NA COVA DO LEÃO

Thursday, November 16, 2006

LAGER LAGER LAGER!!!



tem alguns momentos de minha vida que considero marcos, levando em conta que ela é quase toda norteada por música. tipo, a primeira vez que ouvi o primeiro disco do clash e minha vida mudou. a primeira vez que ouvi o primeiro pixies e tudo fez sentido de novo. o show do nirvana no rio, especie de fim de um ciclo (punk is dead?). e o show do underworld, num festival/rave na irlanda, em 98. outro fim de ciclo. a geração rave morria ali pra mim (que tinha ido a minha primeira rave quase dez anos antes, em londres), ao mesmo tempo em que ganhava o mainstream mundial. ouvir ´born slippy' no meio de um monte de irlandeses seriamente bebados, gritando em coro "lager, lager, lager!!!" e rolando na lama, foi equivalente a minha mae ouvir o mick jagger cantando "satisfaction" nos anos 60, qndo aquilo fazia sentido. e, assim como nao fui ver o show sell out dos pixies em curitiba (e só vi os pistols na apoteose ha alguns anos por obrigação de trabalho), tbm nao vou ver o underworld sábado numa fazenda perto de petrópolis. nao gosto de estragar meus momentos mágicos. como tbm jamais iria ver um revival do nirvana, caso kurt estivesse vivo e maluco o bastante pra pensar em tal coisa. new order? só pelo joy division...

*foto de dani bever, no show do underworld, ontem em sp.

28 comments:

PEDRO BAMBAATAA said...

concordo com vc tom, há momentos mágicos, mas se o underworld fosse na Cidade do Rock, eu iria, pois sou fã da banda que conheci atraves do rio fanzine e tenho o dvd everything, everything que acho demais... pois isso iria...
Agora ir até petrópolis numa fazendo é um esquema muito alternativo para mim....
não sei se a banda ainda está meia bomba, pois se não me engano, pela foto do flyer, só tem dois membros agora...
mas hoje mesmo estava ouvindo o cd "a hundred days off"(foi o último trabalho?) e gosto muito,como os trabalhos anteriores, por isso iria...
momento marcante para mim?
show do Iguana no canecão em 88, achei sensacional quando o mancebo
deu um stage dive no meio da galera e apareceu um cara louro com roupa sadô e quepe meio nazista e ou levou de volta para o palco junto com a galera...

ps: vou pela canções do new orde...
ouvi-las é algo marcante para mim...

um abraço!!

tom said...

no caso do underworld, ate se fosse por aqui daria pra arriscar, pq tbm, tem sasha abrindo. mas o publico vai ser aquela palyboizada psy, nadave. qnto ao new order ja os vi 2vzs. gosto pra caramba da banda e eles nao estao na fase turne retro, ate pq continuam lançando discos novos. ja o cult, por exemplo, vai ser mais uma onda nostalgica, tipo silvio caldas

Felipe Passarelli said...

hahahahahahaha

Tive quer rir do Silvio Caldas ou pode ser também o Luís Caldas do Tiêta?? (Falando nessa musica, o bonde do rolê fez uma versão incrível pra ela)

Po gostei do Show do New Order, foi além das minhas expectativas, foi nota 8,0.

Não foi 10,0 porque foi curto, o show não teve efeitos alguns, e o repertório pequeno, e o dinheiro não valeu o show, mas foi ótima a vibe do local, re-encontrei muitos amigos queridos que não via há anos.

E esse papo de momentos Tom, depende de como, onde, que proporções, qualidade e notoriedade foi, não é pq vc é mais vivido e conheceu coisas antes, que outras pessoas não possam curtir igualmente depois. Assim você esta enterrando a musica de vez.

Nem todo mundo teve oportunidade de viajar em 80 e tomar bala em Londres, penso nacional, brasil, acho que as coisas acontecem na hora que devem acontecer, e isso é bem particular.

Me acho In por ter pegado a OOPS na Gheto com 17 anos e ter descoberto isso tudo depois, mesmo atrasado, mas foi quando o underground se estabeleceu aqui, e foi uuma fase ótima.

Momentos históricos recentes como o show do Franz no Circo, coisa que lá fora, só se ve em Reading Festival etc.

