Pular para o conteúdo principal

LSD Sound, sista!


Us V them, over and over again! The time has coming. Yeah yeah yeah yeah yeah yeah yeah! It´s time to get away... from here. We are the south america scum! All my fiends knows abou this. E o LCD Soundsystem abalou a Lapa como um LSD trip system de disco-punk e rock beats...

Bom, não teve sound of silver, nem disco infiltrator ou the beat connection, mas tribulations rolou e someone great is gone quando tudo acabou. LCD I love and you don´t bring me down. Nem o som do circo. Mas o som do silver ficou no ar e james murphy e sua banda tocaram em my house com uma human beat box de primeira, uma oriental e dois caras bacanas do !!! Shake shake shake?

Po, Bjorka foi bacana naquela tenda abafada do team/teen, mas LCD valeu mais do que todo aquele festival de poseurs. Não lotou, mas só tinha fãs, neguinho cantando as musicas em corinho, fraternalmente, roda de mosh, uma loura meio vagaba e bebada fez stage dive e tudo rolou na paz, com Murphy bear comentando no fim: vcs foram a platéia mais quente da turnê. Uau!

Comentários

  1. acho que o lcd fez história no circo, assim como o franz.
    apesar de alguns problemas técnicos (inclusive da bateria), a chuva que não parava nunca e (nunca é demais falar) o preço cobrado, a noite foi sensacional. a banda toda é muito boa, com destaque para a oriental que parecia um robôzinho alucinado. e o james murphy é muito carismático, mesmo sem falar muito com a platéia, demonstrou estar se divertindo tanto quanto nós.

    e aquela loura só queria aparecer mesmo (como diria o lobão, é tudo pose), acho que ela nem sabia quem era o cara ...

    ResponderExcluir
  2. Realmente Tom, o show estava 10. Só achei q o preço do ingresso estava absurdamente caro. Até pq em Brasília custava 40 paus. O q acontece com os shows no rio para estarem com o preço tão lá em cima?

    ResponderExcluir
  3. tá meio em cima,mas quem quiser ir hj la na festa paradiso da casa da matriz e entrar na lista amiga (sete mulé, dez homi) é só dropar o nome aqui que eu levo la e fica disponivel depois da meia-noite, sem limite pra chegar. tito e edinho com rock tradicional no andar de baixo, e o amigo felino de vcs na salinha de cima com disco punk, electro rock e derivados, com um set especial dfa em homenagem ao lcd no comecinho...

    ResponderExcluir
  4. Não fui na Paradiso mas fui ao show da Pitty no Circo, levantando a bandeira do rock no sabadão.
    primeiro cheguei lá 23hs e já haviam esgotados os todos os ingressos, fiquei pasmo, nem os cambistas tinham pra vender. como já estava no local e sempre acredito no acaso, esperei uma hora e paguei 40 num carinha que tinha ingresso sobrando (a entrada era 25 inteira, 12,5 metade!). Mas ok Pitty merece.
    caraio, nunca na minha vida de circo vi aquele lugar tão lotado, não consegui entrar no meio do circo, vi o show de lado com muito custo. não sabia que a pitty estava TAO pop, os shows que vi dela estavam normais, mas ela no circo não cabe mais e ela esta muito mais gostosa realmente, como gritavam lá direto (rs). realmente é ua das melhores bandas brasileiras existentes, até o chatérrimo do adriano do css falou bem a beça numa revista. num mundo cercado de emo-pop-farofas, ela da o olé e da rasteira nessas bostas todas. é incrivel como a pitty consegue juntar tantas tribos num show, talvez por isso que lotou. classes a, b, c, d, gays, lesbians beijando tranquilamente, muito mosh, sky diving, foi insano e bom ver pitty de novo, mas na próxima vez que pelo menos ver em frente ao palco hehehehhe.

    O que falar do lcd? maravilhoso, vimos o chefão do punk rock lá mandando ver, junto com aquela japonezinha linda. dessa vez eu consegui ver direito sem a farofada do skol beats. não achei histórico pois houve vários problemas técnicos q me irritaram e não teve a massa entregue como no franz, mas foi um show de responsa. tocaram joy dvision "no lost love" e particulamente get innocuous! que eu amo. bem gang of four aquelas batidas, me remeteu as bandas disco punk antigas. fiquei na frente bem tranquilo, e até entrei no mosh dessa vez. the twelves tb arrebentaram, é o nosso simian mobile disco carioca, fizeream direitinho o live deles, super antenados, de olho neles, se não puder uma matéria. os carinhas são de niterói e já assinaram com a modular. set ótimo de new rave. mas o show do lcd foi o melhor shoe eletônico q tivemos aqui esse ano sem duvidas!

    obs: tom, to com problema de entrar com a minha senha, vc pode ver o que pode ser isso, algum virus?? já aconteceu uma vez, de novo isso...

