Pages

Friday, December 15, 2006

O nome dele é Bond


Estreou hj no Brasil o novo filme de James Bond, Casino Royale, que, na verdade, é a primeira aventura do agente 007. Curiosamente, ela nunca havia sido filmada, já que uma versão que rolou nos anos 60, fora da série oficial, era uma comédia desvairada com peter sellers e woody allen (o bond do filme era david niven). Por isso, o novo filme soa como um Batman begins da série, já que o novo Bond (Daniel Craig), na verdade é um novo agente duplo zero e ainda está em fase de testes. Se voce é fã da franquia, daqueles que já viu todos os filmes e compra os DVDs, vai adorar Casino Royale, que, além de ser um bom filme de ação, suspense e romance, tbm traz o melhor Bond desde os tempos de Sean Connery. O cara é meio rude e realmente intimida. Por outro lado, a mocinha da vez, feita pelo pitéu Eva Green (de Os sonhadores), não é exatamente uma bond girl, uma femme fatale. Ela traz um pouco de inocencia e frescor, que acaba apaixonando nosso herói. O filme é claramente dividido em três atos (dura 2hrs e meia) e traz um vilão na dose certa, o reptílico Le Chiffre, que não é nenhum cientista louco com armas mirabolantes. Ele dá até uma certa pena em sua patética maldade. E o melhor: desta vez não rolam demonstrações explicitas de celulares e automóveis. A abertura, aliás, é inspirada na de B-13, toda feita ao estilo parkour. Esqueça tudo o que vc viu de Bond nos últimos anos...

22 comments:

fabio fernandes said...

bond é paixão antiga, desde criança. qdo era moleque, afirmava que gostava da série por causa dos três M: mulheres, música e mentira :)
qdo cresci, procurei ver todos os filmes da série e vi que tinha muito mais do que isso, é claro. mas o casino royale original, com o woody allen, é ótimo, bem engraçado.
depois do connery, eu gostava bastante do pierce brosnan, e acho que o daniel craig está honrando a tradição !

Pacheco said...

Vi todos, várias vezes. Verei esse hoje. =)

Calvin said...

Ontem fui finalmente assistir Os Infiltrados, que filme espetacular. Scorcese e Nicholson devem ser indicados ao oscar-alho mais uma vez, mas acho que cabe até pro DiCaprio uma indicação.

Nunca fui muito ligado em Bond, mas os filmes com o Pierce Bronsan até que eram legais.

Felipe Passarelli said...

Fala Tom!

Época de Natal agitada, ainda agora estou na missão de cuidar de um cockerzinho que ganhei e advinha o nome que coloquei? Kurt. :)

Resumindo os tópicos anteriores, tiraria na lista o The Doors, Emerson, Lake & Palmer e Jamiroquai.

Tem alguns que acho até injustiça. Ou pq acabaram ou pq não tiveram a chance necessária pra crescer e se firmar. Muitos "One Hit Wonders" como se chama.

Mas ruim mesmo é Good Charllote, Simple Plain, My Chemical Romance, AFI, Weezer (Só dois albuns bons (blue e pinkertown)o resto um lixo), Hanson, essa baianada toda axé, e modismos como Armandinho. Pior do ano.

Jens Lekman é um fofo, tipo emociona os corações mais duros. o cara do King of convinience é o mala do ano, e a vocalista do El Perro del Mar passou mal por causa da microfonia e não teve show, fiquei bem puto ontem.

Comprei os DVDs indicados aqui na cova, o do QOTSA e o do Depeche Mode, muito bons vale a pena.

Época final de ano, to ouvindo muito "Best of". Depeche Mode, The Cure - Festival (Audio), U2 18, Oasis - Stop The Clocks, to viciado no novo album do Clipse, Madvillan, The Black Angels, Converge - No Heros e Wolf Eyes - Human Animal(pesadissimo bom, faço uma aposta com os coveiros, ouvir o Human Animal todo, eu já estou viciado)e muito Klaxons claro(Pra mim a melhor nova banda de 2006).