E a musica se renova a cada dia, em dezembro mesmo, vamos ter Jens Lekman aqui no Rio, tipo, coisa impossível de se imaginar no Brasil, pq lá fora, ele é considerado o novo Elliot Smith, amado por todos os indies americanos, o sueco faz um twee-pop maravilhoso, e ta no "hype" vamos dizer assim.

Outro exemplo, Sonic Youth volta ano que vem com a turnee do ultimo album, que é considerado por mim, pela critica e pelos fãs um dos melhores albuns da banda, nunca se sabe como a grande coisa vai acabar, até pq nos tempos de hoje, todo o hype em cima, acaba bem mais cedo.

Cade o Bla Bla Bla todo em cima do Arctic Monkeys? Os caras já não estão tão tops assim, e a midia agora esta em cima do Klaxons, que é uma banda incrível, que revive toda essa onda rave do passado com cara nova, nada se cria tudo se copia como já dizia esta famosa frase.

Enquanto em londres rolava raves, antes já tinha o Neu!, o Kraftwerk, o Can, Faust, todos inspiradores de bandas atuais assim como eles próprios foram influenciados por outras pessoas.

Não acredito em 100 % novo, mas sim num mundo de influencias, assim como o muddy watters influenciou o rolling stones.

Enfim, penso eu, que tudo é uma bola de neve, que vai passando de mão em mão, se aprimorando e renovando certo estilo/época.

Aí Tom, já viu o video classico da briga do dollabela e do gordo que resolveram soltar essa semana? o que achou daquilo?

Vc que viveu mais e conhece mais o punk, o que acha do joão gordo, do RDP? Acha ele um cara legal, conhece ele, respeita?

Falows!

Sandman said...

eu ate ia nessa rave e tal.tem anos q nao vou (e olha q so tenho 24 anos !!).mas sei lah, as raves nao fazem tanto sentido pra mim hj em dia.a ideia original c perdeu.eu so iria pra ver born slippy ao vivo.deve ser magico.

mas eh aquilo neh...com certeza metade do publico q vai lah nem tem ideia do q representa essa musica.
-----
tanto q vou trocar essa rave por uma tarde no cinema do downtown :)
------
eu nunca fui e-head e tal, mas eu fecho mais com o pessoal da ddk, por exemplo.Os caras vao lah, curtem o ebm deles, darkelectro..numa boa, sem drogas sem nada,dancam com os amigos..namoram e de manha comem um cachorro quente na frente do cine iris e vao embora pra casa..felizes.

esse papo q essa galera "psy" sempre me manda, d q temos q aproveitar a vida(ou seja, tomar balinha e ficar numa festa durante 15 horas :S ja me encheu o saco.

------
nao sei pq, mas toda vez q vou na ddk com os meu amigos(a ultima foi maravilhosa) eu tenho a sensacao de estar fazendo parte de um momento magico.tipo, algo q daqui a 20 anos vao falar.."vcs lembram da ddk?" :)
mas eu fecho com vc tom.quando fizerem uma festa revival da ddk..eu nao vou nao hehehe

tom said...

os momentos magicos podem acontecer a qq momento com qq um de qq idade. sandman ilustrou bem. ddk é o cubatao da nova geração. mas reviver isso daqui ha 20 anos vai ser mico. nao vou em coisas do tipo reuniao de classe, no way (fui numa festa remember cubatao avisando q aquela seria a unica a quem me convidou pra tocar). o momento é agora. eu mesmo tive um belo momento magico no show do daft punk, trouxe a gueto para minha mente. o show do new order foi bacana. nao excelente, mas melhor do que o que eles fizeram aqui antes (caray tocaram she´s lost control e radio!). mas o som do lugar tava mezzo ruim. ja contei aqui q fui febril nesse show do iggy e o cara caiu do stage dive bem na minha frente, gave me five e se foi. fiquei bom na hora (rs). por isso, vou deixar o underworld quietinho la na minha mente (po, eu fui as lagrimas na outra vez, todo mundo abraçado gritando lager lager foi foda) e agora nem tem darren emerson

fabio fernandes said...

pois é, underworld sem o darren e um pouco longe de casa são dois fatores que tbém não me animam ... assim como este show do cult, eu já achei aquele anterior um pouco decepcionante. pelo menos, agora a banda tá vindo com a formação original.
saudades ? sim, do crepúsculo, da basement, da dr. smith, da gueto, da bunker no início, da loud ainda em botafogo ... mas, em certos casos, é melhor manter as (boas) memórias intactas, sem querer revivê-las, nunca dá certo. igual a ex-namoradas ...

