Pages

Wednesday, February 27, 2008

Miss Kitchen


Foi com esse nome que a francesa Miss Kittin (nascida Caroline Hervé) foi anunciada num email que recebi (da própria divulgação!!!) quando tocou aqui no Rio, pela primeira vez, numa noite bacana no Sky Lounge, na Lagoa (que era um lugar de tamanho legal, com som bom, só que mal aproveitado), há alguns anos. O lugar era tão playba que um amigo meu, acostumado a só andar de bermudão estilizado, que não é exatamente um short, foi barrado na porta. Como ele não era o único (os fãs de Kittin se vestem mais numa onda rock), depois de muito perrengue com a mulé da porta e os seguranças, acabaram liberando a entrada dos malucos que destoavam do público frequente da finada casa (tinha até um clone de Marilyn Manson). Fiz essa volta toda só pra avisar que tem disco novo de Kittin na área, o da capa acima. Menos electro, mais dark techno, ele é bem legal e mais pesado que o anterior. De cara, duas faixas se destacam (e já estão no meu set em dois sábados lá na Matrix): "Pollution of the mind" e "Metalhead". A fofa Caroline segue com sua carreira, fazendo o que gosta, indiferente aos apelos comerciais do momento. Kool!

10 comments:

André Imbuzeiro said...

Quando vc diz Matrix vc quer dizer Casa da Matriz?

Que dias (noites) você toca na Matrix? se está.
Fui lá 2x recentemente e nem sabia estava tocando por lá, senão teria parado pra dar uma apreciada no som com mais cuidado.

Senão, onde?

Felipe Passarelli said...

Já gostei muito de Miss Kittin, mais do trabalho dela com o The Hecker, que é um clássico do eletroclash.

Fui nas primeiras vezes que ela tocou aqui, em duas edições da X-Demente, com Mau Mau e George ACTV abrindo, em 2 dias diferentes, e naquele lugar de play la na lagoa que até te encontrei tom, você tava com o godirro.

A primeira vez como djéia, foi incrivel, tava no comecinho da fase eletroclash e foi uma das minhas melhores noites na vida, a vibe lá em cima.

Ela como DJ é íncrivel, mas no disco solo EU acho que ela se perde muito na sequência das músicas, deixando o album chato, resumindo: muito burocrático ao invés de fazer um disco repleto de hits.

Beatbox achei mezzo, tem umas 3 musicas que eu gosto: Barefoot Tonight, Metalhead e Pollution Of The Mind do resto achei chato.

Sugestão de pauta pro rio fanzine tom: hercules & love affair, o cara é de ny, da DFA e vem tocar aqui no club 69 dia 18 de abril. HLA é promessa heim!

:)

tom said...

sim, imbuzeiro, é a casa da matriz. geralmente eu toco na paradiso, que rola aos sabados, uma vez por mes, em media, dependendo de minha agenda e da da casa, e aviso aqui. a proxima data ja marcada é o segundo sábado de março, dia 8, acho. como a noite é rock indie la embaixo, na salinha de cima eu toco eletronico, tipo remix de rock, new rave e uma boa dose de electro, dfa sound, dependendo tbm da cara do publico daquela noite. as vzs tbm faço ddk, fosfo, zero e dama...

tom said...

po, felipe, tinhate esquecido dessa primeira vez da kittin aqui, foi la no armazem. eu tocava na bunker na epoca, mas deu tempo de ir la, pq ela só começou o set/show as 5am, cheguei bem na hora. nesse dia o publico tava melhor, mas achei a gig do sky bem melhor. discordo de vc no quesito dos cds dela. qndo ela grava solo, faz um album, nao uma coleção de hits de pista, tem um sentido nas musicas. ja as coleçoes q ela grava como dj, tipo o radio caroline, sao assim, só hit pancada pra pista. diferente. e valeu as dicas, vou conferir

tom said...

realmente, felipe, o hercules love affair é muito bom, é como se fosse disco classica, mas nao é. bacana. mas no myspace deels nao tem data de gig nenhuma, nem no brasil. vou ver com meus contatos quem vai trazer. a surpresa maior foi ouvir a voz do antony logo na primeira faixa do disco. ele canta em outras, tbm. é um lance pos-electro com um toque dfa.

Felipe Passarelli said...

po ouvir a voz do antony na pista com som disco e dançando é impágavel. (adoro)

blind já toca em vários lugares e tem remixes do frankie knuckles e serge santiago (linda a música!)

esse cd, que acho que nem foi lançado ainda, está sendo rotulado como acid-house ou só disco.

num blog desses da vida tava se comentando sobre a volta do disco na cena de ny e no mundo. tipo strokes - foi a retomada do rock, klaxons - mistourou eletronica com rock - HLA - voltou pra disco puro, como é o caso tb do glass candy e do chromatics, que tb são de ny e do selo itallians do it better que é o selo master, e não usam guitarras. é viagem isso.

só james murphy pra nos presentiar com uma pérola dessas...pra mim, já é um dos melhores album de 2008. :)

tom said...

errantes em off: hj é aniversario da cidade. parabens! mas vai ter um show de bossa nova pra comemorar. acho bossa nova um saco. e vi o filme gone baby gone, dirigido por ben affleck. e presta! e ouvi ruby do kaiser chiefs tocando no sistema de som de uma loja popular (nao butique). ãh? e fui num all you can eat mexicano com japones. achei que ia ter uma baita caganeira, mas foi bom. e o preço é otimo: 38 contos (fora a bebida)

tom said...

pérolas do vestibular de música:

Agnus Dei é uma famosa compositora que escreveu música para igreja.