Eles lançaram essa semana o clipe "Golden Skan" que é lentinha, e o clipe é sensacional, todo em slowmotion, com eles sendo amarrados por fitas "Glow".

Tem também outros, o foda mesmo é o de "MagicK", acho que o melhor vidioclipe do ano, tipo "Glow Blood".

Vou falar que me amarro nesse estilo de show com sticks fluerecentes e tals, iria ser ótimo ver shows assim como ta rolando lá fora, o show deles é incrivel, também tem cenas de show deles. É o novo Hype da NME, mas um hype bom, que pode ser ouvido por todas as tribos.

Falou abraços Tom e Cova :)

Merry-Xmas qualquer coisa....

Rocha06 said...

Totalmente off-topic(nunca fui muito fã dos Bond movies). Final de ano tá sendo engraçado pra mim, por um lado...não ando conseguindo ouvir nada de música. Nada. Não tem nada atualmente que me pega. Há uns 2 meses atrás tava com o novo do The Killers direto no som, mas cheguei à conclusão que não é melhor que o primeiro...mesmo, não importa o que os críticos digam. Não curto Springsteen.
Tb ouvi o dos SS e...mesma coisa. O primeiro era clássico e esse tem só algumas músicas realmente legais. Arquivado.
E ando meio cansado do rock indie...cansado das NME's, Pitchforks, etc...São tantas bandas novas e "melhores do ano" por mês que esgota. Ao meu ver a ceninha britânica está se auto-destruindo. Já nem consigo mais distinguir uma banda da outra. Nem ouso entrar no Myspace porque acho que a situação piora.
Pra mim o cd do Arctic Monkeys ainda é o melhor do ano. Por outro lado o do Rapture é realmente legal. Mas tô estafado mesmo. Optando um pouco pelo silêncio.
Deve ser período de entresafra...alguém aí se sente assim de vez em quando?

tom said...

me sinto como vc varias vzs,rocha. melhor conhecer alguns e ter tempo de degluti-los, do q ouvir tudo e todos e nao digerir nenhum direito. off: saiu a nova rolling stone com ivete sangalo na capa. a primeira foi boa, a segunda tava requentada, essa nem vou comprar. ja a nova bizz ta bem bacana. bond fascina os moleques, seja pelas mulheres, pelos gadgets. desde q tinha uns 13 anos q sou fa, qndo vi the man with the golden gun (o primeiro dele q pude ver no cinema, ja q era tudo 18 anos, esse era 14, mas eu entrei) q o vilao era christopher lee e o ajudante dele era o tatu da ilha da fantasia! e provavelmente tive uma ereção qndo vi, ja na tv, as garotas de pussy galore. uau! (rs)

Felipe Passarelli said...

Off bem grande:

Poisé, mas a industria de hoje é assim mesmo, como é de graça e fácil acesso, voce tem a oportunidade de ouvir coisas super surreais e descobrir bandas que provavelmente uma voce vai virar fã.

Começa nas notas dadas, se forem mais que 8,0 você baixa, ouve, se gostar continua se não joga no lixo, e assim nascem (e morrem) milhões de bandas, o prazer de querer o novo e inexplicavel, dizem ser o efeito Pitchfork e Last.FM claro, conheci mais de mil bandas lá é incrivel. O bom é a variedade, e a cada dia tem coisa nova, e nem é pelo wanna be singer, e sim pelo trabalho, que passa na mão de muita gente antes de chegar aos nossos ouvidos.

Viu o CSS?? Um Exemplo.

Essa semana Jarvis cantou com ela Alcohol, adora! E eles estão na lista do top 10 da pitckfork da Lily Allen, The Go! Team e do Diplo como melhores de 2006.

Mais é isso tom, le, baixa, ouve e espera o dia seguinte, mas claro, tem que se informar diariamente.

Obs: Melhores acessiveis de 2006: Arctic Monkeys, Sonic Youth e Sparklehorse.

bruno lima said...