Felipe Passarelli said...

poisé até acabei não falando so Underworld.

Achei uma puta sacanagem esse evento ser onde o judas bateu as botas, na pqp mesmo e colocarem além da linhagem fina prog, outra tenda com supers DJs Psytrance, o que cortou totalmene minha vontade de ir.

Isso que da deixar na mão de tranceiros fazer essas festas, pq não na Fundição, no Armazém, na Marina da Glória???

Além do mais, se for, ia gastar uma fortuna, passagem ida e volta, ingresso...

Fora que é impossivel ficar "clean" nessas festas, mais dinheiro em aditivos....

Sei lá, acho que é a idade, não tenho mais esse espírito aventureiro e largado de raves como antes, gosto muito de ar condicionado, pegar taxi e voltar pra casa, é o que eu tenho feito ultimamente.

Se colocar na balança, da no mesmo ir pra São Paulo e ir no Nokia, pelo menos no Rock você se segura mais.....

Não sei se irei, mas tudo indica que não, mas vamos ver até amanhã....

Enquanto a DDK, pelo amor de deus, aff, só se for lembranças de terror, fui uma vez pra nunca mais, que povo mais estranho, musicas péssimas e pessoas naaada a ver comigo, nem elas com elas mesma.

Não estamos em Berlin né, pelo amor de deus, wake up!

Sou 1000x uma festa de psy com um line up bom do que uma DDK.

Mas tem gosto pra tudo..... Aquilo tudo muito fake, as pessoas são aquilo aquele dia, é tipo festa halloween, ninguem sabe o que é EBM, vai pela festa e pra pegar as vampiras no quarto escuro que colocaram lá....

Xo Satanás! hehehe :)

PEDRO BAMBAATAA said...

porra só agora consegui mandar este post sobre o show do new order...
achei um dos melhores do ano, achei o lugar legal como espaço,
o som não foi dez mas comparado com o maracanazinho foi bem legal...
A rapaziada do Rio como sempre, e pelo que li sobre os shows anteriores, deu um show de animação...
pela reação da banda acho que eles se amarraram..

ainda deram um segundo biz com "love vigilantes"...
Porra, sai com a camisa suada, foi muito legal...

abraço!

PEDRO BAMBAATAA said...

momentos mágicos para mim:

van halen(Maracanzinho /83)
iron maiden (rock in rio 1 /85)
Legião Urbana (Festa 3 anos Flu /85)
sioux (Monte Libano /86)
Echo (Caneco /87)
Legião Urbana (Maracanzinho /88)
Iggy (Caneco /88)
Nick Cave (Scala /88)
Prince (os 2 shows) (Rock in Rio 2/91)
George Michael(uma supresa)(Rock in Rio 2/91)
Living Color (Hollywood Rock)
Nirvana e Alice in Chains (Hollywodd Rock)
Cocteau Twins (Imperator)
Brand New Heavies (Free Jazz)
Brian Ferry (Metropolitan) /95
White Zombie e Smashing Pumpkins (Hollywood Rock)
David Bowie (Metropolitan) /97
Goldie (Free Jazz) /97
Kraftwerk (Free Jazz)/98
Orbital (Free Jazz) /99
Sonic Youth (Free Jazz)
REM (Rock in Rio 3)
Daft Punk (Tim Festival)/06

Abraços

ps: algumas data posso ter errado.

fabio fernandes said...

finalmente consegui ver a peça sobre renato russo, no centro cultural correios, e todo o perrengue para comprar ingressos valeu a pena. já tava curioso qto aos comentários e as matérias (todas críticas positivas) que tinha lido sobre a peça e realmente valeu a pena. o bruce gomlevsky tá incorporando renato, mas não de uma forma caricatural, e sim de uma forma carinhosa. o texto é o mesmo do livro do dapieve, acho que 95% da peça se baseia nele.
e qdo a peça acaba, todo mundo tá chorando (inclusive minha namorada), é um tal de ouvir narizes fungando, gente suspirando ... mas não tem como se emocionar, ainda mais prá quem viveu aquilo tudo.
e tem o telão (o mesmo utilizado em avenida dropsie) e os vídeos do apavoramento prá completar.

