NA COVA DO LEÃO

Tuesday, June 26, 2007

Sábado som


Não sei pq, mas sábado, pra mim, qndo moleque, sempre foi o dia em que ia nas lojas de discos checar as novidades, encontrar amigos, trocar idéias etc. Fazia muito isso na Modern Sound, Gramophone e, principalmente, numa lojinha que tinha no postos seis (copa) cujo vendedor era o falecido Zé Ramone, que sacava tudo de música (meio como os caras do alta fidelidade). No sábado passado tive essa sensação de volta qndo fui na imensa Amoeba Music de Los Angeles. nem sei dizer se ela é maior do que a original de San Francisco, mas é grande paca. Mas era sábado, a loja tava cheia, foi bacana ver toda aquela gente ainda se importando em comprar cds e vinis (que estao voltando com força total, principalmente os singles), cada um no seu corredor espécifico com o visual de seu estilo (galera de preto na area industrial, cabeludos na metal, indies idem etc e tal). Dizem que a chegada da Amoeba a L.A. causou um efeito Wal-Mart nas lojinhas da cidade, que fecharam aos montes. Mas, pra quem tem fetiche por disco e música como eu, é uma beleza poder circular (e enlouquecer, pq dá vontade de levar tudo) naqueles corredores. Essa é a hora em que gostaria que a música vendida a varejo não acabasse...

16 comments:

tom said...

tbm dei uma banda rapida pela area dos clubes na sunset strip. os velhos roxy e el troubador (onde bandas como guns & roses e poison começaram, e q tbm abrigaram doors e a psicodelia nos anos 60) ainda estao lá. mas surgiram coisas como o mais farofa house of blues e uma loja da hustler. alias, é no prédio da flynt publications (que edita a hustler) que fica o consulado brazuca em l.a.!!!

fabio fernandes said...

pois é, ainda sou bem fetichista (saudosista) e vivo frequentando as saraivas e americanas da vida só para manusear os cd´s, ver as capas etc.

off topic:
alguém aqui tbém concorda que a pior escalação do live earth ficou para o rj/brasil ? enquanto o tim tá vindo para arrebentar e este festival independente do circo tbém promete, o megaevento na praia de copacabana tá o samba do crioulo doido, tirando a macy gray, o restante tá phoda de aturar ...

Rocha07 said...

Com relação ao assunto, o Jack White outro dia fez esse comentário:

"I think it's a shame for generations coming up that everything is 'now, now, now' and that they're getting everything from a mouse click."

E, por mais que todos nós tenhamos nos beneficiado disso...e é inegável que o Ipod tenha facilitado nossa vida, eu concordo que o romantismo com relação à música se perdeu. Tudo é fácil demais hoje em dia.

Rocha07 said...

Live Earth o caralho...acho até bom só vir esse povo pq show de graça na praia é foda.
O negócio é Tim Festival!! The Killers, Arctic Monkeys, Bjork, Juliette Lewis...haja grana e tempo!!

nobru28 said...

fala tom

aqui em vancouver tem uma loja de discos chamada on sound q 'e de 1961 q mantem as caracteristicas da epoca e uma foto de 1971 das pessoas vendo, ouvindo e comprando cds.

me tira uma duvida : eu comprei o wii mas antes eu comprei o guitar hero pro 360. o q vc acha q eu devo fazer : deixar o wii, deixar o guitar hero ou levar os dois ?

abs pra todos.

Felipe Passarelli said...

hahaha como eu rio lendo os comentários da cova, quem frequenta conhece....

Essa Amoeba faz vários Shows Cases e lançam vários EPs, tenho um aqui excelente do TV on The Radio tb do The Hold Steady.

Não deu pra ver nenhum show ou festival por lá não Tom? Viu o que ia Rolar?

Também sou que nem você, adoro entrar na saraiva e olhar os CDs e DVDs, mas sou mais window shopping do que comprador na real.

Também quando comprava adorava ir na HMV, Virgin, Sam Goody etc aqui tive minha fase Gramophone, Cds importados por 14 reais, me lembro até hoje, e claro, a Video Game Center que foi meu point da adolescencia na Tijuca.

Poisé esse evento sem a Alanis ficou broxa, espero que tragam mais alguém, pq senão nem me animo, mas é para uma causa legal, vale a ida, pensar no planeta um dia.