EU TO LOUCO PARA VER MESMO ESSE BOND.

A ROLLING STONES PERDEU O RUMO COM A IVETE SANGALO NA CAPA. ERA MELHOR FECHAREM DE VEZ AS PORTAS.

SAINDO DE FILMES TOM, VC JÁ LEU O LIVRO DO ZECA CAMARGO ?

ABS.

zero said...

vi o trailer do novo 007 e fiquei empolgado, nunca fui fanzão da franquia pois depois do sean ela caiu muito de nível. Mas esse novo parece trazer um 007 na linha jason bourne.
Vi Children of Men, mais um bom filme, fantástica a cena que se passa dentro do carro (meu como manobraram aquela câmera em tão pouco espaço). lembra uma sequencia de guerras dos mundos (familia fugindo de carro) onde a camera navega magicamente dentro e ao redor do carro. ótima a cena da fuga da fezenda tb patética e tensa sem cair no ridículo. E continuo impressionada como the prestige continua ao meu ver um tanto ignorado, o filme é fantástico e quase não falam nele.
forte abraço tom e galera.

Vander said...

concordo com esse negócio da rolling stone, vou comprar essa da sangalo mas é dose, é uma revista que quer fazer média com todo mundo, uma pena, sem personalidade

quando me bate a entressafra de musica, como agora, procuro ouvir discos do passado q nao conheço, agora também acho q tava na hora de acabar com esse monte de banda de musica sacolejante da linha gang of four, tipo bravery, futuheads, etc

mas esse ano teve o arctic e o guillemots q sao muito bons

e a nova do arcade fire é sensacional, clássico instantaneo, espero que passem no teste do segundo disco

Sandman said...

eu nunca fui fan do bond nao, mas antes mesmo desse topic rolar, acabei dando uma olhada no filme pq meu amigoi baixou..e sinceramente me agradou.
Inclusive pelo fato de nao ter essas cenas com carroes, explosoes e tal
vi uma cena em que rolava um poquer.Foi tao bem gravada que tava pra sentir a tensao dos jogadores :)

PEDRO BAMBAATAA said...

feliz natal e próspero ano novo...
a todos os coveiros!!

rock indie? isso ainda existe? rs...

ouvir coisas novas no rock?

algum coveiro consegue isso ainda?

abraços!!

Sandman said...

banda nova tem mtas...ideias novas eh q ta dificil.
hj tava escutando o pet sounds dos beach boys (lancado a 40 anos ) e confirmei que eh realmente raro vc escutar discos como esse hj em dia.
----

Felipe Passarelli said...

Fala tom, cova e fantasmas! ;)

Ainda consigo ouvir coisa nova sim, essa semana mesmo, dois albuns vazaram na internet.

O primeiro foi o polêmico solo da Karen O, que foi vazado e deu moh merda. O guitarrista do TV on The Radio, que fazia parte desse album, ficou muito puto com o cara que vazou a demo, "Karen O At Home", ameaçou o cara no blog dele e dividiu o mundo indie, todos ficaram a favor do Mike, dono do Blog. Depois ele pediu desculpas, mas ele se descabelou.

O album é total Cat Power, totalmente diferente do YYY, o foda é ser julgada antes de ter o album pronto, mas ela recoemdnou umas 3 musicas lá.

Outro que vazou que só vai lançar em Março, é o novo do LCD Soundsystem, "Sounds of Silver". O album é bem estilo Out Hud, musicas longas (9 ao total), bases eletronicas e vocal.. Já to gostando, acho que é melhor que o primeiro....

Abração Feliz Natal pra todos!

tom said...

tem tbm o caso da safra de bandas. no periodo 2004-2005 tivemos otimos discos de otimas bandas como arcade fire, maximo park, scissor sisters, bloc party, the killers, arctic monkeys etc e tal. agora algumas destas bandas lancaram segundos discos mais fracos e as que surgiram, como klaxons e hot chip, sao apenas ok, exceto infadels e o novo do rapture. o segundo do arcade fire ta vindo ai, janeiro/fevereiro. bond: antes dos filmes de verao atuais, ja existiam os filmes turbinados de bond, garantia de diversao na tela do cinema...