fabio fernandes said...

como donnie darko é assunto recorrente aqui na cova, uma dica: r$ 9,90 na lojas americanas.
junto com outros bons filmes (terra de ninguém, pollock etc.) e outros meio trash (alone in the dark e por aí vai).
por r$12,90 ainda tem ladrão de casaca !
sorry pela propraganda, tom ...

tom said...

fabio, em qual americanas tem isso?em qq uma? o maximo q achei ate hj foi uma versao dupla de scarface por vinte contos. so vejo lixo.

ainda nao vi essa peça do renato rusos. como a temporada foi prorrogada, vou tentar ver...

fabio fernandes said...

tenho feito uma peregrinação quase que diária nas americanas do centro (uruguaiana e passeio) pqe descobri que eles tem colocado coisas diferentes todos os dias, acho que é a proximidade do natal, sei lá.

fabio fernandes said...

além destes filmes que citei, esta semana comprei farenheit 9/11 (edição especial) por r$ 12,90 e o casal osterman, filme que adoro, (duplo) por r$ 9,90 !!!

Sandman said...

eu tb to afim de ver a peca do Renato.Meu amigo foi e disse q eh mto boa mesmo :)

tom said...

apesar da insistencia de dois amigos djs, com carona e tudo, passei o underworld. se fosse num lugar mais proximo e sem psy em volta ate pensava no caso. alguem ai foi? no new order foi mais tranks pq eles nao estavam na minha lista de momentos magicos, os shows no maracanazinho e ibirapuera foram caoticos. agora foi bem melhor, setlist dez.

fabio fernandes said...

o único porém da peça sobre renato russo é a questão do ingresso. comprei quase há um mês atrás pqe todas as sessões estão esgotadas. além de que a bilheteria do teatro só abre às 16hs, mas às 14hs já tem gente na fila ...

fabio fernandes said...

já viram a segunda edição da rolling stone com o iguana na capa ? ainda bem, pois seria o tom zé ...

ah, uma amiga minha foi ao creamfield e elogiou bastante a infra do lugar, adorou. herman e o sasha arrebentaram e o underworld deixou todos em êxtase, segundo ela. e não tinha tanto playboy que curte "reive" não ...
parece que a segunda edição será em fevereiro com fatboy slim. se for verdade, desta vez eu vou ...

Felipe Passarelli said...

Fala Tom,

E aí, já vai rolar nossa bolada dos melhores albuns do ano em algum outro tópico a fazer?? Tipo já tem uma galera fazendo já em outras revistas/blogs, seria a boa compartilharmos o que gostamos, e chegarmos a uma média (já que nem somos tantos).

Não fui no Underworld, preguiça imperou e fiquei pensando em outro sonho a ser visto: Ladytron semana que vem, gosto muito deles :)

Boa vou listar meus momentos mágicos aqui, alguns ate podem parecer farofa, mais foi de coração e me enreguei legal, subiu aquela enegia e as vezes, hipnotizado por motivos inexplicáveis.

- Oingo Boingo - Estádio do Flamengo (1990)(Meu Primeiro show, com meu pai esse)

- Paul McCartney - Maracanã - De novo com minha família, primeiro mega espetaculo, não tem como esquecer

- Informacion Society - Rock In Rio II - A empolgação foi tão grande que a arquibancada quase caiu, foi incrível.

- Madonna - Macaranã - Sonho

- Guns N' Roses - Jacarepaguá, marcante por ser o primeiro show do Guns na Turne do Use Your Ilusion, já que não tinha ido ao Rock In Rio II

- INXS e Soul Asylum - Flamengo - Tipo, foi mágico ver o INXS que ja era sonho, e tb amava Soul Asylum na época, foi uma dopradinha incrivel.

- Beastie Boys e Planet Hemp - Imperator - Primeira vez das duas bandas, conheci o Planet Hemp aí e foi lindo ver Beastie Boys no Brasil e no Meier na turne do I'll Comunication.

- Jamiroquai - Free Jazz - JK ainda tinha folego, ainda tinha o Digeridoo, e foi a primeira vez, foi fantástico a energia deles.

