Pages

Sunday, September 04, 2011

O RIO TÁ TRANSBORDANDO?

A questão não é mais porque amamos (e odiamos) São Paulo, como diz materia de capa da Veja Rio da semana (a enésima materia do genero), mas pq estamos passando a odiar o Rio, mesmo morando aqui. No passado, ja tive a opção de morar em SP, tenho familia la e passava algumas ferias com as tias, mais tarde passei a frequentar a paulicéia pra ver os shows que aqui nao vinham (e ainda nao vem) e, pra mim, SP é o outro lado da cidade (chega-se lá de aviao mais rapido do que a Barra de carro em dia de semana), nao vejo como rival, nunca vi. O Rio me cativa pq tem paisagem, horizonte, e tinha tbm um povo cordial e simpático. Não tem mais.

O que vejo, cada dia mais, na cidade, é gente mal educada, grossa, sem paciencia, que não sabe atender, e uma galerinha que se acha demais, mas não é nada, vive só num bairro, numa esquina. Além disso, o povo é sujo, nao obedece regras basicas de convivencia em grupo, o transito aqui fica cada dia mais caótico, aumentou o numero de veiculos, a infra nao acompanhou, transporte publico ta cada vez pior (o metro nao leva a pontos basicos e obrigatorios como aeroporto, barcas ou rodoviaria!), a inflação ta galopante e a tal qualidade de vida que a gente tinha, que era o maior trunfo em relação a SP (e suas inversoes termicas), ta indo pelo ralo, mesmo tendo uma praia linda a 15mins de bike pra quem mora do lado de cá do tunel (essa cidade é dividida). O Rio é lindo por natureza, pq, arquitetonicamente é um lixo, tirando a parte antiga da cidade (mal conservada), construiram tudo de qq jeito nos demais bairros. Nem a Barra, que podia ser um bairro modelo, tem rede de esgotos (apesar de abrigar em sua maioria condominios de luxo), o que está matando suas belas lagoas.

O Rio teve UFC, jogos Pan, vai ter Copa e Olimpiadas e mais um tanto de coisas, mas, vendo a cidade com os olhos de turista, tudo aqui é mal sinalizado, nao muito seguro, nao se fala ingles nos locais onde isso seria obrigatorio, o que acontece ao turista para uma simples visita ao Corcovado é uma vergonha e agora ainda teve a tragedia do bondinho de Santa Teresa, ate o serviço de barcas que era bacana, ta cada vez pior, e a reestruturação das linhas de onibus nao retirou veiculos das ruas, aumentou a frota, pq a mafia dessas empresas é pior do que a de Al Capone. Prevejo um colapso, o caos para essa cidade pequena e espremida entre o mar e a montanha para ate o final desta decada. Ainda bem que, quando tudo isso passar/acabar, ainda restarao as suas belezas naturais, que ja estavam aqui bem antes de nós...

7 comments:

Blog do Inaiat said...

Cara, tenho o mesmo sentimento.

Denise do Egito said...

Tenho essa mesma sensação. Moro no Flamengo. Fico refletindo se esse sentimento não está acontecendo agora que estou mais madura. Maturidade traz uma certa intolerância?

Cássia F. Andrade said...

Pôxa, Tom...
Eu não sou do Rio, mas eu tenho a mesma sensação que você. Até hoje não tinha visto uma análise tão honesta em relação à cidade.

Muito bom o seu texto.

Old Man said...

faço minhas suas palavras, Mr.Tom

Lord Vader said...

Vou ao Rio todas as semanas e cada vez que vou meu pensamento é: viva Teresópolis (que infelizmente está seguindo a mesma trilha em passo mais lento). Amo o Rio, nasci nele e vivi a maior parte da minha vida, toda minha família vive lá, mas realmente, morar, trabalhar e se locomover por aí é impossível. E o preço dos imóveis ? É melhor hoje investir em um apto na euro ou nos usa se for ver o custo benefício. Os cariocas que se acham são realmente tristes de se ver, de doer, e a cidade é mesmo dividida , parece apartheid . Fooooodaaaa.... Mas ainda amo essa putona ..