Esse vai ser o melhor Tim Festval ever, to rezando pra anunciarem o Klaxons e Arcade Fire, parece que o nacional vai ser o CSS! Eita coração, vai matar de grana e de cansaço.

CSS já é mais uma atração internacional pra mim, já até conta... Vamos ver, realmente a agenda deles está livre.

Primeiro dia ja vou comprar os mais importantes!

Abraço coveiros

pacheco said...

Ai ai... lojas de discos nos estados unidos! Que vontade de ter uma assim por aqui....

Outra coisa que tem lá e não tem aqui é loja de instrumentos musicais decentes, lá eu poderia passar dias nessas lojas.

Abraço!

iga_rio said...

Fala Tom,

Me amarro em Megastores, mas sinto falta da época da Gramophone... sem contar a Spider que foi a minha referência para lançamentos na adolenscência !! Hoje vou muito a FNAC mas não é a mesma coisa...

Ps: Alguem sabe se ainda existe aquela Headbanger na Tijuca ??? po eu ia lá direto... eles faziam até caravanas para shows em SP !!

Abraços,

tom said...

a primeira vez que fui numa megastore, a virgin de londres, pirei. pq aqui nao havia nada sequer parecido e la tinha tudo. mas, com o tempo, notei q as vzs é melhor ir numa lojinha, onde rola um clima mais intimo, familiar. agora em l.a. achei uma loja assim, cuja vendedora era a propria dona, e foi ela quem me vendeu, antes da hora (so podia vender no dia seguinte) o novo dos white stripes. ve la se isso seria possivel numa megastore? eu tbm ia na videogame center, na tijuca, pegava o metro e passava lá todo sabado, q era muito, bem servida, na spider, claro, e na rock-it

Marcio said...

Faz um tempinho que não vou ao Rio, mas creio que a Modern Sound continua com o título de melhor loja de discos do Brasil, não? Tudo bem que na "galeria do rock" em SP tem trocentas lojinhas, cada uma dedicada a um nicho. Mas que contemple vários gêneros, com farta oferta de discos importados e ainda shows regulares em (mini)auditório próprio, acho que só a Modern Sound mesmo. Descobri a MS descobri por acaso, quando fui ao primeiro Rock in Rio. Estavam passando o filme "Heavy Metal" num cinema que ficava no fundo da galeria. Na saída, me deparei com aquele (então) paraíso dos vinis. Depois a loja cresceu para o lado e para o fundo e hoje, salvo engano, ocupa toda a galeria original. Em Salvador as lojas de discos praticamente acabaram. Restam duas ou três ainda digna de visita. Em Brasília a rede 2001 ainda se mantém, mas o número total de lojas na cidade caiu em pelo menos 50% num período de 7 ou 8 anos.

tom said...

os shows que queria ver foram antes ou depois de minha estadia. so na sexta teve o noisettes na amoeba e depois num clube, mas eu tava ralando. teve um dj set do juan mclean perto da casa do meu amigo. ia ter fratellis no meio dessa semana (acho que no club nme, que rola la toda quarta no spaceland). e nessa sexta, tem dj shadow no hollywood bowl. mas sabem que abre? carlinhos brown!

fabio fernandes said...

voltando ainda ao live earth ... viram que a ivete sangalo recusou-se a participar do evento ? segundo o empresário dela, a cantora disse que o não gosta de hipocrisias e que não acredita no evento muito menos em al gore que se calou qdo bush não assinou o protocolo de kyoto.

fiquei com a pulga atrás da orelha: será que a ivete fez isso para ficar bem na fita ? ou será que ela realmente foi verdadeira ? ou, como dizem por aí, ela ficou com medo de brihar menos ao lado de tantas "estrelas" ?
de qualquer forma, acho que foi admirável da parte dela não aceitar cantar no live earth ...

Marcio said...