- Bjork - Close Up - Sem comentários

- Chemical Brothers - Metropolitan Fantástico, vieram na época de bombação deles, e foi lindo, muita descobertas.

- Prodigy - Metropolitan - Inesquecível e incendiario, com metropólitan esgotado, ainda teve covers.

- David Bowie - Metrpolitan - Fase industrial, e primeira vez q vi o cara, muito bom

- Roxette - Apoteose - Nossa amava roxette na época, foi tipo explosão de felicidade.

- Kiss e Rammstein - SP - Um dos melhores shows da minha vida

- Pato Fu/Supergrass/White Zombie/Smashing Pumpking/The Cure - Hollywood Rock - Melhor Line Up de um dia

- Pearl Jam - Apoteose - Fiquei hipnotizado e levitando, really magic...

REM - Rock In Rio III - Sonho realizado

Kraftwerk - Free Jazz - Apoteótico

- Arcade Fire - Me entreguei de Corpo e alma

- FF/ Circo - UP

- U2 os dois de 98 e 2006 - Valeu a sanguinaria aquisição pelos ingressos

- Sonic Youth - Tim Festival

- Peaches em BH

- O melhor de 2006 foi Beastie Boys no Tim

- Daft Punk - Animação estática

- Flaming Lips e NIN - CQER

- Wilco - Tim Festival - Paixão a primeira vista, não conhecia nada e virei fã

entre uma porrada mais, depois vou colocando hehehehe

Abraços ae Tom!

Calvin said...

Vi outro dia na Americanas da Tijuca o Buena Vista Social Club por 9,90! Ainda não comprei pq tinha tipo uns 100 DVDs do filme lá, deixei pra depois... E agora sabendo que tem isso nas do Centro, vou correr atrás desses.

PEDRO BAMBAATAA said...

hoje estava na fenac do barra shopping e vi o novo dvd do depeche...
vi impressionado... a produção do show é dez...
mas achei a banda muito diferente...
tem baterista com bateria estilo
heavy metal e o david gahan bem acabado... acho que foi a mardita "heroin"...
tava por 44reais e alguns trocados...
como já tenho o 101 pirata e o devotional tour, declinei...
mas a produção do show vale uma conferida, como estava passando, fiquei parando vendo...
abraços!

ha... na americanas do barrashopping tinha CRY BABY e CONTA COMIGO(para mim um clássico)...

abraços!!

fabio fernandes said...

parece que não é boato, o fatboy toca na segunda edição do creamfields aqui no rio, 10/02 ! tudo bem que é a quarta vez que ele se apresenta no brasil, mas tá valendo.

Rocha06 said...

Po Bambaataa, considerando a vida que o cara levou não acho que o Gahan tá tão acabado não. A voz dele continua ótima e ele continua pulando pra lá e pra cá pelo palco como fazia há 20 anos. Aliás, eu li que o Depeche levou o prêmio de Melhor Banda no MTV Europe Awards...nada mal pra uma banda "das antigas" que nunca mais emplacou um hit...
E eu continuo esperando a chance de vê-los ao vivo um dia...

Calvin said...

Aproveitando um pouco o assunto shows por um outro foco. Na sexta eu vi shows do Nelson e Os Gonçalves e Cordão do Bola Preta na cinelândia e ainda ganhei um real por ter assitido ao festval dA Organização que tava rolando no Odeon. No sábado vi Matanza e Ratos de Porão no Circo, bela carnificina sonora por 10 reais. No domingo fui pra praia, passei pelo Rio Maracatu e parei no Binário. Na segunda vi um ensaio de um bloco de maracatu em Sta. Teresa e depois fui pros Arcos da Lapa e vi show da Beth Carvalho e Orquestra Imperial.

Custo total dessa salada musical: 9 reais!!! (10 do Ratos e o um real que ganhei dA Organização)

Por mais que o Rio me decepcione muito com violência e falta de civilidade, não consigo imaginar lugar no mundo que algo assim fosse possível por um custo tão baixo.

E hoje tem tributo ao inédito no odisséia, amanhã tem Lafayete e os tremendões na lapa e moptop em copa, quinta tem o m.o.l.a. no circo, sexta tem Bravery, sábado tem Djangos em botafogo... Bom, assim eu tô parecendo o Na Cidade do RF, hehe. Mas vcs tb não acham que as opções musicais na cidade a um preço e lugar acessíveis estão aumentando?