Calvin said...

Caramba. Não sou muito de ficar só dizendo "é, concordo", mas penso exatamente igual ao teu último comentário, Tom, especialmente em "e as que surgiram, como klaxons e hot chip, sao apenas ok, exceto infadels e o novo do rapture", sendo que klaxons eu nem ok acho. Das dezenas de últimos álbuns lançados por aí desse novo-rock-ou-o-que-seja nos últimos meses realmente esses dois foram os que ficaram num nível bem acima do resto.

Felipe Passarelli said...

poisé,

o ano foi frustação total em segundo album de artistas.

The Killers, Bloc Party, The Strokes, a expectativa morreu nesses todos.

Por isso é legal conhcer milhões de artistas e acabar com esse rock poser frequente, só ouvir essas bandas que falam na NME e Billboard, coisa que já faço faz tempo.

Tava viajando aqui, as bandas hoje são mais descartaveis, e você pode contratar uma banda foda la fora por um preço de um DJ.

Isso é muito bom pra ambos, gravadora, artista, pois o dinheiro vem dos shows.

A Tower Records faliu, a Virgin esta a falir e quase nao existe mais loja de cd lá fora.

E acho que vocês todos que estão falando mal do Klaxons vão fechar a boca quando eles lançarem o CD, eu aposto, foi a mesma rejeição do Arctic Monkeys ano passado (Agora falam que foi o melhor do ano).

Os caras tem algumas musicas na net só, nem se pode ter uma opnião formada sobre eles, mas de parcial eu já achei a idéia fantástica, os clipes lindos, musicas perfeitas, e elogiado em tudo quanto é revista (sem ser NME)então não estou sozinho.

Já falam neles no próximo Tim, junto com o Radiohead.

Alias, sera que a NME todo ano apresenta um novo grupo pra estourar?? Minhas duvidas, sobre isso, mas mesmo se for eles são do caraio e vão espirrar muito glow em todo mundo heehehe

Vou me lembrar desse post.....

Abraços

Márcio Almeida said...

Meu 007 preferido era Roger Moore, por seu cinismo impagável. Vou ver Cassino Royale, mas fico de pé atrás com a comparação com Batman Begins, que é assistível, mas não empolga, e olha que eu sou fã de história em quadrinhos. Não chega nem no chulé dos Batmans (Batmen?) de Tim Burton. Tom, você que é jornalista experiente, me responda: é possível uma revista como a Rolling Stone brasileira sobreviver sem dar espaço a artistas como Ivete Sangalo, que, independente de se gostar ou não, tem um apelo pop inegável? Se em vez de Ivete Sangalo, a capa fosse o Cansei de Ser Sexy, será que a revista venderia bem? Será que ia ter anunciantes suficientes? Tem jabá para foto e matéria de capa numa revista como a RS nacional? As gravadoras apitam lá dentro?

tom said...

eu gostei dos arctic monkeys logo no primeiro acorde da primeira musica. ja os klaxons, fui com sede no pote e deixei metade do copo por beber (mas comprei dois singles remixes, que sao melhores do que os originais). vamos ver como sera o cd. revistas: ja falei aqui extensamente sobre o assunto: seja rolling stone ou rock press, invariavelmente tem que rolar uma capa mais pop pra vender e contrabalançar as despesas, senao quebra/fecha. no caso da rs, nem adianta reclamar, pq a revista é assim no mundo todo ha mais de 20 anos, ja nao tem mais nada a ver com rock ou alternativo, é uma revista mainstream mesmo. mas toda revista brazuca tem q por um legiao, um maiden na capa vez por outra pra poder no mes seguinte arriscar com uma coisa menos conhecida. faz parte do jogo do mercado, que é voluvel e volatil. qnto ao jaba, vai de cada publicação. algumas vc nota na hora que usam capas compradas, basta ver os anuncios das demais capas coloridas. ainda mais aqui, onde se le pouco ou nada, a capa pode decidir a sorte da revista

tom said...