Pois é ... Na Espanha, tido como um dos países mais abertos da Europa atual, Carlinhos Brown tem público certo, pelo menos quando toca nas ruas das grandes cidades. E na California, berço do politicamente correto e ao mesmo tempo mãe eleitoral de Reagan e Schwarnegger, como será recebido? Li outro dia que a Hollywood Bowl é a maior casa de espetáculos estilo concha acústica do mundo, com quase 18 mil lugares de capacidade ...

tom said...

na verdade, o hollywood bowl hj em dia é um complexo. tem a concha acustica em si (nunca vi show la) e, do lado, tem um ou dois espaços menores, que usam o mesmo nome. acredito que dj shadow e carlinhos brown devam tocar nesse espaço alternativo e queen latifah (que fara um show cantando só classicos do jazz) deva tocar na sala maior, ate pq vai ser acompanhada de orquestra;um lugar bom pra show em l.a. é o universal amphitheatre. ja vi dois shows bacanas lá. alias, nos eua tem muito anfiteatro, coisas abertas, ao ar livre (e com cobertura pra chuva) e aqui, pais tropical, a gente nao tem nenhum (bom, a pedreira em curitiba é o mais proximo)

Pedro said...

po, eu adorava passar o tempo na gramophone.
hj em dia, so baixo no torrent mesmo.
comprar cds é mto caro.e as lojas nao tem aquele romantismo a la "alta fidelidade".

iga_rio said...

Poxa dificil lembrar de todas as bandas nacionais que curto... aqui vão algumas.

rock rockets
autoramas
matanza
dead fish ( curto desde 99 )
RDP ( sempre fã)
Garage Fuzz
sepultura (nao sei se conta.. rs)
los hermanos

ahhh deve ter um monte que esqueci.... mas essa são as que me lembro no momento.

NA CIDADE

JANEIRO TEM DUAS FACES:

CASAS & SHOWS: Circo Voador 13 - Posada & O Clã / Cícero & Albatroz 19 - Samba Rap Festival: Elza Soares / Karol Conka 20 - Samba Rap Festival: Emicida / Jongo da Serrinha / Bateria da Império Serrano 25 - Phoenix (FRA) 26 - Vanessa da Mata / Fióti / DJ Incidental 27 - Barão Vermelho

Fundição Progresso 13 - Natiruts 19 - BaianaSystem 20 - Tim Music no Samba: Xande de Pilares & Mumuzinho - Participação: Bateria do Salgueiro 26 – Johnny Hooker / Letrux 27 - Nando Reis

Teatro Odisseia 14 - Strike / Circus / Filtro Vermelho / Sheffield / Rotterdan 21 - Radnor With Lee (EUA) 28 - Demon Hunter (EUA) / Pantokrator (SUE)

Teatro Riachuelo 16 - Leila Pinheiro: Voz & Piano 23 - Ed Motta: Baile do Flashback 30 - Laila Garin & A Roda

Teatro Rival 20 - João Bosco: Voz & Violão 25 - Angela Ro Ro 26 - Bloco Sargento Pimenta 27 - Geraldo Azevedo: Voz & Violão

Audio Rebel 10 a 12 - Metá Metá 14 - Lá do Be 15 - Nana - Participação: Laura Lavieri 16 - Adaury Mothé Trio 17 - Rafael Rocha Quinteto 28 - N.D.R. / Triunfe / Dissonância 29 - Ana Baird & Camila Costa: Perigosas

Espaço Sérgio Porto 11 - Biltre 18 - Sinara 25 - Karine Carvalho: Galega Hits

Sala Baden Powell 8 - Giras Gerais - Participação: Frederico Demarca, Mario Broder, Lula Mattos 19 - Sempre Livre / Sylvinho Blau Blau / Dr. Silvana & Cia. 20 – Nelson Sargento 21 – Banda do Síndico 24 - João Donato - Participação: Carlos Lyra & Roberto Menescal & Marcos Valle 25 - Mario Adnet: Jobim Jazz 26 – Marcos Ariel 27 – Cris Delanno 28 - Azymuth

Beco das Garrafas 10 - Haroldo Mauro Jr.: Homenagem a J. T. Meirelles 11 - Thaís Fraga 12 - João Senise - Participação: Áurea Martins, Indiana Nomma, Mauro Senise, Nelson Faria, Pascoal Meirelles, Ricardo Costa, Rildo Hora, Sueli Costa 13 - Élid Bittencourt (20h) 13 - Ana Costa (22h30) 17 - André Gonçalves 18 - Lu Oliveira 19 - Georgiana de Moraes & Fernanda Cunha & Camilla Dias: Homenagem a Vinicius de Moraes (20h) 19 - Joyce Cândido: Homenagem a Elis Regina (22h30) 20 - Hélio Delmiro (21h) 20 - Maíra Freitas & Taís Feijão (22h30) 21 - Dóris Monteiro 24 - Rosana Sabença 25 - Conexão Rio: Homenagem a Tom Jobim 26 - Amanda Bravo: Homenagem a Durval Ferreira - Participação: Paulinho Trompete, Mauricio Einhorn, Rosana Sabença, Billy Blanco Jr., Thaís Fraga 27 - Hector Costita & Joseval Paes 31 - Maria Luiza