Eu said...

Realmente existe um apartheid que divide o maciço da tijuca em relação à zona sul. O projeto original do metrô, por exemplo, levaria a estação da rua uruguai (tijuca)diretamente a uma estação na Gávea. Esta iria para o resto da zona sul, formando um metrô circular e tb iria para a barra. Este projeto foi vetado justamente ara não deixar que o povo da Gávea tenha contato com o pessoal da zona norte. E não acaba por aí. Lembram da interdição da ponte que sai do túnel Zuzu Angel (sentido zona sul) e que ia para a Gávea? Pois é, fecharam a ponte porque este mesmo pessoal não pode ter trânsito em suas ruas. Meu falecido irmão saiu do Rio e viveu seus melhores dias longe daqui. Ele era um típico carioca muito simpático e cheio de amigos, que saiu da cidade justamente porque não reconhecia mais a nossa sociedade tão mal educada e pouco solidária. Isso se reflete tb em quem nós elegemos, o que os jornais preferem noticiar e tantas outras facetas dessa decadência, que me faria escrever até não aguentar mais...

Vinicius Siqueira said...

Isso me lembra o pessoal de Higienópolis impedindo a construção de um Metrô. Medo de 'gente diferenciada'. É foda ver a decadência de uma cidade.

NA CIDADE

MAIO-NESE:

CASAS E SHOWS: Circo Voador 18 - Sonata Arctica (FIN) 19 – Ira! Folk 20 – Mano Brown  26 - Amon Amarth (SUE) / Abbath (NOR) 27 – Lô Borges: Disco do Tênis (1972) / Dônica

Fundição Progresso 20 - Mic Master Brasil: Marcelo D2 / Haikaiss / Classe A / Casa Onze DJs

Teatro Rival 17 – Rival Rebolado 18 – Dream Team do Passinho Canta e Dança Jackson 5 20 – Festa Los Britânicos 25 – Jay Vaquer  26 – Mulheres de Chico 27 – Festa Baby Boom 31 – Martha Moreno

Teatro Odisseia 21 - Garage Fuzz (SP) / Diabo Verde / Plastic Fire / Reckoning Hours / Cannon of Hate / NDR

Vivo Rio 19 – Mariza (POR) 20 – Diogo Nogueira 26 – Renaissance: Songs For All Times 27 – Roberta Miranda

Theatro Net Rio 17 – Chiara Civello 24 – Gottsha – Participação: Marya Bravo 31 – Edson Cordeiro

Beco das Garrafas 17 – Bottle´s Bar: Laura Finocchiaro

Audio Rebel (Botafogo) 18 - Quintavant: Ricardo Pereira  19 – Anjos de Vidro / Chico Brown 20 - Boobarellas / Korja / Os Carburadores / Gambrinus 74  25 - Quintavant: Chelpa Ferro 28 - Phone Trio / Coffeemakers / The Last Whale

Espaço Sérgio Porto (Humaitá) 18 – Posada / Mantuano Trio 19 – Ventre / Mahmed 25 – CEP 20.000 26 – Sinara 

Rio Arena 25 - Ed Sheeran (ING) Teatro Bradesco 25 – João Bosco

Metropolitan 20 – Capital Inicial Acústico 24 – Jose Carreras 27 – Maiara & Maraísa

Imperator 17 – Quartas Brasileiras – Homenagem a Dick Farney: Zé Luiz Mazziotti & Itamar Assiere – Participação: Áurea Martins 18 – Scalene / Alarmes 24 – Goldherança: Golden Boys / Trio Esperança / Evinha Planet Music (Cascadura) 27 – Esteban Tavares / Amplifica / Plano B