Handel era meio alemão, meio italiano e meio inglês.

Beethoven escreveu música mesmo surdo. Ele ficou surdo porque fez
música muito alta.

Uma ópera é uma canção que dura mais de 2 horas.

Henry Purcell é um compositor muito conhecido, mas até hoje ninguém
ouviu falar dele.

O Bolero de Ravel foi composto pelo Ravel.

A harpa é um piano pelado.

Opus Póstuma é música composta quando o compositor compôs depois de morto.

Mozart morreu jovem. Sua maior obra é a trilha do filme 'Amadeus'.

A importância de 'Tristão e Isolda' reside no fato de que é uma música
muito triste.

Virtuoso no piano é um músico com muita moral.

Os maiores compositores do Romantismo são: Chopin, Schubert e
Tchaikovsky. No Brasil temos Roberto Carlos e Daniel.

Música cantada por duas pessoas é um DUELO.

Eu sei o que é um sexteto, mas não sei dizer.

Stravinsky revolucionou o ritmo com 'A MASSACRAÇÃO da Primavera'.

Carlos Gomes compôs a PRÓTESEFONIA do programa de rádio 'A Hora do Brasil'.

'Carmen' é uma ópera e 'CARMINHA Burana' é sua filha.

Muitos pesquisadores concordam que a Música Medieval foi escrita no passado.

A ópera mais Romântica é a Paixão de Mateus por Bach.

Tem dois tipos de Cantatas de Bach: as Cantatas religiosas e as
CANTADAS DI PROFANAÇÃO, que ele usou no palácio.

Meu compositor preferido é Opus.

Chopin fez poucas baladas, pois sofria de tuberculose. Assim não dava para ele cair na gandaia à noite, dançar, beber e curtir as minas, MAIS parece que ele não era chegado.

Cage inventou os 4 minutos de silêncio.

Suíte é uma música de danceterias barrocas.

Há uma espécie de Corais feitas por Bach, que se chamam Florais e são
usados como remédios milagrosos.

'Messias' é uma missa de Handel cuja originalidade é ter muitos aleluias.

Joseph van Damme, além da arte lírica, é adepto das artes marciais. Não assisti nenhuma ópera dele, mas tenho o DVD de 3 filmes dele.

Os menestréis e trovadores transmitiam notícias e estavam nas festas. Andavam de cidade em cidade, de castelo em castelo e iam até nos shows de TV.

O regente de uma orquestra é igual a um guarda de trânsito maluco
porque agita os braços controlando muitos instrumentos na sua frente.

'As 4 Estações' é o CD mais vendido da banda do Vivaldi, depois que
fez sucesso num comercial de sabonete, que não me lembro o nome agora.

Os compositores Renascentistas reviveram a música, pois ela havia sido morta pela Inquisição.

As Fugas de Bach são famosas porque ele não queria ficar preso em
nenhum sistema.

A música eletroacústica é a mais avançada das tendências da música
eletrônica hoje em dia. Seus principais compositores são os DJs e a banda Craftwork.

O metrônomo foi inventado para os músicos não andarem depressa.

Barroco é uma palavra derivada de Bach.

Handel compôs muitas peças geniais para COURO.

Música atonal é aquela sem som ou que explora o não-som, mais ou menos quase um anti-som. Seus mais importantes criadores são da família Berg: Schoenberg, ALBANBERG e WEBERG.

Pierre Boulez e STOQUEHAUZEN são compositores contemporâneos. É raro
ser contemporâneo, pois muitos contemporâneos não vivem até morrer.

A mais bela sinfonia é a ÓDIO ÀLEGRIA de Beethoven.

fabio fernandes said...

eu até ia a esse show em homenagem a bossa nova ontem, só pela fernada takai e pela maria rita, mas acabei desanimando. estes tributos com uns 80 artistas no palco acabam sendo chatos ...
acabei vendo, novamente, "beatles num céu de diamantes".

fabio fernandes said...

ah, iria pelo bossacucanova tbém, mas dizem que a participação deles foi tão rápida que nem valeu a pena ...

NA CIDADE

OCTOBERFESTIVAS:

Abertura da exposição de fotografias de Raymond Depardon, “Un moment si doux”, no dia 1º de novembro. Depois de passar por Paris e Buenos Aires, o CCBB Rio recebe as 170 fotografias de diferentes cores e formatos tiradas na Europa, África e América Latina, incluindo o Brasil. Ate 22 de janeiro. qua-seg 9am-21pm. Grátis.