Casa de Cultura Laura Alvim 11 e 18 - Daniel Chaudon 14 - Lila 16 - Dani Black 21 – Pedro Mann 23 - Davi Moraes 28 – Qinho Canta Marina Lima 30 - Matheus VK

Teatro Café Pequeno 11 – Arranco de Varsóvia 18 – Verônica Sabino 25 – Elisa Queirós

Blue Note Rio 12 - Eliane Elias 16 - Big Gilson 17 - Roberto Menescal 18 - Gabriel Moura 19 - Daniel Jobim & Daniel Boaventura: Homenagem a Tom Jobim & Frank Sinatra 20 - MPB-4 23 - Escalandrum (ARG) 24 - Mayer Hawthorne (EUA) 25 - Wanda Sá & Gilson Peranzzetta & Mauro Senise: Homenagem a Tom Jobim & Vinicius de Moraes

KM de Vantagens Hall 19 – Molejo & É O Tchan – Participação: Ludmilla 20 - Ney Matogrosso: Atento aos Sinais

Imperator 10 - Márcio Gomes 12 - Menores Atos / Dead Fish 13 - Paulo Ricardo 14 - Feijoada e Roda de Choro: Bonde do Choro 14 - MPB-4 23 - Jazz Pras Sete: Chico Costa & Quarteto Artilheiro 24 - Quartas Brasileiras: Cordão da Bola Preta 27 - Forró Lánalaje: Marcelo Mimoso Trio / DJ Edna Carvalho 28 - Bloco Pipoca & Guaraná 31 - Toquinho: Voz & Violão - Participação: Camilla Faustino

Centro de Referência da Música (Tijuca) 10 - Tudo de Nós Dois: Homenagem a Noite Ilustrada 11 - Lilian Valeska 12 - Augusto Martins & Paulo Malaguti: Homenagem a Tom Jobim 13 - Sérgio Ricardo 17 - Ellen de Lima & Reginaldo Bessa: Homenagem a Lamartine Babo 18 - Rosa Marya Colin - Participação: Jefferson Gonçalves 19 - André Gabeh 17 - Eduardo Dussek 24 - Quinteto em Tom Maior 25 - Rosane Corrêa: Homenagem a Ella Fitzgerald 26 - Daíra: Homenagem a Belchior 31 - Ana Egito

Baile do Digitaldubs - HUB (Santo Cristo) 14 - Black Alien 21 - Cedric "The Congos" Myton (JAM) 28 - Mad Professor & Aisha

Música no Deck - Barraca do Pepê (Barra da Tijuca) 13 - Melim 14 - Roberta Campos 20 – Filipe Ret 21 – Kell Smith 27 – Um 44k 28 – Luiza Possi Barra Blues Festival 26 - Sergio Diab Stratoman / Projeto Soul Jazz / Ana Egito / Alamo Leal Blues Groover’s / Corcel Mágico 27 - RJ Café / UniJazz Brasil / The Blue Fever / Sergio Rocha / Serra Blues Trio 28 - André Barroso / WestSide Blues / State of Blues / Victor Biglione Festival Downtown Sunset - Shopping Downtown (Barra da Tijuca) 13 – IZA 20 – Gabriel O Pensador 27 – Biquini Cavadão

Rio Rock & Blues - Rock Experience (Lapa) 12 - Os Filhos de Rosemary / Ângelo Nani & Electric Rio Blues / Floyd Explica 13 - RJ Café: Tributo a Celso Blues Boy / Dr. Silvana & Cia. 19 - Titanossauros / Conexão Japeri 20 - Love & The Lovers / The Loreleis 26 - The Smiths Cover 27 - Pedro Santana Trio / Elemento Surpresa / A Bolha Revisited

Circuito SESI 24 - Centro: Fhernanda Fernandes - Participação: Nana Kozak, Sandra Duailibe, Clarisse Grova, Ninah Joh, Andréa França

