Pages

Sunday, May 27, 2007

My chemical romance


Sempre gostei dos chemical brothers. desde que ouvi o single "songs of the siren", ali por volta de 1993, 94 (qndo eles ainda se chamavam dust brothers), fiquei chapado com aquela mistura de rock, psicodelia e eletronica de pista. mas, na epoca, discotecando na smith com edinho, qndo toquei a tal música, a pista se esvaziou na hora. uns quatro anos depois, fazendo um som na gueto, com o wilson power, foi diferente. toquei , em primeira mao, o novo single do álbum preto e a pista respondeu bem a "block rockin beats". nada comparado com o que aconteceria dois anos depois qndo eles lançaram o megahit "hey boy, hey girl", ate hj um classico em festas rock/dance. essa era um sucesso total qndo eu djing na sala 2 da bunker (as ziggy), quase como "smack my bitch up" do prodigy. tem gente q nem sabe que os chemical tocaram aqui, no metropolitan, em 99. foi uma viagem alucinante, que começou com "tomorrow never knows" dos beatles e acabou com um rolo psicodélico de 2o minutos. pra mim, exit planet dust, o primeiro album deles, é um dos melhores dos anos 90. e, enqto teclo isso, to ouvindo o novo deles, "we are the night". apesar de ja nao ser tao brilhante e original como antes, ainda bate bem. tem uma faixa com os klaxons (all rights reversed) e várias outras no beat deles, que nem é tao heavy, nem tao pop. nao vejo a hora de chegar na matriz e tocar o novo single, "do it again" (que mixa bem com "magick", dos klaxons). alem do mais, os manos quimicos (tom & ed) nunca pagaram mico. seguem tocando a carreira com prazer. e fechando grandes festivais de rock na europa, para horror dos puristas que tem aversão ao mix rock e dance. nao entendem que a musica, originalmente, foi feita pelos povos primitivos para (en)levar ao transe. é o q os chem bros fazem...

24 comments:

fabio fernandes said...

o chemical brothers sempre estve no meu top ten desde a primeira vez que os ouvi e ainda não consegui enjoar (acho que nunca) deles. talvez seja o melhor cruzamento entre guitarras x pista de dança.
esta noite no metropolitan foi histórica, os caras tocaram o segundo álbum na íntegra e acho que só umas duas do primeiro cd, o telão tbém era uma viagem. e eles estiveram aqui no auge, "prestes a dominar o mundo", não vieram em fim de carreira.
se não me falha a memória, a apresentação no metropolitan teve a abertura da clara moreno e do calbuque, correto ?

tom said...

ai esta um sonho que nao pude realizar, abrir pros chem bros. o cara da produção ia me chamar, mas eu tava viajando, fora do pais, e o calbuque acabou pegando. tudo bem, rio fanzine na área (rs). nao me lembro se teve clara moreno, ja cheguei meia hora antes do show. e, sim, eles vieram aqui dois meses antes de hey boy hey girl estourar, por isso o met tava cheio, mas nao lotado. só foi quem conhecia. bem diferente da selvageria pitboy que rolou no show do prodigy...

fabio fernandes said...

sim, e foi em uma quarta-feira, achei que estaria vazio, só teriam fãs, mas até que não, tinha um público razoável.
infelizmente, não pude ir qdo eles voltaram, em sp (no morumbi?) ...

iga_rio said...

Fala Tom,

Até hoje me arrependo de não ter ido ao show do Metropolitan... na época tive um compromisso de faculdade que acabou me ferrando... como eles nunca mais vieram eu me arrependo a cada dia... engraçado que hj eu curto eles muitos mais do que na época.

Já o do Prodigy comprei o ingresso no dia que começou a vender... e apesar daquela pancadaria toda dos Pitboys.. o show foi foda !!!

Abraços,

Otaner said...

Ouvi meio por alto o Chemichal e achei bonzinho, mas nada excepcional. A única faixa que me chamou mais a atenção foi justamente a com o Klaxons apesar de eu não gostar muito de Klaxons.

Não sei se já comentaram sobre o novo da Bjork, ainda não ouvi ninguém falando bem, mas eu adorei! Nunca fui muito ligado em Bjork, mas já tinha gostado de Medula, apesar da proposta de fazer a parada só com vocal acho que dá uma limitação besta, mas ela conseguiu contornar bem essas limitações e as melodias eram fantásticas, assim como nesse novo cd. E a música Declare Independence lembra até Atari Teenage Riot! Gostei.