Rocha06 said...

Fatboy virou farofa.

Lord Vader said...

Off Topic :
RIP Robert Altman ...

tom said...

acho q alguns de vcs confundiram momentos magicos com melhores momentos ou melhores shows. ha uma leve diferença. um momento magico marca ou muda a sua vida e pode acontecer provocado ate por uma situação ruim. ja viram a historinha que o angeli publicou na edição 2 da revista piaui? aquilo ali é um momento magico total, que, no caso dele, ja dura pela vida inteira, o cara é loki

fabio fernandes said...

tbém achei que rolou uma confusão, mas deixa prá lá.

rocha,
sim, concordo que o fatboy virou farofa mas uma farofa de qualidade :), e não uma farofa indigesta tipo bob sinclair.

e qto ao angeli, o cara é rei !
por falar nisso, ano que vem, o ota tá lançando uma revista, a eca !!!

NA CIDADE

JANEIRO TEM DUAS FACES:

CASAS & SHOWS: Circo Voador 19 - Samba Rap Festival: Elza Soares / Karol Conka 20 - Samba Rap Festival: Emicida / Jongo da Serrinha / Bateria da Império Serrano 25 - Phoenix (FRA) 26 - Vanessa da Mata / Fióti / DJ Incidental 27 - Barão Vermelho

Fundição Progresso 19 - BaianaSystem 20 - Tim Music no Samba: Xande de Pilares & Mumuzinho - Participação: Bateria do Salgueiro 26 – Johnny Hooker / Letrux 27 - Nando Reis

Teatro Odisseia 21 - Radnor With Lee (EUA) 28 - Demon Hunter (EUA) / Pantokrator (SUE)

Teatro Riachuelo 16 - Leila Pinheiro: Voz & Piano 23 - Ed Motta: Baile do Flashback 30 - Laila Garin & A Roda

Teatro Rival 20 - João Bosco: Voz & Violão 25 - Angela Ro Ro 26 - Bloco Sargento Pimenta 27 - Geraldo Azevedo: Voz & Violão

Audio Rebel 16 - Adaury Mothé Trio 17 - Rafael Rocha Quinteto 28 - N.D.R. / Triunfe / Dissonância 29 - Ana Baird & Camila Costa: Perigosas

Espaço Sérgio Porto 18 - Sinara 25 - Karine Carvalho: Galega Hits

Sala Baden Powell 19 - Sempre Livre / Sylvinho Blau Blau / Dr. Silvana & Cia. 20 – Nelson Sargento 21 – Banda do Síndico 24 - João Donato - Participação: Carlos Lyra & Roberto Menescal & Marcos Valle 25 - Mario Adnet: Jobim Jazz 26 – Marcos Ariel 27 – Cris Delanno 28 - Azymuth

Beco das Garrafas 17 - André Gonçalves 18 - Lu Oliveira 19 - Georgiana de Moraes & Fernanda Cunha & Camilla Dias: Homenagem a Vinicius de Moraes (20h) 19 - Joyce Cândido: Homenagem a Elis Regina (22h30) 20 - Hélio Delmiro (21h) 20 - Maíra Freitas & Taís Feijão (22h30) 21 - Dóris Monteiro 24 - Rosana Sabença 25 - Conexão Rio: Homenagem a Tom Jobim 26 - Amanda Bravo: Homenagem a Durval Ferreira - Participação: Paulinho Trompete, Mauricio Einhorn, Rosana Sabença, Billy Blanco Jr., Thaís Fraga 27 - Hector Costita & Joseval Paes 31 - Maria Luiza

Casa de Cultura Laura Alvim 16 - Dani Black 21 – Pedro Mann 23 - Davi Moraes 28 – Qinho Canta Marina Lima 30 - Matheus VK

Teatro Café Pequeno 18 – Verônica Sabino 25 – Elisa Queirós

Blue Note Rio 16 - Big Gilson 17 - Roberto Menescal 18 - Gabriel Moura 19 - Daniel Jobim & Daniel Boaventura: Homenagem a Tom Jobim & Frank Sinatra 20 - MPB-4 23 - Escalandrum (ARG) 24 - Mayer Hawthorne (EUA) 25 - Wanda Sá & Gilson Peranzzetta & Mauro Senise: Homenagem a Tom Jobim & Vinicius de Moraes