agora, qnto a gostar ou nao de bond, isos fica por conta de cada um. tbm nao sou um die hard fan, mas os ultimos filmes estavam cada vez piores, ai aparece esse, que é bem bacana pra um filme pg-13 e a gente fica alegre. alias, revi o filme nosabado e ele foi aplaudido em cena aberta duas vzs, fora no final. mantive minha empolgação pelo filme e ate gostei mais...

Rocha06 said...

Eu até acho que vou gostar desse Casino Royale, porque dizem que é um pouco mais realista. O último que me arrisquei a assistir foi Die Another Day e eu ri quase o filme todo, o que eu não sei se é uma boa coisa...
Minha birra com os Klaxons é toda a postura dos caras, a imagem. Eles estão tentando trazer de volta o estilo das raves do começo dos anos 90 e acho muito cedo pra isso. Eu sei que eles são um fenômeno lá no UK, a garotada toda curte, mas pra mim é um pouco style-over-substance.
Tô dando uma parada de ficar catando novidade por aí. Eu realmente acho que nenhuma banda no momento conseguiu prender minha atenção, então vou esperar por uma que consiga. Uma hora aparece.
Assiti um pedaço do show dos SS em Londres, que passou no Multishow, e cheguei à conclusão que o Jake Shears não sustenta vocalmente um show, devido ao excesso de falsettes. Perde o fôlego rápido e fica muito aquém da qualidade das músicas no cd. Ele precisa é de umas backings.

Pacheco said...

Esse foi o melhor bond de todos, em minha opinião.

Sobre música... eu percebi que cansei um pouco de rock nas últimas semanas. Só tenho ouvido música clássica, tom waits, bandas mais pesadas, música brasileira.... acho que esse negócio de baixar tudo e ouvir tudo não dá muito certo não.

Abraço!

NA CIDADE

OCTOBERFESTIVAS:

FESTIVAL DO RIO  ÚLTIMA CHANCE   de 16 a 18 de outubro   Estação NET Botafogo 1 + Estação NET Rio 4 e 5    

ESTAÇÃO NET BOTAFOGO 1: 16/10/2017         Estação NET Botafogo 1  15:00     Ocidental Dir. Neïl Beloufa 16/10/2017         Estação NET Botafogo 1  17:00     Matar Jesus Dir. Laura Mora 16/10/2017         Estação NET Botafogo 1  19:00     Memórias do subdesenvolvimento Dir. Tomás Gutiérrez Alea 16/10/2017         Estação NET Botafogo 1  21:00     As misândricas Dir. Bruce LaBruce

  17/10/2017         Estação NET Botafogo 1  15:00     Ensiriados Dir. Philippe Van Leeuw 17/10/2017         Estação NET Botafogo 1  17:00     Antipornô             Sion Dir. Sono 17/10/2017         Estação NET Botafogo 1  19:00     Patti Cake$ Dir. Geremy Jasper 17/10/2017         Estação NET Botafogo 1  21:00     Meu colégio inteiro afundando no mar Dir. Dash Shaw  

18/10/2017         Estação NET Botafogo 1  15:00     Últimos homens em Aleppo Dir. Firas Fayyad 18/10/2017         Estação NET Botafogo 1  17:00     Cadáveres bronzeados Dir. Hélène Cattet, Bruno Forzani 18/10/2017         Estação NET Botafogo 1  17:00     Sal Dir. Diego Freitas 18/10/2017         Estação NET Botafogo 1  19:00     Alanis Dir. Anahí Berneri 18/10/2017         Estação NET Botafogo 1  21:00     How to Talk to Girls at Parties Dir. John Cameron Mitchell  