Aliás, tá cheio de lançamentos aparecendo! E coisas muito boas como Queens of The Stone Age, Paul McCartney... Nem dá tempo de ouvir tudo! Cadê o Felipe que costuma ouvir tudo de novo que surge?

jack white said...

oi tom

naum sei se vc sabe se o novo do lcd soundsystem vai sair por aqui.

off : to interessado em ver esse filem zodiac do david fincher. falam q é o melhor dele desde o seven e pelo q eu vi, parece interessante pela lógica de ser um filme baseado em fatos reais de um killer famoso em frisco no fim dos anos 60.

abs tom.

Danib said...

Oi Tom!
Spetto está em Londres (depois dê uma conferida no meu blog o projeto que ele está desenvolvendo) e parece que os Chemical Brothers vão tocar em Camden Town na semana que vem. E o verão começa na Europa...

wallacekomisarz said...

olá pessoal da cova! quanto tempo! :-) olá tom
estou de volta

Felipe Passarelli said...

Fala Galera!

Deixei um post de agradecimento abaixo, mas ninguém respondeu (ou não leu), estava esperando um novo tópico.

Adoro e peguei a fase inicial do Dust Brothers que vazia remixes e teve que mudar de nome, pois já havia uma banda chamada The Dust Brothers.

Tanto que o primeiro Album do Chemical Brothers se chama "Exit Planet Dust", com uma das melhores capas dos anos 90.

Achei o album trippy, diferente, mais foi no "Dig Your Own Hole" que eles mostram o seu melhor trabalho até hoje.

Ainda sou apaixonado por esse album, a MTV passava em alta rotação "Setting Sun" e "Block Rocking Beats", juntamente com o "Fat of The Land" do Prodigy, marcaram minha geração Clubber e de muita gente também.

Fui no Metropolitan, claro, showzaço, acho que foram no mesmo ano Prodigy e Chemical Brothers, fui tipo uma maratona de shows com varios embarcando e se aventurando ainda na cena eletrônica, que no Rio ainda era pra poucos, epoca de Ooops na guetto, Factoria em Ipanema, época de varias descobertas, acho que foi a melhor fase da minha vida.

Mas os albums do Chemical Brothers foram decrescendo com o tempo, depois do "Dig Your Own Hole", só gostei do "Surrender" de resto não me agradou mais nenhum.

Aí fui tentar esse novo "We are the Night", já não gostei do titúlo arena band, e mais uma vez me decepcionou. Musicas estranhas, batidas chatas, musicas non-sense (what the fuck "The Salmon Song"??).

Nem a participação dos Klaxons nem do Midlake ajudaram. Um album arrastado e chato que você implora pra acabar logo ou pula de faixa.

Realmente ao vivo, eles devem ser os mesmos, mais os albums novos estão super overrated, eles podem fazer muito melhor, pensei que "Push The Button" era ruim é até bom perto desse. (desculpe quem gostou, eu achei muito chato).

Querem ouvir musica eletronica boa e nova??

Peguem os novos do Digitalism e do Justice, nossa literalmente um orgasmo, daft punk está deixando seus discipulos.

QOSTA eu me amarrei, o melhor desde o Song for the Dead. Comento melhor depois de ouvir mais.

O do Paul McCartney me surprendeu, um album direto, enxuto, ótimas melodias que pode ser ouvido por pessoas de todas as idades.

Se o Chemical Brothers vier, é claro que eu vou, mas eles são uma banda que ainda vivem do passado, não conseguiram se superar, o que é uma pena.

Abraços

:: Fräulein :: said...

Putz, é das minhas prediletas, na época do show deles por aqui nem conhecia direito, mas fiquei sabendo e com muita vontade de ir. Nem fui, era menor e estava sem comapanhia...
Perdi!

Pra mim o Surrender é o melhor, nunca enjoo.

Felipe Passarelli said...

Off:

Tom, você já viu o Filme "Alpha-Dog" com o Justin Timberlake?? O que você achou?

Caraio, achei o melhor filme do ano, serinho, o filme não me deixou parado por um minuto, muita doideira.