KM de Vantagens Hall 19 – Molejo & É O Tchan – Participação: Ludmilla 20 - Ney Matogrosso: Atento aos Sinais

Imperator 23 - Jazz Pras Sete: Chico Costa & Quarteto Artilheiro 24 - Quartas Brasileiras: Cordão da Bola Preta 27 - Forró Lánalaje: Marcelo Mimoso Trio / DJ Edna Carvalho 28 - Bloco Pipoca & Guaraná 31 - Toquinho: Voz & Violão - Participação: Camilla Faustino

Centro de Referência da Música (Tijuca) 17 - Ellen de Lima & Reginaldo Bessa: Homenagem a Lamartine Babo 18 - Rosa Marya Colin - Participação: Jefferson Gonçalves 19 - André Gabeh 17 - Eduardo Dussek 24 - Quinteto em Tom Maior 25 - Rosane Corrêa: Homenagem a Ella Fitzgerald 26 - Daíra: Homenagem a Belchior 31 - Ana Egito

Baile do Digitaldubs - HUB (Santo Cristo) 21 - Cedric "The Congos" Myton (JAM) 28 - Mad Professor & Aisha

Música no Deck - Barraca do Pepê (Barra da Tijuca) 20 – Filipe Ret 21 – Kell Smith 27 – Um 44k 28 – Luiza Possi Barra Blues Festival 26 - Sergio Diab Stratoman / Projeto Soul Jazz / Ana Egito / Alamo Leal Blues Groover’s / Corcel Mágico 27 - RJ Café / UniJazz Brasil / The Blue Fever / Sergio Rocha / Serra Blues Trio 28 - André Barroso / WestSide Blues / State of Blues / Victor Biglione Festival Downtown Sunset - Shopping Downtown (Barra da Tijuca) 20 – Gabriel O Pensador 27 – Biquini Cavadão

Rio Rock & Blues - Rock Experience (Lapa) 19 - Titanossauros / Conexão Japeri 20 - Love & The Lovers / The Loreleis 26 - The Smiths Cover 27 - Pedro Santana Trio / Elemento Surpresa / A Bolha Revisited

Circuito SESI 24 - Centro: Fhernanda Fernandes - Participação: Nana Kozak, Sandra Duailibe, Clarisse Grova, Ninah Joh, Andréa França

MIXXX: 17 – Matheus VK – Teto Solar / Botafogo 19 - Maratona Black - Baile Charme – Gafieira Elite / Centro 19 - O Rappa: Tour de Despedida – Quadra da Mocidade / Padre Miguel 20 - Festival Rock in Brisa 4: 90 Contos / Cosmobox – Espaço Tequila´s / Guaratiba 20 - Playmobille / Tem Amor – La Esquina / Lapa 20 - Indivíduo K / Cândido / Banheiro Azul – O Pecado Mora ao Lado / Praça da Bandeira 21 - Aniversário de 57 Anos do Cacique de Ramos 21 - Festival Lona Rock Sunday: Memora / The Outs / Corcel Mágico – Lona Terra / Guadalupe 21 - Lu Oliveira – Praia de Conceição de Jacareí / Mangaratiba 26 - Laurent Garnier (FRA) 26 - Bloco do S Convida KL Jay – Fosfobox / Copacabana 27 - Slide / Sollarium / Fresno / Glória / Strike - Clube Tamoio / São Gonçalo 27 – Matanza – Arena Fernando Torres / Parque de Madureira 27 - Visibilidade Transvestigenere - Beco Encantado: Mulher Pepita & MC Xuxu – Beco do Rato / Lapa 28 - Festa Divina Circus: IZA – Clube 4 Linhas / Bento Ribeiro 28 - Bloco Eficiente: Inclusão Se Faz Com Várias Mãos – Praça Paris / Glória 28 - Facing Fear / Stuff / Cidade Nua – Rock´N Beer Pub / São Gonçalo

exposição de fotografias de Raymond Depardon, “Un moment si doux”. Depois de passar por Paris e Buenos Aires, o CCBB Rio recebe as 170 fotografias de diferentes cores e formatos tiradas na Europa, África e América Latina, incluindo o Brasil. Ate 22 de janeiro. qua-seg 9am-21pm. Grátis.