ESTAÇÃO NET RIO: 16/10/2017         Estação NET Rio 5             14:15     Kim Dotcom: Agarrado na web Dir. Annie Goldson 16/10/2017         Estação NET Rio 5             16:15     God's Own Country Dir. Francis Lee 16/10/2017         Estação NET Rio 4             18:00     A liberdade do diabo Dir. Everardo González 16/10/2017         Estação NET Rio 5             18:45     Golden Exits Dir. Alex Ross Perry 16/10/2017         Estação NET Rio 4             19:45     As entrevistas de Putin Dir. Oliver Stone 16/10/2017         Estação NET Rio 5             21:00     A vendedora de fósforos Dir. Alejo Moguillansky  

17/10/2017         Estação NET Rio 5             14:15     Encriptado Dir. Nick de Pencier 17/10/2017         Estação NET Rio 5             16:15     Eduardo II Dir. Derek Jarman 17/10/2017         Estação NET Rio 4             17:30     Top of the Lake: China Girl Dir. Jane Campion, Ariel Kleiman 17/10/2017         Estação NET Rio 5             18:45     Titicut Follies Dir. Frederick Wiseman 17/10/2017         Estação NET Rio 5             21:00     Invisível Dir. Pablo Giorgelli

  18/10/2017         Estação NET Rio 5             14:15     Senhora Fang Dir. Wang Bing 18/10/2017         Estação NET Rio 5             16:00     Minha adorável lavanderia Dir. Stephen Frears 18/10/2017         Estação NET Rio 4             17:20     Tangerine Dream: a revolução do som Dir. Margarete Kreuzer 18/10/2017         Estação NET Rio 5             17:50     Cicciolina - Madrinha do escândalo  Dir. Alessandro Melazzini 18/10/2017         Estação NET Rio 5             19:00     O diabo e o Padre Amorth Dir. William Friedkin 18/10/2017         Estação NET Rio 4             19:10     Long Strange Trip: A viagem do Grateful Dead Dir. Amir Bar-Lev 18/10/2017         Estação NET Rio 5             20:30     Ex Libris: Biblioteca pública de Nova York Dir. Frederick Wiseman  

INGRESSOS: R$22,00 / meia: R$11,00 Meia entrada para quem comprou Passaporte

UCI INAUGURA A PRIMEIRA SALA DE CINEMA XPLUS LASER DO BRASIL, NO RIO DE JANEIRO: No ano em que comemora duas décadas no Brasil, a rede UCI reforça sua missão de oferecer ao público a melhor experiência em cinema e o que há de mais moderno no mundo, no mercado audiovisual. No Rio, inova mais uma vez com a primeira sala XPLUS Laser do país. A novidade será no maior complexo de cinemas brasileiro, o UCI New York City Center, que este ano também recebeu a primeira 4DX da cidade, com cadeiras que se movimentam e efeitos especiais. A aquisição do novo projetor a laser torna ainda mais imersiva a tecnologia da XPLUS, que tem projeção 3D de última geração, tela gigante com definição 4K e som Dolby Atmos™, com mais de 54 caixas acústicas e 128 streams de áudio que criam a ilusão de um campo infinito ao redor de cada espectador.

PROGRAMAÇÃO DO BLUE NOTE JAZZ CLUB RIO (ONDE ERA A MIRANDA, NO COMPLEXO LAGOON, NA LAGOA, LADO LEBLON):     Outubro   20/10 – Sexta-feira 21:00 Chick Corea & Steve Gadd Band 23:30 Chick Corea & Steve Gadd Band   Novembro 02/11 Quinta-feira 20:00 Spyro Gyra 22:30 Spyro Gyra   03/11 Sexta-feira 21:00 Spyro Gyra 23:30 Spyro Gyra   04/11 Sábado 21:00 Spyro Gyra 23:30 Spyro Gyra   15/11 Quarta-feira 20:00 Laura Perrudin   16/11 Quinta-feira 20:00 Didier Lockwood Trio 22:30 Didier Lockwood Trio