Vamos dizer que é uma versão Kids atualizada e de classe média alta.

Eu vi não sabendo que a história era real, não costumo ler muito sobre o filme antes de ver.

Até chorei em uma parte do filme junto com o Justin hahaha

Sinistra a história, disso me fez lembrar outra história que rolou aqui Tom, se lembra daquele americano que fugiu pra cá e participou de uma parada parecida e estava morando em Saquarema depois de morar em Copa??

Eu meio que liguei os casos mas o cara foi encontrado em 2005 no Paraguai. Não é o mesmo caso não né?

Ta passando no cinema, recomendo muito pra cova, não vejo filme tão bom desde menina má.com.

Valeu Tom, só pra deixar registrado que esse filme realmente me fez sentir coisas, tantos boas como bem ruins.

tom said...

felipe, concordo com vc que tanto este qnto o disco anterior dos manos quimicos ficaram bem abaixo do que eles ja fizeram antes. mas, é que nem fa dos stones, que ate hj acham a banda legal, embora nao gravem nada que preste ha mais de 20 anos. bom, sou fa dos caras e, pelo menos, eles nunca viraram casaca musicalmente (os stones, p ex, ja gravaram ate disco music qndo isso tava na moda). o chem bros nunca vai virar emo (rs). mas bem podiam ousar mais, claro.

tom said...

felipe, tinha um arquivo de alpha dog em dvd rip e qndo fui ver, tava corrompido. entao, se tiver tempo, vou dar um confere no cinema ou entao tentar baixar outro ou alugar o dvd area 1. valeu pela dica. sim, me lembro vagamente do caso do americano de saquarema. os filmes que vi, to vendo, essa semana, são: hoax (sobre um cara que vendeu uma bio falsa do howard hughes por milhoes, caso real que rolou nos anos 70) e um de lobisomen, blood & chocolate, estiloso e vazio

Pedro said...

ja vi em varios lugares que o novo do Paul Macca ta mto bom.
Dizem q o coroa perdeu mulher, dinheiro, casamento e mais um monte de coisa.
so nao perdeu o talento.
Mas falar do cara com maior numero de hits segundo o guinness book, é chover no molhado rss

wallacekomisarz said...

OFF

Tom, qual a sua opinião da não concessão da RCTV (canal privado da Venezuela)? Acho que em pleno século XXI ainda exista ditadura neste mundo...

fabio fernandes said...

alpha dog é realmente sobre jesse james que foi preso em saquarema, em 2005. como o filme ainda estava sendo produzido, tiveram que alterar vários fatos para evitar processos.
o filme realmente lembra kids/bully/ken park, mas acho que o nick cassavetes tem mais talento do que o larry clark ...

fabio fernandes said...

lá fora já estão classificando zodiac como a obra-prima de david fincher. estréia na sexta, tô super ansioso para conferir.
tem um outro filme (zodiac) que chegou por aqui ano passado nas locadoras, é até bem interessante, mas não lembro o título nacional agora, posso conferir e depois falo. no elenco tem um dos irmãos do macauly culkin e o ethan (lost) no elenco.
eu gosto bastante destes filmes baseados em serial killers. tento ver todos que são produzidos. morbidez ?

tom said...

wallace, esse lance da venezuela é puro ditatorialismo. os lideres aqui da al nao se livram disso nunca. esse zodiac do fincvehr so tem um problema: dura quase tres horas. pq hj em dia cismaram de fazer filmes tao longos? antigamemte, so filme biblico, epico, durava tanto. hj, qq romance ou comedia leva mais de duas horas, ai rola alguma encheção de linguiça no meio por filme render. vou conferir zodiaco no cinema

Felipe Passarelli said...

Engraçado nessa história toda Tom, é que já rolando uma geração de Tiozinhos da eletrônica, viagei aqui, uma coisa ainda vista como moderna e revolucionária no Brasil, de uns tempos pra cá, já consolidada no mainstream brasileiro.

Já tinha o Kraftwerk, que é o proto vamos dizer, mas todas as outras bandas/projetos os integrantes já tem mais de 40/50 anos, engraçado como foco da musica é mutante.

Penso que hoje, se rolasse o Rio Parade de novo, ia ter muito mais gente do que rolou daquela vez, que eu achei maravilhoso.