    ResponderExcluir
  5. Não fui no LCD.
    Acho que não vou relizar meu sonho de ir a um show lotado ou a um mega show nunca. Do jeito que show aqui é caro, a tendência é esvaziar cada vez mais. E perdi todos os mega shows do passado, rsrsrs.
    Encararia um The Police só pra ter esse gostinho, mas sabe-se lá se enche mesmo.

    ResponderExcluir
  6. esquecemos um detalhe importante sobre o show do lcd: acabou às 2h ! em se tratando de show no circo voador, isto é quase um fenômeno !!!

    ResponderExcluir
  7. felipe, nao sei o que rola com a tua senha, so sei que o google em geral tem dado uns problems essa semana. eu mesmo tive problemas com o gmail e com algumas postagens no blog. chego ate a receber recados de uma galera que visita o myspace de um camarada que tem um login parecido com o meu. nao posos fazer nada quanto ao seu problema, isso é coisa do programa. e o rockz abrindo pra pitty foi legal? acho essa banda bacaninha...

    ResponderExcluir
  8. não consegui ver o rockz, tb acho legal, mas eles se deram bem, pegaram um circo já lotadasso, demorou a vera pra eu conseguir um ingresso. queria muito ver o show deles tb, o que me animou mais ainda. enquanto a senha, to usando o firefox que já fica gravado, mas se quiser acessar de outro lugar já era, explorer tb não rola. parece que eles finalmente vão gravar o cd, confere? o som é bacana, tem musicas pra baixar no last.fm.
    e aí semana q vem carl cox? c/ ou s/ xtc? hehe

    ResponderExcluir
  9. olá galera cheguei do feriadão, e só agora estou lendo
    o post do LCD...
    parece que foi daquele shows, que parecem showzinhos só para convidados, com todo mundo sintonizado... bem legal...

    engraçado que no post anterior, estava todo mundo meio pessimista com relação ao show... então acho
    que rolou aquela coisa de uma
    agradável surpresa a performance dos caras... pena...
    não me animei a ir
    com aquela chuva, até pq o lcd
    não mexe muito comigo, mas pelos
    comentário bateu arrependimento...

    tudo bem em março tem INTERPOL, e esse filhote do JOY que eu me amarro... e estarei lá...

    valeu! fui!

    ResponderExcluir
  10. Fui na pitty pra ver o rockz achando que eles iam tocar meia noite, cheguei já tinha acabado... =(

    Ta, claro que também queria ver o show da pitty, e gostei bastante, apesar de ter ficado muito espremido num canto, com duas garotinhas muito chatas atras de mim tirando meus óculos o tempo todo....

    queria ter ido no lcd, mas não sou tão fã assim pra pagar o que custou.

    Abraços!

    ResponderExcluir
  11. a noitada onti na paradiso da matreca foi excelente, coroando um fim de semana muito bom, que começou la em cima com o show do lcd. pista animada, uma galera que responde as musicas e nao fica pedindo pra tocar aquela, muito bom. comecei com um set especial dfa, depois enveredei pela space disco entrando no disco-punk ate chegar a electro e, madrugada alta, no techno quase lenha, que fez uns individuos perderem a linha. sábado que vem tem mais na pista 2 (bar) da tilt do fosfobox, que sera mais voltado pro electro-rock,,,

    ResponderExcluir
  12. pacheco, seu amigo de los bife estava la na pitty com a fernanda, vc os encontrou? pra vcs terem uma ideia de como eu queria ver esse show do lcd (que ja tinha perdido em sp e ny), declinei de uma viagem de trabalho que me levaria a miami, de sexta a segunda, pra ver uma luta e entrevistar os malucos da wwe (aquelas lutas livres bizarras). se fosse em las vegas ate pensaria melhor, mas preferi ver o lcd!

    ResponderExcluir
  13. hahahaha
    Só o THE ROCK prestava... o cara era muito show man. Agora ele virou ator...

    Não os vi não, infelizmente! Eles devia estar la no meião, conseguindo ver o show.

    ResponderExcluir
  14. o lance é que o sbt fechou contrato com a wwe pra exibir aqui os pgms de lutas deles. por conta disso, agora em janeiro virao dois lutadores e um tecnico ao brasil para fazer lutas promocionais no rio e são paulo. let´s ready to rumble!!!

    ResponderExcluir
  15. tom, comemorando o sucesso do show, resolvi upar o album do battles, que foi deles a primeira música antes do show chamada atlas que é surreal.
    battles é uma banda-robô praticamente, elogiada a beça pela crítica mundial, eles tentam imitar o computador, super instrumentistas.
    e olha só eles estavam no brasil essa semana, tocaram em sp, bh, go e nada de rio, fiquei bem puto.
    e sabe quem abriu o lcd em SP? nada mais nada menos que THE FIELD!! tenho inveja dos paulistas, sério...
    então, versão japonesa do maravilhoso album do battles "mirroed", e se liga logo na segunda musica "atlas" que vc vai reconhecer de cara a musica.
    depois conta se gostou só peço isso :)

    http://tinyurl.com/3b2f7v

    ResponderExcluir
  16. Alguém já leu a biografia do Tim Maia? Estou aqui já nas últimas páginas e resolvi baixar os primeiros discos do síndico. Recomendo!