UCI INAUGURA A PRIMEIRA SALA DE CINEMA XPLUS LASER DO BRASIL, NO RIO DE JANEIRO: No ano em que comemora duas décadas no Brasil, a rede UCI reforça sua missão de oferecer ao público a melhor experiência em cinema e o que há de mais moderno no mundo, no mercado audiovisual. No Rio, inova mais uma vez com a primeira sala XPLUS Laser do país. A novidade será no maior complexo de cinemas brasileiro, o UCI New York City Center, que este ano também recebeu a primeira 4DX da cidade, com cadeiras que se movimentam e efeitos especiais. A aquisição do novo projetor a laser torna ainda mais imersiva a tecnologia da XPLUS, que tem projeção 3D de última geração, tela gigante com definição 4K e som Dolby Atmos™, com mais de 54 caixas acústicas e 128 streams de áudio que criam a ilusão de um campo infinito ao redor de cada espectador.

PROGRAMAÇÃO DO BLUE NOTE JAZZ CLUB RIO (ONDE ERA A MIRANDA, NO COMPLEXO LAGOON, NA LAGOA, LADO LEBLON):      Novembro 02/11 Quinta-feira 20:00 Spyro Gyra 22:30 Spyro Gyra   03/11 Sexta-feira 21:00 Spyro Gyra 23:30 Spyro Gyra   04/11 Sábado 21:00 Spyro Gyra 23:30 Spyro Gyra   15/11 Quarta-feira 20:00 Laura Perrudin   16/11 Quinta-feira 20:00 Didier Lockwood Trio 22:30 Didier Lockwood Trio

Tropicália ganha exposição tech com livre reinterpretação conceitual Nos 50 anos do movimento, na Galeria BNDES   Os artistas Barbara Castro e Luiz Ludwig, do estúdio Ambos&&, apresentam uma livre reinterpretação dos conceitos do movimento tropicalista à luz da arte e da tecnologia. Com a exposição Vamos Comer, estimulam o público a “devorar” experiências sensoriais e orgânicas, incluindo quatro instalações de arte computacional. Ela está aberta a visitações na Galeria BNDES, no Rio, entre os dias 18 de outubro e 1º de dezembro, de segunda a sexta, das 10h às 19h

Megadeth se apresenta no Rio e em São Paulo   A BANDA Megadeth toca em São Paulo e no Rio de Janeiro no final de outubro e começo de novembro. Liderada pelo seu fundador Dave Mustaine, e contando com o brasileiro Kiko Loureiro (ex-Angra), também na guitarra, o grupo norte-americano se apresenta dia 31 de outubro no Espaço das Américas/SP, e dia 01 de novembro, véspera de feriado, no Vivo Rio. A BANDA VIMIC, FAZ A ABERTURA  

AGENDA CUTURAL BARATOS DA RIBEIRO: Quinta-feira, 26 de outubro, a partir das 19h: LEVADAS DA BECA, com as DJs Ana Paula Moniz (Beca Brechó), Bia Andrade & Ana Galli + uma convidada surpresa! Sábado, 11 de novembro, a partir das 17h: VESPEIRO com a banda Os Alquimistas (MS) e Mauk + Pedro White & banda fazendo tributo duplo: ao Bruce Springsteen e ao Tom Petty! RUA PAULINO FERNANDES 15, BOTAFOGO/RJ grátis

MOSTRA DE CINEMA ARGENTINO CONTEMPORÂNEO VOLTA À CAIXA CULTURAL RIO DE JANEIRO EM SUA SEGUNDA EDIÇÃO   Histórias extraordinárias apresenta uma seleção com os melhores filmes recentes do país vizinho. Debates com cineastas e especialistas completam a programação Local: CAIXA Cultural Rio de Janeiro – Cinema 2 Endereço: Av. Almirante Barroso, 25 – Centro  (Metrô e VLT: Estação Carioca) Telefone: (21) 3980-3815 Data: de 07 a 19 de novembro de 2017 (terça-feira a domingo)

Sábado, 28/10 circo voador: Hermeto Pascoal e Big Band - Lançamento do álbum 'Natureza Universal' mais: DJ Marcello MBGroove

Angela Ro Ro leva o show "Amor & Humor" para a Zona Norte A cantora - que pela primeira vez pisa no palco do Centro Cultural João Nogueira -  faz  apresentação única no Méier, dia 29 de outubro, às 19h, no Imperator

estreia: 5º FEIRA/ 19 OUT - ABERTURA DA MOSTRA JÓIAS DO CINEMA DINAMARQUÊS: CINE JOIA DO RIO DE JANEIRO (copacabana) EXIBE SEIS LONGAS INÉDITOS DO PAÍS NÓRDICO; E O PRIMEIRO DOC LONGA-METRAGEM FILMADO NA GROENLÂNDIA.



(colaborou @DonnieDarko73);

Blog Archive

Buscar

About Me

tom leão
Vanuatu
amigo dos amigos, amante de música, cinema, boa comida, de pedaladas e caminhadas
View my complete profile
Powered by Blogger.

Popular Posts

Translate

Followers