: Justabeli (SP) / Dark Tower / Profane Art  27 - Back To Hanoi Metal Fest: Forkill / Unmasked Brains / Evil Inside / Savant  30 - Rectal Smegma (HOL) / Uzômi / Baga  Audio Rebel 16 – Quintavant: Thiago França: Sambanzo 17 – Quintavant: Thiago França: Space Charanga Quarteto 18 - Jair Naves & Britt Harris / Kasparhauser 19 – Quintavant: Ava Rocha 20 - Homenagem a John Coltrane (Widor Santiago, Sergio Barrozo, Adaury Mothé, Didac Thiago, Roberto Rutigliano) 23 – Quintavant: Hans Koch (SUI) - Participação: Bella, Thomas Rohrer, Cadu Tenório, Antonio Panda Gianfratti 24 – Quintavant: Hans Koch (SUI) - Participação: Thomas Rohrer, Antonio Panda Gianfratti 30 – Quintavant: AJJA (Pedro Calmon & Alex Frias)

Espaço Sérgio Porto 18 - Marcio Lugó / Capela  24 - Mulheres de Buço 25 - Whipallas 31 - CEP 20.000

Sala Baden Powell 16 - Donatinho: Homenagem a João Donato - Participação: Ithamara Koorax, Wanda Sá, Cris Delanno, Amanda Bravo, Ricardo Silveira 19 - Quarteto do Rio 23 - Lúcia Menezes 26 - Marcel Powell - Homenagem a Baden Powell - Participação: Thais Motta, Ithamara Koorax, Gabriel Aquino, Amanda Bravo, Dilma Oliveira 27 - Dorina Canta Aldir Blanc 30 - Eliana Pittman

Theatro Net Rio 16 – Laila Garin & A Roda 22 – Paulo Miklos 12/09 Simone Mazzer

Beco das Garrafas Casa de Cultura Laura Alvim 09 e 10 – Festival Levada: Luísa Maita 15 – Katerina Polemi 16 e 17 – Festival Levada: Apanhador Só 23 e 24 – Festival Levada: Bruna Mendez 30 e 31 – Festival Levada: Tamy

Teatro Ipanema 15 - A.Nota: Sambas do Absurdo (Juçara Marçal & Rodrigo Campos & Gui Amabis) 16 - Aíla (PA) – Participação: Posada 17 - Ana Frango Elétrico / Thiago Nassif 18 - Amora Pêra 22 - A.Nota: Marcelo Vig & Marcos Suzano

Teatro Café Pequeno 17 - Lu Dantas & Natália Boere 24 - Marcos Oliveira 31 - Filtra

Metropolitan 24 – Hanson (EUA) 26 - Lindsey Stirling (EUA) Teatro Bradesco 18 – Leo Jaime 24 – Almir Sater

Teatro Municipal de Niterói 18 e 19 – Roberta Campos 22 – Clube do Choro Homenageia Noel Rosa 24 – Quarteto do Rio

Planet Music (Cascadura) 18 - Torture Squad / Hatefulmurder / Reckoning Hour / Warcursed  19 - Black Days (SP) / Sheffield / Amsterdan / LaVille  26 - Festival Invasão Underground 2: Inversa (SP) / Maieuttica / Adrift / Tormentta / The Last Whale 

Imperator 16 - Quartas Brasileiras: Tia Surica - Tributo a Clara Nunes - Participação: Nilze Carvalho, Ana Quintas, Mariene de Castro 22 – Jazz Pras Sete: Folakemi Duo 23 – Maurício Mattar – Participação: Alexandre Pires 24 - Homenagem a Dalva de Oliveira: Amelinha, Zezé Motta, Dóris Monteiro, Leny Andrade, Rita Beneditto, Áurea Martins, Agnaldo Timóteo, Simone Mazzer, Zé Renato, Eliana Pittman, Rosa Maria Colyn, Luciene Franco, Ellen de Lima, Ataulfo Alves Jr, Gottsha 30 – Agnaldo Timóteo 31 – Samba do Imperator: Grupo Arruda, Marquinhos de Oswaldo Cruz, Arlindinho

Centro de Referência da Música Carioca Artur da Távola (Tijuca) 16 – Coletivo Samba na Rua 17 – Quinta Instrumental: Jimmy Santa Cruz 18 – Victor Mus 19 – Danilo Caymmi 23 – Fábrica Nômade Sonora 24 – Quinta Instrumental: Carlos Café 25 – Laura Zennet 26 – Quarteto do Rio 30 – Projeto Vitrola

FM Hall 23 – Manu Gavassi (grátis) 29 – Illy (grátis)