MIXXX: 10 - Abertura da Exposição "Elfos e Outras Paradas Iradas", de Layla & Nina: DJs Saddam, Rapha Lima, Zédoroque e Tamenpi – La Cucaracha / Ipanema 11 - Blastfemme / LoveJoy – Coletivo Machina / Lapa 12 - O Inimigo (SP) / Desabar / Neon Dharmas / ContraCultura – Germinal / Campo Grande 12 - Baco Exu do Blues / Djonga – HUB RJ / Santo Cristo 12 - Bloco Me Beija, Crush – Cordão da Bola Preta / Lapa 13 - Medulla / No Longer Music (EUA) / Marcão Baixada / Canto Cego / Thiago El Nino / Stereophant / Emana Helena D'Troia / Poëtka – Teatro Raul Cortez / Duque de Caxias 13 - Best Trick Rock Festival: Cliva / Pilfer / MethoD / Exilados / Caos Banal / Revert / BK-81 – Praça Guilherme da Silveira / Bangu 13 - Festival Bombardeio Sonoro: Mundo no Kaos / Drunkers (SP) / Sistema em Decomposição / Pesadelo Cotidiano / Sub Atitude – Travessa Laurinda / Complexo do Alemão 13 - Festival Rock no Parque: Folks / Neuttra / Sheffield / Altopo – Arena Dicró / Penha 13 – O Inimigo (SP) – Motim / Centro 13 - Mato Jam: Arcpelago / Blind Horse / Gods & Punks – Nectar / Vargem Pequena 13 – Beach Combers – Fábrica Nômade / Jacarepaguá 13 - Reverb / Qu4rto Teto / Casavera – Espaço Multifoco / Lapa 13 - Baile dos Botos: Cobra Venenosa (PA) – Caboclã / Lapa 13 - Álister / Smoking Rats / Domestic Junkies – Sinuca Tico-Taco / Lapa 13 - Blastfemme / Cheyenne Love – Escritório / Centro 13 – Minha Luz é de Led – HUB RJ / Santo Cristo 13 - Nove Zero Nove / Diabo Verde / Amsterdan / Triunfe – Studio Line / Botafogo 14 - Festival Chaosphere: Gutted Souls / Siriun / Vociferatus / Ágona / Evil Inside / Poison Thorns – Lira de Ouro / Duque de Caxias 14 - Cândido / Nós e Os Pássaros / Dona Penha – Pub 16 Bits / Jacarepaguá 14 - Samba Social Clube (gravação do dvd): Zeca Pagodinho, Fundo de Quintal, Moacyr Luz, Arlindo Netto, Inácio Rios, Marcelle Motta, Mingo Silva, Mosquito, Nego Álvaro, Renato Milagres – Teatro Popular / Niterói 14 - Forkill / Metalmorphose – Calabouço Bar / Vila Isabel 17 – Matheus VK – Teto Solar / Botafogo 19 - Maratona Black - Baile Charme – Gafieira Elite / Centro 19 - O Rappa: Tour de Despedida – Quadra da Mocidade / Padre Miguel 20 - Festival Rock in Brisa 4: 90 Contos / Cosmobox – Espaço Tequila´s / Guaratiba 20 - Playmobille / Tem Amor – La Esquina / Lapa 20 - Indivíduo K / Cândido / Banheiro Azul – O Pecado Mora ao Lado / Praça da Bandeira 21 - Aniversário de 57 Anos do Cacique de Ramos 21 - Festival Lona Rock Sunday: Memora / The Outs / Corcel Mágico – Lona Terra / Guadalupe 21 - Lu Oliveira – Praia de Conceição de Jacareí / Mangaratiba 26 - Laurent Garnier (FRA) 26 - Bloco do S Convida KL Jay – Fosfobox / Copacabana 27 - Slide / Sollarium / Fresno / Glória / Strike - Clube Tamoio / São Gonçalo 27 – Matanza – Arena Fernando Torres / Parque de Madureira 27 - Visibilidade Transvestigenere - Beco Encantado: Mulher Pepita & MC Xuxu – Beco do Rato / Lapa 28 - Festa Divina Circus: IZA – Clube 4 Linhas / Bento Ribeiro 28 - Bloco Eficiente: Inclusão Se Faz Com Várias Mãos – Praça Paris / Glória 28 - Facing Fear / Stuff / Cidade Nua – Rock´N Beer Pub / São Gonçalo

exposição de fotografias de Raymond Depardon, “Un moment si doux”. Depois de passar por Paris e Buenos Aires, o CCBB Rio recebe as 170 fotografias de diferentes cores e formatos tiradas na Europa, África e América Latina, incluindo o Brasil. Ate 22 de janeiro. qua-seg 9am-21pm. Grátis.