Lona Jacob do Bandolim (Jacarepaguá) 19 - Danilo Caymmi 20 – Menores Atos / La Ville / Na Panela / Roterdan Lona Carlos Zéfiro (Vista Alegre) 27 – Banheiro Azul Lona Gilberto Gil (Realengo) 19 - Eliana Printes

Casa Levi´s (Botafogo) grátis 19 – 19h: Concurso de Bandas 20 – 20h30: Erasmo Carlos

Pub Panqs (Tijuca) 20 - Márvio Ciribelli - Participação: Mylena Ciribelli (21h - R$ 20) Ruínas (Praça Tiradentes) Quintall Rock (22h20 – grátis até 23:30, 10 após) 18 - Facção Caipira 25 - Os Vulcânicos

Teatro Eva Herz / Livraria Cultura 27 - Carol Naine (19h - R$ 30) Casa do Choro (Centro) 17 e 18 - João Cavalcanti & Marcelo Caldi (19h - R$ 40) 24 - Aurélie & Verioca (19h - R$ 40) Museu de Arte do Rio 18h – R$ 6 26 - MAR de Música: Boogarins (GO) / Festa Manie Dansante

Caixa Cultural 25 a 27 – Tom Zé (19h – R$ 20) Circuito SESI 26 - Duque de Caxias: Clarice Falcão (20h - R$ 34) 26 - Jacarepaguá: Mulheres em Pixinguinha (21h - R$ 12) 27 - Jacarepaguá: Clarice Falcão (20h - R$ 34) 27 - Duque de Caxias: Mulheres em Pixinguinha (20h - R$ 12)

MIXX: 20 - Qinho Canta Marina Lima – Soma Hub / Duque de Caxias (18h – R$ ) 20 - Baile Charme de Madureira: 27 Anos – Viaduto de Madureira (22h – R$ 10 1º lote, 15 2º lote) 20 - Paranoia Musique: Cubüs / Poëtika – Espaço Multifoco / Lapa (23h – R$ 20) 20 - Cacife Clandestino – Boiler Rio / Centro (23h – R$ 40 1º lote, 50 2º lote) 20 - 20 Anos do Heavy Duty: Unnature / Evil Inside / Último Sopro / Ambstract – Praça da Bandeira (23h – R$ 10) 21 - Canto Cego – Centro Cultural Laurinda Santos / Santa Teresa (13h – R$ 20) 21 - Contando Bicicletas / Chico de Barro / Relva – Santê Hostel / Santa Teresa (13h – R$ 15) 21 - Lithos Rock Fest: Pumpkinhead / Mavericks / Purano – Calabouço / Vila Isabel (19h – R$ 10) 21 - Hip Hop Lapa – Rua Joaquim Silva (16h – grátis) 21 - Qinho Canta Marina Lima – Mormaço / Nova Iguaçu (18h – grátis) 21 - Rock Fest: Golpe Certo / Old Kitchen / The Queen And The Jacks – Espaço Bel Maciel / Maria da Graça (18h – R$ 10) 24 - Luciana Mello – FM Hall / Centro (19h – grátis) 24 - Renaissance: Songs For All Times – Teatro Municipal de Niterói (20h – R$ ) 27 - Esteban Tavares / Amplifica / Plano B – Planet Music / Cascadura (17h – R$ 25 1° lote, 35 2° lote, 45 na hora) 27 - Festa Demons Over Gotham – Porto Pirata / Praça da Bandeira (22h – grátis) 