FESTIVAL DE CULTURA DIGITAL: De 18 a 20 de janeiro, quinta a sábado, acontece no CCBB RJ DIGI – Festival de cultura digital, uma mega programação que inclui imersão, reflexão e diversão. Tem até shows geek. quinta, 19 de janeiro, às 21h, apresentação da orquestra Ritornello de Jedi, com repertório de trilhas musicais de videogames, séries e desenhos, com cordas e vozes, e arranjos exclusivos. O objetivo é dar acesso à formação clássica com temas musicais do cotidiano. sexta, 20 janeiro, às 21h, é a vez de The Screeners, banda que faz releituras rock ’n’ roll de trilhas sonoras clássicas do cinema, de videogames, séries de TV, desenhos animados. É tudo grátis, das 9 às 21h.

MOSTRA NA CAIXA CULTURAL RIO DE JANEIRO EXIBE O CINEMA DE HAL HARTLEY Programação reúne todos os 14 longas do diretor americano, além de debate, sessões comentadas e um curso de roteiro cinematográfico de 23 de janeiro a 4 de fevereiro de 2018 (terça a domingo)

O Ministério da Cultura, o Centro Cultural Banco do Brasil e a Associação de Críticos de Cinema do Rio de Janeiro apresentam a 14ª Mostra Melhores Filmes do Ano Além das exibições dos filmes, a mostra traz homenagens e catálogo especial com textos sobre os filmes e as iniciativas cinematográficas que fizeram a diferença em 2017 De 24 de janeiro a 1 de fevereiro
PROG IN BRASIL: Carl Palmer, Premiata Forneria Marconi, estarão no Brasil em 2018, se apresentando nas cidades de Belo Horizonte, Porto Alegre, Rio de Janeiro e São Paulo, como parte da Top Cat Concert Series 2018. Os italianos do Premiata Forneria Marconi CHEGAM EM ABRIL. O grupo de rock progressivo, formado em 1971, vem lançar seu novo álbum 'Emotional tattoos', e também vai tocar seus clássicos. Maio vai trazer o baterista do Emerson, Lake & Palmer e também do Asia, Carl Palmer, com seu tributo ao ELP.Show promete surpresas com algumas participações especiais de peso.

No dia 24/jan, começa no CCBB SP a mostra Sonora: Ennio Morricone, que homanageia o maestro no ano que completa 90 anos. Ao todo, serão exibidos 22 filmes que têm a marca musical do maestro.

Nico Rezende fará show em homenagem a Chet Baker dia 26/01 no Blue Note. Aliás, esse ano completa 30 anos da morte do Chet!!! 2018 marca o trigésimo aniversário da morte de Chet Baker. Nico Rezende presta homenagem ao trompetista no palco do Blue Note Rio, no dia 26 de janeiro (sexta), para apresentar alguns clássicos imortalizados por Baker. Estão no programa canções como ‘Time after time’, My funny valentine’ e ‘There will never be another you’.

RU PAUL´S DRAG RACE TOUR: Em 2018, as drag queens de RuPaul's Drag Race vão levar a turnê oficial do reality-show, WERQ THE WORLD TOUR, para a terra do “Come to Brazil”! Michelle Visage vai comandar a apresentação no Brasil e todos os shows contarão com performances ao vivo de algumas das drag queens mais inesquecíveis de RuPaul's Drag Race, entre elas, as recém-divulgadas participantes da terceira temporada de All Stars, Shangela e Kennedy Davenport. Outras fan favorites devem marcar presença, como Detox, Kim Chi, Violet Chachki, Valentina e Peppermint. Ainda haverá um pré-show com DJ set e performance de Lady Bunny, a drag queen que é uma lenda da cena noturna de Nova York. 23/FEV TEATRO BRADESCO/RJ

(colaborou @DonnieDarko73);

Blog Archive

Buscar

About Me

tom leão
Vanuatu
amigo dos amigos, amante de música, cinema, boa comida, de pedaladas e caminhadas
View my complete profile
Powered by Blogger.

Popular Posts

Translate

Followers