La Esquina (Lapa) 17 - Red Mess / Blind Horse / Stoned Jesus 24 – Mobile Drink

Smokey Rio (Lapa) 19 – Festa Rio Vinil Clube 26 – Bel Almeida Ganjah (Lapa) 18 – Duda Brack & Thiago Ramil 23 – Festa HempFyah: Rafyah Dread & Hempfield DubLab / Lion Dornellas / André Pfefer / Tagu Selectah Vibration 25 - Azul Casu & 3 du Mar

Casa de Baco (Lapa) 17 – Gafieira Pé de Louro 19 – Relógio de Dalí 24 – Joyce Cândido

CCBB 18 - Festival CCBB - Quanto Mais Tropicália, Melhor: Pato Fu / Céu – Praça do Centro Cultural dos Correios (22h – R$ 20) 19 - Festival CCBB - Quanto Mais Tropicália, Melhor: Pedro Luís & A Parede / Tom Zé – Praça do Centro Cultural dos Correios (22h – R$ 10)

Quintas no BNDES 17 - Byafra: 35 Anos de Sucesso 24 - Luiza Borges 31 - Tarita de Souza

Circuito SESC 16 – Copacabana: Philippe Baden Powell & Quarteto Ludere: Baden Powell 80 Anos 18 – Niterói: Clara Gurjão 26 – Engenho de Dentro: Clara Gurjão Circuito SESI 26 – Duque de Caxias: Tiê 25 – Jacarepaguá: Tiê _____________________________________________________________

mixx: 18 - Carmen Blues – Bar Kunin / Vila Isabel 18 – Sara & Nina – Olho da Rua / Vila Isabel 18 - Ronaldo Diamante – TribOz / Glória 18 - Wake the Dead Festival: Surra (SP) / Rats / Der Baum (SP) / Nove Zero Nove – Clube Mageense / Magé 18 – RaggaBrass – Boulevard Olímpico / Praça Mauá 18 - O Rappa - Tour de Despedida – Quadra da Grande Rio / Duque de Caxias 19 - Insurgente Rock Festival: Maieuttica / Ágona / Born2Bleed / Melyra / Forkill / Negah – Caixa de Surpresa / Bangu 19 - Breaking Bad - A Festa: Cervical / Controle / Mau Presságio – Buffallos Bar / Méier 19 - Festa RapSoul 5 Anos: Rael – Armazém / Praça Mauá 19 - Akira Presidente – Espaço BF / Mesquita

20 - Caxias Hell Festival: Velho / Justabeli (SP) / Dark Tower / Gutted Souls / Unnature / Vicious – Lira de Ouro / Duque de Caxias 25 - Bloco Fanfarra D´Águas – Praça das Nações / Bonsucesso 25 - Rogério Caetano - Participação: Hamilton de Holanda – Eco Som / Botafogo 25 - Arraiá do Bloco Vem Cá, Minha Flor – Feira de São Cristóvão

LEO JAIME LEO "GUANABARA" JAIME Com mais de 30 anos de carreira, Leo Jaime experimenta momentos de grande intensidade em sua vida profissional. Além da obra consagrada, como cantor e compositor, o artista está sempre atuando em novos projetos. Humor, interpretações arrebatadoras, inteligência e versatilidade são as marcas deste artista que apresenta ao publico carioca, no dia 18 de agosto, no Teatro Bradesco Rio, o espetáculo “Leo “Guanabara” Jaime”. No show ele relembra seus grandes sucessos musicais e as histórias por trás das canções e dos bastidores do Rock Brasil

PROGRAMAÇÃO BLUE NOTE JAZZ CLUB RIO (ONDE ERA A MIRANDA, NO COMPLEXO LAGOON, NA LAGOA, LADO LEBLON):   07/09 - Quinta-feira 20:00 Maceo Parker 22:30 Maceo Parker   08/09 – Sexta-feira 21:00 Maceo Parker 23:30 Maceo Parker   09/09 – Sábado 21:00 Sergio Mendes 23:30 Sergio Mendes   10/09 – Domingo 20:00 Sergio Mendes 22:30 Sergio Mendes   13/09 - Quarta-feira 20:00 Jaques Morelenbaum convida   16/09 – Sábado 21:00 Baby do Brasil 23:30 Baby do Brasil   17/09 – Domingo 20:00 Baby do Brasil 22:30 Baby do Brasil   20/09 - Quarta-feira   20:00 Jaques Morelenbaum convida   27/09 - Quarta-feira 20:00 Anne Paceo 28/09 Quinta-feira   20:00 Orquestra Atlântica 22:30 Orquestra Atlântica    Outubro   04/10 - Quarta-feira 20:00 Ala.Ni 05/10 – Quinta-feira 20:00 Chris Botti 22:30 Chris Botti  06/10 – Sexta-feira 21:00 Chris Botti 23:30 Chris Botti    07/10 – Sábado 21:00 Chris Botti 23:30 Chris Botti    08/10 – Domingo  20:00 Chris Botti 22:30 Chris Botti  11/10 - Quarta-feira 20:00 Teresa Salgueiro 22:30 Teresa Salgueiro    12/10 – Quinta-feira 20:00 Teresa Salgueiro 22:30 Teresa Salgueiro    20/10 – Sexta-feira 21:00 Chick Corea & Steve Gadd Band 23:30 Chick Corea & Steve Gadd Band   Novembro 02/11 Quinta-feira 20:00 Spyro Gyra 22:30 Spyro Gyra   03/11 Sexta-feira 21:00 Spyro Gyra 23:30 Spyro Gyra   04/11 Sábado 21:00 Spyro Gyra 23:30 Spyro Gyra   15/11 Quarta-feira 20:00 Laura Perrudin   16/11 Quinta-feira 20:00 Didier Lockwood Trio 22:30 Didier Lockwood Trio