CIRQUE DU SOLEIL CHEGA AO RIO DE JANEIRO COM ESPETÁCULO INÉDITO, NO PARQUE OLIMPICO Após temporada de sucesso em São Paulo, AMALUNA estreia no Rio de Janeiro dia 28 de dezembro

MOSTRA NA CAIXA CULTURAL RIO DE JANEIRO EXIBE O CINEMA DE HAL HARTLEY Programação reúne todos os 14 longas do diretor americano, além de debate, sessões comentadas e um curso de roteiro cinematográfico de 23 de janeiro a 4 de fevereiro de 2018 (terça a domingo)

O Ministério da Cultura, o Centro Cultural Banco do Brasil e a Associação de Críticos de Cinema do Rio de Janeiro apresentam a 14ª Mostra Melhores Filmes do Ano Além das exibições dos filmes, a mostra traz homenagens e catálogo especial com textos sobre os filmes e as iniciativas cinematográficas que fizeram a diferença em 2017 De 24 de janeiro a 1 de fevereiro
PROG IN BRASIL: Carl Palmer, Premiata Forneria Marconi, estarão no Brasil em 2018, se apresentando nas cidades de Belo Horizonte, Porto Alegre, Rio de Janeiro e São Paulo, como parte da Top Cat Concert Series 2018. Os italianos do Premiata Forneria Marconi CHEGAM EM ABRIL. O grupo de rock progressivo, formado em 1971, vem lançar seu novo álbum 'Emotional tattoos', e também vai tocar seus clássicos. Maio vai trazer o baterista do Emerson, Lake & Palmer e também do Asia, Carl Palmer, com seu tributo ao ELP.Show promete surpresas com algumas participações especiais de peso.

FERNANDA ABREU TRAZ ‘AMOR GERAL’ PRO CIRCO VOADOR Noite conta com convidados como Dream Team do Passinho, Fausto Fawcet, Não Recomendados e muito mais DIA 03 DE FEVEREIRO

A PRIMEIRA NOITE DE UM HOMEM': 50 ANOS O FILME QUE LANÇOU DUSTIN HOFFMAN, COMO UM FORMANDO, QUE É SEDUZIDO PELA MÃE DE SUA NAMORADA, A FAMOSA SENHORA ROBINSON, DAQUELA MUSICA DE SUCESSO DA DUPLA SIMON & GARFUNKEL (FEITA PELA FALECIDA ANN BANCROFT), ESTÁ DE VOLTA. O RELANÇAMENTO, EM COPIA DIGITAL REMASTERIZADA, COMEMORA OS 50 ANOS DO FILME. QUE CONTINUA MUITO BOM. E AINDA TEM 'THE SOUND OF SILENCE', COMO MUSICA DE ABERTURA.

RU PAUL´S DRAG RACE TOUR: Em 2018, as drag queens de RuPaul's Drag Race vão levar a turnê oficial do reality-show, WERQ THE WORLD TOUR, para a terra do “Come to Brazil”! Michelle Visage vai comandar a apresentação no Brasil e todos os shows contarão com performances ao vivo de algumas das drag queens mais inesquecíveis de RuPaul's Drag Race, entre elas, as recém-divulgadas participantes da terceira temporada de All Stars, Shangela e Kennedy Davenport. Outras fan favorites devem marcar presença, como Detox, Kim Chi, Violet Chachki, Valentina e Peppermint. Ainda haverá um pré-show com DJ set e performance de Lady Bunny, a drag queen que é uma lenda da cena noturna de Nova York. 23/FEV TEATRO BRADESCO/RJ

(colaborou @DonnieDarko73);

Blog Archive

Buscar

About Me

tom leão
Vanuatu
amigo dos amigos, amante de música, cinema, boa comida, de pedaladas e caminhadas
View my complete profile
Powered by Blogger.

Popular Posts

Translate

Followers