E parece que Arctic Monkeys, Kaiser Chiefs, Air, The Killers, Cat Power, Arcade Fire e Klaxons estão confirmados no Tim Festival. Se for verdade vai ser a melhor edição ever! :0

Felipe Passarelli said...

Cade o outro post que eu mandei tom sobre a geração eletronica??

Sim, agora descobri que o filme Alpha-dog foi realmente o caso do carinha de saquarema, me liguei nisso na hora, filmaço, muito bem feito.

O link do Globo:
http://oglobo.globo.com/
cultura/mat/2006/01/19/
190002923.asp

Li também que todos os atores tiveram que malhar por durante algum meses e pegar amizade antes de filmar. O entrosamento do elenco é espetacular.

Se puder indicar filmes do genero tom, fala aí eu adoro! Gang, sexo, drogas etc...

Felipe Passarelli said...

oi

Felipe Passarelli said...

Deixar aqui de presente pra cova alguns albums que talvez vocês não tenham ouvido e estão muito bons:

Architecture in Helsinki - Places Like This (2007)
http://sharebee.com/068d048e

Satellite Party - Ultra Payloaded (2007)(Nova banda do Perry Farrell)
http://sharebee.com/e3adfe15

Biffy Clyro - Puzzle (2007)
http://tinyurl.com/2hcdj3

New Young Pony Club - "Fantastic Playroom"
http://tinyurl.com/ytyg3g

Spoon - Ga Ga Ga Ga Ga [2007]
http://sharebee.com/1c9858cc

Simian Mobile Disco – ‘Attack Decay Sustain Release’ (2007)
http://tinyurl.com/yswluz

Digitalism - Idealism (2007)
http://tinyurl.com/yvdtrt
senha:sashasretroemporium.blogspot.com

Editors – ‘An End Has A Start’ (2007)
http://tinyurl.com/2yn6yy

Enjoy, abraços :)

:: Fräulein :: said...

Fala Tom!
Realmente esse album novo do CB é bem fraquinho.
Mas Push The Button eu me amarro!

tom said...

PRA QUEM ACHA QUE AQUI NO RIO NÃO FAZ FRIO, COMO ALGUNS AMIGOS PAULISTAS, NA MINHA ESQUINA O RELOGIO DIGITAL MARCA 15 GRAUS NESTA NOITINHA DE QUARTA-FEIRA, POR VOLTA DE 21H. OU SEJA, PODE CHEGAR MOLE AOS 10, 12 GRAUS MAIS TARDE. E AINDA TEM O FATOR VENTO, QUE, NA MINHA ÁREA, É FODA.

FELIPE, VALEU PELOS LINKS. DALI EU JA TENHO SIMIAN, DIGITALISM, EDITORS E O DO BIFFY CLYRO. OBRIGADO...

NA CIDADE

OCTOBERFESTIVAS:

FESTIVAL DO RIO  ÚLTIMA CHANCE   de 16 a 18 de outubro   Estação NET Botafogo 1 + Estação NET Rio 4 e 5    

ESTAÇÃO NET BOTAFOGO 1: 16/10/2017         Estação NET Botafogo 1  15:00     Ocidental Dir. Neïl Beloufa 16/10/2017         Estação NET Botafogo 1  17:00     Matar Jesus Dir. Laura Mora 16/10/2017         Estação NET Botafogo 1  19:00     Memórias do subdesenvolvimento Dir. Tomás Gutiérrez Alea 16/10/2017         Estação NET Botafogo 1  21:00     As misândricas Dir. Bruce LaBruce

  17/10/2017         Estação NET Botafogo 1  15:00     Ensiriados Dir. Philippe Van Leeuw 17/10/2017         Estação NET Botafogo 1  17:00     Antipornô             Sion Dir. Sono 17/10/2017         Estação NET Botafogo 1  19:00     Patti Cake$ Dir. Geremy Jasper 17/10/2017         Estação NET Botafogo 1  21:00     Meu colégio inteiro afundando no mar Dir. Dash Shaw  