Tropicália ganha exposição tech com livre reinterpretação conceitual Nos 50 anos do movimento, na Galeria BNDES   Os artistas Barbara Castro e Luiz Ludwig, do estúdio Ambos&&, apresentam uma livre reinterpretação dos conceitos do movimento tropicalista à luz da arte e da tecnologia. Com a exposição Vamos Comer, estimulam o público a “devorar” experiências sensoriais e orgânicas, incluindo quatro instalações de arte computacional. Ela está aberta a visitações na Galeria BNDES, no Rio, entre os dias 18 de outubro e 1º de dezembro, de segunda a sexta, das 10h às 19h

Zucchero (o 'roberto carlos da itália') vem fazer shows no Brasil em outubro: Rio de Janeiro, no dia 26 de outubro, no Teatro Bradesco Rio São Paulo, no dia 27 de outubro, no Teatro Bradesco Porto Alegre, no dia 28 de outubro, no Teatro do Bourbon Country  

AGENDA CUTURAL BARATOS DA RIBEIRO: Sábado, 21 de outubro, a partir das 17h: VESPEIRO com as bandas Estranhos Românticos e Imperfeitos Quinta-feira, 26 de outubro, a partir das 19h: LEVADAS DA BECA, com as DJs Ana Paula Moniz (Beca Brechó), Bia Andrade & Ana Galli + uma convidada surpresa! Sábado, 11 de novembro, a partir das 17h: VESPEIRO com a banda Os Alquimistas (MS) e Mauk + Pedro White & banda fazendo tributo duplo: ao Bruce Springsteen e ao Tom Petty! RUA PAULINO FERNANDES 15, BOTAFOGO/RJ

MOSTRA DE CINEMA ARGENTINO CONTEMPORÂNEO VOLTA À CAIXA CULTURAL RIO DE JANEIRO EM SUA SEGUNDA EDIÇÃO   Histórias extraordinárias apresenta uma seleção com os melhores filmes recentes do país vizinho. Debates com cineastas e especialistas completam a programação Local: CAIXA Cultural Rio de Janeiro – Cinema 2 Endereço: Av. Almirante Barroso, 25 – Centro  (Metrô e VLT: Estação Carioca) Telefone: (21) 3980-3815 Data: de 07 a 19 de novembro de 2017 (terça-feira a domingo)

PROJETO QUARTAS BRASILEIRAS RECEBE, PELA SEGUNDA VEZ,  MOACYR FRANCO, DIA 18, ÀS 16H, NO CENTRO CULTURAL JOÃO NOGUEIRA, O IMPERATOR

Angela Ro Ro leva o show "Amor & Humor" para a Zona Norte A cantora - que pela primeira vez pisa no palco do Centro Cultural João Nogueira -  faz  apresentação única no Méier, dia 29 de outubro, às 19h, no Imperator

estreia: 5º FEIRA/ 19 OUT - ABERTURA DA MOSTRA JÓIAS DO CINEMA DINAMARQUÊS: CINE JOIA DO RIO DE JANEIRO (copacabana) EXIBE SEIS LONGAS INÉDITOS DO PAÍS NÓRDICO; E O PRIMEIRO DOC LONGA-METRAGEM FILMADO NA GROENLÂNDIA.

Depois de regravar sucessos do Pop, Rock e Samba, a Orquestra Petrobras Sinfônica prepara uma homenagem ao reggae. O quarto EP da série “O Clássico é...” trará versões inéditas de “Andei só” (Natiruts), “Minha felicidade” (Roberta Campos), “Um anjo do céu” (Maskavo), “Aonde você mora” (Cidade Negra) e “Segue o baile” (Braza). A primeira apresentação do novo projeto será no Teatro Rival Petrobras, com entrada gratuita, às 20h do dia 18 de outubro (quarta-feira).

(colaborou @DonnieDarko73);

Blog Archive

Buscar

About Me

tom leão
Vanuatu
amigo dos amigos, amante de música, cinema, boa comida, de pedaladas e caminhadas
View my complete profile
Powered by Blogger.

Popular Posts

Translate

Followers