 VEM AI: Festival Varilux de Cinema Francês 2017 De 7 a 21 de junho em mais de 55 cidades brasileiras (informações sujeitas a alteração): Águas Claras (DF), Aracaju (SE), Barretos (SP), Barueri (SP), Belém (PA), Belo Horizonte (MG),Blumenau (SC), Buzios (RJ), Brasilia (DF), Campinas (SP), Caxambu (MG), Campo Grande (MS), Caxias do Sul (RS),Caxambu(MG), Cotia (SP), Cuiabá (MT), Curitiba (PR), Florianópolis (SC), Fortaleza (CE),Foz do Iguaçu (PR), Goiânia (GO), João Pessoa (PB), Juiz de Fora (MG), Jundiaí (SP), Londrina (PR), Macaé (RJ), Maceió (AL), Manaus (AM), Maringá (PR), Mossoró (RN), Natal (RN), Niterói (RJ), Nova Friburgo (RJ), Pelotas (RS), Petrópolis (RJ), Porto Alegre (RS), Recife (PE), Ribeirão Preto (SP), Rio de Janeiro (RJ), Rio Verde (GO),Salvador (BA), Santa Maria (RS), Santos (SP), São Carlos (SP), São José dos Campos (SP), São José do Rio Preto (SP), São Luiz (MA), São Paulo (SP), Theresina (PI), Vitória (ES), Volta Redonda (RJ)

RENAISSANCE VEM AO BRASIL EM 2017   Com quase 50 anos de estrada, o grupo que foi pioneiro do rock progressivo britânico vem ao Brasil em maio de 2017. Curitiba (Teatro Guaíra), dia 24, São Paulo (Espaço das Américas) no dia 25, Rio de Janeiro (Vivo Rio) no dia 26, Porto Alegre (Auditório Araújo Vianna), dia 27, e Belo Horizonte (Palácio das Artes), dia 28

ULTRA BRASIL ANUNCIA A PHASE 1 DE SEU LINEUP PARA A EDIÇÃO 2017 ADAM BEYER, ALESSO, ARMIN VAN BUUREN, DAVID GUETTA, JAMIE JONES, JOSEPH CAPRIATI, SASHA & JOHN DIGWEED e THE MARTINEZ BROTHERS SERÃO HEADLINERS FESTIVAL ACONTECE NOS DIAS 12, 13 E 14 DE OUTUBRO NO SAMBÓDROMO DO RIO

_______________________________________________________ O Cine Joia Copacabana, em parceria com o Instituto Goethe/rj, começa a exibir a partir do dia 18 de maio, indo até o dia 31 de maio, sete filmes alemães inéditos em mais uma edição da Mostra Joias do Cinema Alemão. Nessa 4a edição, novamente com curadoria da equipe de Programação do Cine Joia, o projeto volta a trazer filmes alemães inéditos no circuito carioca e que nunca chegaram ao circuito exibidor brasileiro.



Circuito Estação NET de Cinema e Cinemateca do MAM apresentam: Exposição CINEMA EM CASA: Equipamentos do acervo da Cinemateca do MAM. A partir de 23 de fevereiro, no Estação NET Botafogo de 23 de fevereiro a 23 de agosto 2017 Horário de visitação: 14h às 22h Entrada franca

UMMAGUMA THE BRAZILIAN PINK FLOYD VOLTA AO PALCO DO METROPOLITAN   Considerada pela crítica como o melhor cover do Pink Floyd no Brasil, a banda faz show no dia 19 de maio com a turnê You Gotta Be Crazy.

Mostra 'As marionetes de Jirí Trnka': Caixa Cultural RJ exibe filmes do "Walt Disney do Leste Europeu", inéditos no Brasil, a partir de 16 de maio



Aventura Antonioni   Retrospectiva completa do cineasta italiano Michelangelo Antonioni com  curtas e longas-metragens, documentários e ficções, além de aula magna e debate                     CCBB Rio de Janeiro – 26 de abril a 22 de maio                    CCBB São Paulo – 26 de abril a 22 de maio | CineSesc (SP) – 11 a 17 de maio                   CCBB Brasília – 3 a 29 de maio  
(colaborou @DonnieDarko73);

Blog Archive

Buscar

About Me

tom leão
Vanuatu
amigo dos amigos, amante de música, cinema, boa comida, de pedaladas e caminhadas
View my complete profile
Powered by Blogger.

Popular Posts

Translate

Followers