18/10/2017         Estação NET Botafogo 1  15:00     Últimos homens em Aleppo Dir. Firas Fayyad 18/10/2017         Estação NET Botafogo 1  17:00     Cadáveres bronzeados Dir. Hélène Cattet, Bruno Forzani 18/10/2017         Estação NET Botafogo 1  17:00     Sal Dir. Diego Freitas 18/10/2017         Estação NET Botafogo 1  19:00     Alanis Dir. Anahí Berneri 18/10/2017         Estação NET Botafogo 1  21:00     How to Talk to Girls at Parties Dir. John Cameron Mitchell  

ESTAÇÃO NET RIO: 16/10/2017         Estação NET Rio 5             14:15     Kim Dotcom: Agarrado na web Dir. Annie Goldson 16/10/2017         Estação NET Rio 5             16:15     God's Own Country Dir. Francis Lee 16/10/2017         Estação NET Rio 4             18:00     A liberdade do diabo Dir. Everardo González 16/10/2017         Estação NET Rio 5             18:45     Golden Exits Dir. Alex Ross Perry 16/10/2017         Estação NET Rio 4             19:45     As entrevistas de Putin Dir. Oliver Stone 16/10/2017         Estação NET Rio 5             21:00     A vendedora de fósforos Dir. Alejo Moguillansky  

17/10/2017         Estação NET Rio 5             14:15     Encriptado Dir. Nick de Pencier 17/10/2017         Estação NET Rio 5             16:15     Eduardo II Dir. Derek Jarman 17/10/2017         Estação NET Rio 4             17:30     Top of the Lake: China Girl Dir. Jane Campion, Ariel Kleiman 17/10/2017         Estação NET Rio 5             18:45     Titicut Follies Dir. Frederick Wiseman 17/10/2017         Estação NET Rio 5             21:00     Invisível Dir. Pablo Giorgelli

  18/10/2017         Estação NET Rio 5             14:15     Senhora Fang Dir. Wang Bing 18/10/2017         Estação NET Rio 5             16:00     Minha adorável lavanderia Dir. Stephen Frears 18/10/2017         Estação NET Rio 4             17:20     Tangerine Dream: a revolução do som Dir. Margarete Kreuzer 18/10/2017         Estação NET Rio 5             17:50     Cicciolina - Madrinha do escândalo  Dir. Alessandro Melazzini 18/10/2017         Estação NET Rio 5             19:00     O diabo e o Padre Amorth Dir. William Friedkin 18/10/2017         Estação NET Rio 4             19:10     Long Strange Trip: A viagem do Grateful Dead Dir. Amir Bar-Lev 18/10/2017         Estação NET Rio 5             20:30     Ex Libris: Biblioteca pública de Nova York Dir. Frederick Wiseman  

INGRESSOS: R$22,00 / meia: R$11,00 Meia entrada para quem comprou Passaporte

UCI INAUGURA A PRIMEIRA SALA DE CINEMA XPLUS LASER DO BRASIL, NO RIO DE JANEIRO: No ano em que comemora duas décadas no Brasil, a rede UCI reforça sua missão de oferecer ao público a melhor experiência em cinema e o que há de mais moderno no mundo, no mercado audiovisual. No Rio, inova mais uma vez com a primeira sala XPLUS Laser do país. A novidade será no maior complexo de cinemas brasileiro, o UCI New York City Center, que este ano também recebeu a primeira 4DX da cidade, com cadeiras que se movimentam e efeitos especiais. A aquisição do novo projetor a laser torna ainda mais imersiva a tecnologia da XPLUS, que tem projeção 3D de última geração, tela gigante com definição 4K e som Dolby Atmos™, com mais de 54 caixas acústicas e 128 streams de áudio que criam a ilusão de um campo infinito ao redor de cada espectador.

PROGRAMAÇÃO DO BLUE NOTE JAZZ CLUB RIO (ONDE ERA A MIRANDA, NO COMPLEXO LAGOON, NA LAGOA, LADO LEBLON):     Outubro   20/10 – Sexta-feira 21:00 Chick Corea & Steve Gadd Band 23:30 Chick Corea & Steve Gadd Band   Novembro 02/11 Quinta-feira 20:00 Spyro Gyra 22:30 Spyro Gyra   03/11 Sexta-feira 21:00 Spyro Gyra 23:30 Spyro Gyra   04/11 Sábado 21:00 Spyro Gyra 23:30 Spyro Gyra   15/11 Quarta-feira 20:00 Laura Perrudin   16/11 Quinta-feira 20:00 Didier Lockwood Trio 22:30 Didier Lockwood Trio