    ResponderExcluir
  17. o lancamento do livro do sindico vai ser nesta terca no zerozero, entao acho que vou la e comprar o meu na ocasiao. alias, como é lançamento de livro, nao precisa convite pra ir, é só chegar, já q a ideia é vender.
    eu soube que o battles tava no brasil, so nao sabia onde, nem porque
    outros lutadores da wwe conecidos sao o steve stone cold austin, e o velho hulk hogan, alem do mcmahon, que é o silvio santos da parada. weird...

    ResponderExcluir
  18. desfolhei, o livro do tim, sexta na FENAC... bem lega, com fotos
    bem legais... vou comprar é o único artista da chamada MPB,que curto até hoje...

    aproveitando a liquidação de cds da fenac, comprei do dvd do police
    do SHOW DE 1984 em atlanta, que que na época a flu fm fez até um evento na mamão com açúcar para sua exibição...

    bem legal o show... o preço do DVD
    estava 25,00 reais...

    Abraços!!

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

OS SHOWS QUE VEM POR AI!

A agenda de shows internacionais no Brasil, neste primeiro semestre, está bem movimentada. Teremos desde grandes atrações inéditas (Phil Collins), até velhos conhecidos (Foo Fighters) e despedidas (Ozzy). Infelizmente, algumas das atrações, como Gorillaz e Depeche Mode, apenas em SP





DEPECHE MODE - SÃO FRANCISCO


PHIL COLLINS

PRIMEIRA VEZ NO BRASIL, SOLO - JÁ VEIO COM O GENESIS, NOS ANOS 70,
COM ABERTURA DO PRETENDERS

 22 FEVEREIRO: MARACANÃ/RJ
 24 FEVEREIRO: ALLIANZ PARQUE/SP
 27 FEVEREIRO: BEIRA RIO/POA




FOO FIGHTERS

COM ABERTURA DO QUEENS OF THE STONE AGE 

25 FEVEREIRO: MARACANÃ /RJ
27 FEVEREIRO : ALLIANZ PARQUE /SP
2 MARÇO: PEDREIRA PAULO LEMINSKI/CURITIBA
4 MARÇO: BEIRA RIO/POA


KATY PERRY

REI PANTERA

Vão dizer pra você que 'Pantera Negra', é o primeiro filme de super herói Marvel negro. Não é (Blade, veio bem antes). Ou, que é o primeiro filme com cast quase totalmente negro. Outra inverdade, basta uma rápida pesquisa. O fato é que, independentemente desses detalhes, 'Black Panther' é um filmaço, dos melhores do MCU (o Marvel Cinematic Universe). Não diria o melhor, pq 'Capitão América: guerra civil' (onde o Pantera Negra foi formalmente introduzido), detém esse titulo, desde os primeiros do Homem de Ferro e Vingadores. E, está acima do ultimo Marvel, o 'Thor: Ragnarok'. Muita gente gostou deste, pelo seu tom brincalhão. Achei um tanto demais da conta.


Por outro lado, os mais jovens irão achar 'Pantera negra' um bocado sério. É um filme que (quase) não deixa espaço pra piadinha barata. A história de T´Challa (Chadwick Boseman, que se revelou na cinebio de James Brown), o herdeiro do trono de Wakanda (um fictício e super avançado país africano…

ENVENENADO PELO ESTILO

Paul Thomas Anderson é um prodígio. Aos 26, realizou 'Boogie nights', seu longa de estreia, que aumentava um curta que ele tinha feito dez anos antes, sobre um fictício ator pornô chamado Dirk Diggler. Seu trabalho seguinte, foi o ambicioso 'Magnolia', espécie de homenagem a Robert Altman: um filme longo e cheio de personagens, cujas historias se entrecruzam aleatoriamente. Daí em diante, cada novo filme seu era esperado com altas expectativas, pelos fãs e pela crítica. Ele fez até um com Adam Sandler (!?), 'embriagado de amor'. Mas, sua obra-prima, veio em 2007: 'There will be blood' (sangue negro), um daqueles raros filmes que, quando acaba, dá vontade de aplaudir de pé na sala, e gritar 'bravo!' Um dos grandes trunfos do filme, é Daniel Day-Lewis, que, não a toa, ganhou Oscar de melhor ator no ano seguinte. É um dos cinco melhores filmes deste novo século.


Agora, no momento em que Day-Lewis anuncia sua aposentadoria do cinema, se juntou no…