ULTRA BRASIL ANUNCIA A PHASE 1 DE SEU LINEUP PARA A EDIÇÃO 2017: ADAM BEYER, ALESSO, ARMIN VAN BUUREN, DAVID GUETTA, JAMIE JONES, JOSEPH CAPRIATI, SASHA & JOHN DIGWEED e THE MARTINEZ BROTHERS SERÃO HEADLINERS FESTIVAL ACONTECE NOS DIAS 12, 13 E 14 DE OUTUBRO NO SAMBÓDROMO DO RIO

_______________________________________________________ CURSOS DE AGOSTO no Estação NET Botafogo    - História do Cinema Independente Brasileiro, com Cavi Borges    - Ancine e o fomento ao audiovisual brasileiro, com Julio Augusto Zucca    - Cinema Afrodisíaco? O sexo na tela, com Dodô Azevedo

Circuito Estação NET de Cinema e Cinemateca do MAM apresentam: Exposição CINEMA EM CASA: Equipamentos do acervo da Cinemateca do MAM. A partir de 23 de fevereiro, no Estação NET Botafogo de 23 de fevereiro a 23 de agosto 2017 Horário de visitação: 14h às 22h Entrada franca

DISTOPIAS BRASILEIRAS NO CINEMA A CAIXA Cultural Rio de Janeiro apresenta, de 15 a 27 de agosto de 2017, a mostra cinematográfica Brasil Distópico, que traça um panorama da produção nacional sobre as distopias. Para a programação, os curadores Luís Fernando Moura e Rodrigo Almeida selecionaram 37 curtas e longas-metragens que imaginam diferentes futuros sombrios para o país, entre clássicos da ficção-científica brasileira e obras menos conhecidas.  Na programação, filmes como O quinto poder (1962), de Alberto Pieralisi, e Brasil ano 2000 (1969), de Walter Lima Júnior. Outras incorporam as convenções da ficção científica, encenando a ameaça nuclear e o colapso do planeta, como Parada 88: o limite de alerta (1978), de José de Anchieta; e Oceano Atlantis (1993), de Francisco de Paula. Há, ainda, aqueles que instalam o cinema de gênero em imaginários locais do Brasil, como é o caso de Abrigo nuclear (1981), de Roberto Pires; e Areias Escaldantes (1985). ESTE ULTIMO, TRAZ NO ELENCO, VARIOS NOMES E BANDAS DO ROCK BRASIL DOS ANOS 80, COMO LOBÃO, TITÃS, E TEMA-TITULO DE LULU SANTOS.

DEIXA NA RÉGUA: O filme estreia no dia 10 de Agosto no INSTITUTO MOREIRA SALLES com sessões às 16h e 20h e no CINE SANTA com sessão às 17h10. Deixa Na Régua. Direção: Emílio Domingos. Produção: Osmose Filmes. Documentário. Brasil. 73 minutos.

COM SESSÕES LOTADAS EM ALGUMAS CIDADES, UCI ABRE MAIS SALAS PARA “DAVID GILMOUR: LIVE IN POMPEII” E AGORA APRESENTA A EXIBIÇÃO EM XPLUS  Ingressos já estão à venda e o público poderá conferir o show também com o poderoso som Dolby Atmos em 360º



BLITZ AO VIVO: No embalo do lançamento do álbum 'Aventuras 2', Evandro Mesquita e sua Blitz finalizam seu quarto DVD, gravado no Circo Voador em abril, para lançamento em outubro. A banda está a todo vapor, com presença confirmada no próximo Rock In Rio e tem turnê pelos Estados Unidos confirmada em fevereiro de 2018

FESTIVAL DE CINEMA DA NOVA ZELANDIA

(colaborou @DonnieDarko73);

Blog Archive

Buscar

About Me

tom leão
Vanuatu
amigo dos amigos, amante de música, cinema, boa comida, de pedaladas e caminhadas
View my complete profile
Powered by Blogger.

Popular Posts

Translate

Followers