Tropicália ganha exposição tech com livre reinterpretação conceitual Nos 50 anos do movimento, na Galeria BNDES   Os artistas Barbara Castro e Luiz Ludwig, do estúdio Ambos&&, apresentam uma livre reinterpretação dos conceitos do movimento tropicalista à luz da arte e da tecnologia. Com a exposição Vamos Comer, estimulam o público a “devorar” experiências sensoriais e orgânicas, incluindo quatro instalações de arte computacional. Ela está aberta a visitações na Galeria BNDES, no Rio, entre os dias 18 de outubro e 1º de dezembro, de segunda a sexta, das 10h às 19h

Zucchero (o 'roberto carlos da itália') vem fazer shows no Brasil em outubro: Rio de Janeiro, no dia 26 de outubro, no Teatro Bradesco Rio São Paulo, no dia 27 de outubro, no Teatro Bradesco Porto Alegre, no dia 28 de outubro, no Teatro do Bourbon Country  

AGENDA CUTURAL BARATOS DA RIBEIRO: Sábado, 21 de outubro, a partir das 17h: VESPEIRO com as bandas Estranhos Românticos e Imperfeitos Quinta-feira, 26 de outubro, a partir das 19h: LEVADAS DA BECA, com as DJs Ana Paula Moniz (Beca Brechó), Bia Andrade & Ana Galli + uma convidada surpresa! Sábado, 11 de novembro, a partir das 17h: VESPEIRO com a banda Os Alquimistas (MS) e Mauk + Pedro White & banda fazendo tributo duplo: ao Bruce Springsteen e ao Tom Petty! RUA PAULINO FERNANDES 15, BOTAFOGO/RJ

MOSTRA DE CINEMA ARGENTINO CONTEMPORÂNEO VOLTA À CAIXA CULTURAL RIO DE JANEIRO EM SUA SEGUNDA EDIÇÃO   Histórias extraordinárias apresenta uma seleção com os melhores filmes recentes do país vizinho. Debates com cineastas e especialistas completam a programação Local: CAIXA Cultural Rio de Janeiro – Cinema 2 Endereço: Av. Almirante Barroso, 25 – Centro  (Metrô e VLT: Estação Carioca) Telefone: (21) 3980-3815 Data: de 07 a 19 de novembro de 2017 (terça-feira a domingo)

II FESTIVAL IMPERIAL DE CINEMA DE PETRÓPOLIS COMEÇA NESTA QUARTA, DIA 18: Festival é gratuito e conta com filmes inéditos na programação  A abertura será no Theatro D. Pedro com exibição do filme “João, O Maestro”, de Mauro Lima.

Angela Ro Ro leva o show "Amor & Humor" para a Zona Norte A cantora - que pela primeira vez pisa no palco do Centro Cultural João Nogueira -  faz  apresentação única no Méier, dia 29 de outubro, às 19h, no Imperator

estreia: 5º FEIRA/ 19 OUT - ABERTURA DA MOSTRA JÓIAS DO CINEMA DINAMARQUÊS: CINE JOIA DO RIO DE JANEIRO (copacabana) EXIBE SEIS LONGAS INÉDITOS DO PAÍS NÓRDICO; E O PRIMEIRO DOC LONGA-METRAGEM FILMADO NA GROENLÂNDIA.

Depois de regravar sucessos do Pop, Rock e Samba, a Orquestra Petrobras Sinfônica prepara uma homenagem ao reggae. O quarto EP da série “O Clássico é...” trará versões inéditas de “Andei só” (Natiruts), “Minha felicidade” (Roberta Campos), “Um anjo do céu” (Maskavo), “Aonde você mora” (Cidade Negra) e “Segue o baile” (Braza). A primeira apresentação do novo projeto será no Teatro Rival Petrobras, com entrada gratuita, às 20h do dia 18 de outubro (quarta-feira).

(colaborou @DonnieDarko73);

Blog Archive

Buscar

About Me

tom leão
Vanuatu
amigo dos amigos, amante de música, cinema, boa comida, de pedaladas e caminhadas
View my complete profile
Powered by Blogger.

Popular Posts

Translate

Followers